Flamengo abre o placar, sofre virada e agora depende de um empate para avançar na Libertadores.

Em jogo polêmico Flamengo deixa a classificação escapar

Flamengo tem baixo rendimento, abre o placar, mas leva virada da LDU, em atuação apática. Jogadores lamentaram a falta de entrosamento da equipe, e reclamaram bastante dos erros da arbitragem, que validou dois gols irregulares para ambas equipes.

O Flamengo começou evitando os avanços da LDU, e conseguiu abrir o placar em sua primeira chance real: Pará avançou livre pela direita e cruzou na medida para Bruno Henrique marcar. Everton Ribeiro ainda mandou uma bola na trave, mas, perto do fim do primeiro tempo, o empate equatoriano saiu após um chutão que virou lançamento. A bola pesada não quicou como o esperado na área, e Anangonó deslocou Diego Alves cara a cara com o goleiro. Na etapa final, os rubro-negros chamaram os rivais ainda mais para o seu campo. Chicaiza, camisa 10 da LDU, saiu do banco e criou algumas jogadas até conseguir a virada: cortou para o meio após rebatida e chutou no alto para fazer o 2 a 1. O Flamengo não conseguiu mais êxito nos ataques e saiu de capo sem a classificação.

Com a derrota do Peñarol por 3 a 1 para o San José no outro jogo da chave, o Flamengo segue na liderança e, por conta do saldo de gols, depende de um empate contra os uruguaios, fora de casa, na última rodada – ambos possuem 9 pontos. Tanto Flamengo quanto Peñarol ainda podem avançar com qualquer resultado, caso a LDU, que tem 7, não vença o San José, com 4, dentro de casa. Se a equipe do Equador vencer, os rubro-negros estarão eliminados em caso de derrota em Montevidéu.

Deixe uma resposta