Campanha alerta para prevenção e tratamento do glaucoma

A cegueira é um problema que afeta atualmente um milhão e duzentas mil pessoas no Brasil

Agência Brasil

Cerca de 80% dos casos de cegueira são evitáveis e tratáveis, segundo dados da Organização Mundial de Saúde, OMS. Isso significa que 700 mil deficientes visuais brasileiros poderiam estar enxergando, caso tivessem consultado um oftalmologista, pelo menos uma vez ao ano.

Como uma tentativa de reduzir estas estatísticas e disseminar conhecimento, instituições governamentais se uniram a médicos e a centros hospitalares do país, para lançar o Abril Marrom. A ideia do movimento, iniciado no ano passado, é incentivar a população a cuidar da saúde ocular.

Neste ano, o foco é o glaucoma, doença caracterizada pelo aumento da pressão ocular, que atinge o nervo óptico, causando lesões irreversíveis e afetando o trânsito de informações visuais vindas do cérebro e recebidas pelo olho.

O oftalmologista Paulo de Arruda Melo Filho, destaca a importância de procurar um especialista para a prevenir e tratar as doenças da visão.

O médico alerta que os cuidados devem começar logo após o nascimento, com a realização do teste do olhinho, próprio para detectar catarata congênita e problemas de retina. Paulo Arruda defende a implementação de políticas públicas destinadas a ampliar o acesso da população a consultas com os oftalmologistas.

A cegueira é um problema que afeta atualmente um milhão e duzentas mil pessoas no Brasil, segundo dados da Sociedade Brasileira de Oftalmologia.

Deixe uma resposta