Aeroporto de Imperatriz continua sem combustível, diz Infraero

Segundo a Infraero, os aeroportos estão abertos e têm condições de receber pousos e decolagens, mas as aeronaves que chegarem só podem decolar novamente se tiverem combustível suficiente.

Em nota divulgada nesta manhã de quarta-feira, a  Infraero, que administra 54 aeroportos no Brasil, contabiliza que nove deles continuam sem combustível para as aeronaves por conta da greve dos caminhoneiros. Um deles é o aeroporto de Imperatriz, a segunda maior cidade do Maranhão.

Segundo a Infraero, os aeroportos estão abertos e têm condições de receber pousos e decolagens. Nos terminais em que o abastecimento está indisponível no momento, as aeronaves que chegarem só poderão decolar se tiverem combustível suficiente para a próxima etapa do voo.

Aos passageiros, a Infraero recomenda que procurem suas companhias para consultar a situação de seus voos. Aos operadores de aeronaves, a empresa orienta que planejem seus voos de acordo com a disponibilidade de combustível na rota pretendida.

Os demais aeroportos são:

São José dos Campos/SP
Uberlândia/MG
Campina Grande/PB
Juazeiro do Norte/CE
Palmas/TO
Londrina/PR

Deixe uma resposta