Bloco tradicional e esporte animam quinta edição da Feirinha da Ponte

A feirinha acontece todos sábados na Praça Maria Firmina dos Reis, a partir das 8h.

A quinta edição da Feirinha da ponte, realizada neste sábado (11), foi marcada por muita animação, além de produtos como frutas e hortaliças com preços acessíveis, vendidas diretamente pelos agricultores assistidos pelo Programa Agropolos, da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), e pelo Sistema de Agricultura Familiar. As atrações culturais movimentaram a feirinha, colocando os participantes para dançar.

A feirinha acontece todos sábados na Praça Maria Firmina dos Reis, a partir das 8h. Além do tradicional Aulão de Zumba, a animação ficou por conta do Tambor de Crioula Flor de Laranjeira e do Bloco Tradicional Os Foliões.

Também estavam disponíveis aos visitantes a exposição e venda de produtos oriundos das iniciativas de capacitação das unidades prisionais, promovidas pela Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP), além do torneio de basquete infantil e infanto, realizado pela Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel) em parceria com o Instituto Iziane Castro.

Para o Jornalista Marcus Saldanha, visitante da feirinha, “a ideia da feirinha na cidade é fundamental, sendo um ponto de encontro das pessoas, entretenimento e sobretudo valorização dos produtores e seus produtos com preços muito justos, movimentando a economia”.

A artesã Ivonete Sales, destacou que “esta feirinha veio para trazer uma oportunidade para nós que somos artesãos e produtores, de expor e comercializar nossos produtos de forma justa e digna, além de trazer alegria para os moradores dessa área”.

“Estou muito feliz em participar desse projeto e de poder também complementar minha renda com as vendas aqui”, disse Ivonete.

A Feirinha da Ponte reúne cultura, gastronomia, esporte e lazer, sendo um excelente atrativo para as manhãs de sábado dos ludovicenses. O projeto é resultado de um trabalho conjunto de secretarias estaduais e municipais.

Além de Sagrima, SEAP e Semdel, fazem parte da iniciativa a Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF), a Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão, Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), Secretaria de Estado do Trabalho e Economia Solidária (Setres) e Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes).

De Secap.

Deixe uma resposta