Assassino de Décio Sá mata outro detento em Pedrinhas

Crime aconteceu neste domingo (7), na Unidade Prisional de Ressocialização de São Luís 4 (UPSL 4).

O assassino do jornalista Décio Sá,  Jhonatan de Souza Silva, assassinou um outro interno do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, na noite deste domingo (7). Alan Kardec Dias Motas foi morto por Jhonatan com um pedaço de ferro tirado do banheiro. O crime aconteceu no horário de banho de sol dos detentos.

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), por volta das 7h30 da manhã de ontem, os dois presos entraram em uma briga, e Jhonatan, usando um pedaço de ferro tirado do banheiro, começou a ferir o peito de Alan Kardec. Alan foi socorrido e levado ao Hospital Municipal Dr. Clementino Moura (Socorrão 2), mas não resistiu aos golpes e morreu.

Silva foi levado ao Plantão Central da Vila Embratel para explicar a motivação do crime, e ficará isolado dos demais detentos até a polícia concluir as investigações.

Alan Kardec seria integrante de uma das facções do crime organizado de São Luís. Em 2014 chegou a ser transferido, junto com outros oito detentos, para um presídio federal.

Deixe uma resposta