Coluna
Ponto de Pauta

Fábio Gondim morre pela boca

Envolvido em processos, o ex-secretário do governo Roseana Sarney e o ex secretário de Saúde do Distrito Federal, Fábio Gondim acabou morrendo pela boca ao tripudiar da citação do governador Flávio Dino no inquérito aberto pelo Ministro Edson Fachin. Logo ele que foi denunciado por suposto esquema de pagamento de 30% de propina na Secretaria de Saúde do DF, não cumpria a Lei de Responsabilidade Fiscal, não disponibilizava informações sobre as receitas no Portal da Transparência, nem os repasses Fundo a Fundo, nem as prestações de contas, nem as contratações públicas, nem relatórios da Lei de Acesso à Informação e ainda ocultava despesas. E a resposta veio à galope pela tripudiação por meio dos secretários estaduais Márcio Jerry e Márcio Jardim.

Globo e a política: a história se repete

Embora, os tribunais mostrem posições muito políticas e a cassação da chapa inteira traga mais instabilidade, os sinais do fim podem ser observados pelo comportamento da Rede Globo. Aos poucos o jornalismo da maior emissora do país vai sendo cada vez menos chapa branca com o presidente Michel Temer. É o comportamento da emissora quando há claros sinais do fim dos tempos na política. Não sabemos quando, afinal o TSE pode protelar o processo, mas uma possível queda não é descartada. Ainda mais depois de toda a cúpula do Governo Temer, incluindo o próprio presidente, estar na lista de inquéritos autorizados pelo Ministro Luiz Edson Fachin, o que causou, inclusive, grande rebuliço no planalto e intensa cobertura da emissora.

Wellington pega carona

Como sempre sem um projeto definido, seja como parlamentar, seja como candidato a outro cargo político, Wellignton tem pego carona no discurso de Braide na Assembleia Legislativa. A cena se repete do mesmo jeito em 2016, quando ambos eram cogitados como candidatos a prefeito de São Luís. Previsível.

Braide de olho em 2018

As investidas do deputado estadual Eduardo Braide cada vez mais fortes e contantes contra o Governo do Estado só tem enfatizado sua posição, não somente como oposição parlamentar, mas também suas intenções claras em 2018. Lembrando que, em 2016, antes de anunciar suas intenções às eleições para prefeito de São Luís, as investidas contra a Prefeitura seguiam pelo mesmo caminho. De todos os que se mostram contra o atual Governo do Estado, Braide é o que tem mais aparecido na mídia com o discurso de defesa do povo. Foi o caso da sua participação em recente audiência na Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Maranhão, ao lado do presidente da OAB, Thiago Diaz, outro que tem se mostrado politicamente contra o governo.

Concurso de remoção para professores

Boa notícia para os professores da rede estadual de ensino do Maranhão. O governo do Estado conclui ajustes para publicar edital do concurso de remoção. A publicação deve ser feita pela Secretaria de Estado da Educação, na próxima semana.

Amin na Semdel. Júlio França na Secap

Nos próximos dias, o suplente de vereador Romeo Amin (PCdoB) assumirá a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer da Prefeitura de São Luís. O atual secretário Júlio França será um dos secretários adjuntos na Secretaria da Comunicação Social e Assuntos Políticos (Secap), comandada por Márcio Jerry.

A mudança faz parte das costuras políticas do PCdoB e PDT, que garantiram também o retorno de Julião Amin para a Secretaria de Trabalho e Economia Solidária (Setres) e a posse do suplente de deputado federal Deoclides Macedo (PDT), na Câmara Federal.

Fapema lança plano de trabalho 2017

A Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), realiza nesta terça-feira (11), às 16h, no Auditório do Palácio Henrique de La Roque, o lançamento do plano de trabalho que irá nortear as ações da fundação para o ano de 2017.

Amanhã, durante café com a imprensa, às 7h30, na sede da Fundação, o presidente Alex Oliveira vai apresentar as novas estratégias que fortalecem a articulação com as diversas áreas de atuação do Governo.

IEMA terá recursos do MEC

O Maranhão terá reforço de R$ 17 milhões para investir na educação em tempo integral. A garantia foi dada pelo representante do Ministério da Educação (MEC), Geraldo Andrade de Oliveira, ao governador Flávio Dino, durante solenidade de inauguração da unidade plena do Instituto Estadual de Educação Ciência e Tecnologia (IEMA), no município de Timon.

Os recursos serão investidos na aquisição de equipamentos para as unidades de educação profissionalizante em tempo integral. Até 2018, serão 23 IEMAs em todo o Estado. Atualmente, há sete unidades do IEMA em São Luís, Bacabeira, Pindaré Mirim, Axixá, Coroatá, São José de Ribamar e Timon.

 

Autofagia do PMDB. PT quer distância

O PMDB em toda a sua história nunca esteve tão em pedaços como ultimamente. Dentro do Maranhão oposição se desorganiza, enquanto nacionalmente, Michel Temer e Renan Calheiros estão nitidamente tentando silenciar um ao outro pela sobrevivência no poder. Por outro lado, bastidores mostram que os Sarneys parecem estar indo pelo mesmo caminho de Renan: isolar Temer.
Por outro lado, o PT do Maranhão desta vez quer distância do grupo Sarney na sucessão de 2018 e nenhuma das correntes admite apoiar candidato ligados ao grupo Sarney. A postura da direção nacional para a próxima eleição é não intervir nos diretórios, como ocorreu em 2010 e 2014, quando a legenda foi retirada do palanque de Flávio Dino.