Flávio Dino destaca combate à desigualdade social com obras em Belágua

Belágua é um dos municípios com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado e foi contemplado com um pacote de benefícios do Governo do Maranhão nesta sexta-feira (8).

“Estamos ampliando um plano de desenvolvimento que combate a desigualdade social, garantindo uma série de ações importantes para o município em diversas áreas. Fiquei muito feliz em ver que o trabalho unido do governo estadual com o municipal está ajudando e fazendo a diferença para a população de Belágua e de todo Maranhão”, pontuou o governador Flávio Dino, durante agenda na cidade de Belágua.

Belágua é um dos municípios com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado e foi contemplado com um pacote de benefícios do Governo do Maranhão nesta sexta-feira (8). A cidade está incluída no Plano Mais IDH, do Governo do Maranhão, que tem como meta melhorar os índices de desenvolvimento com obras na saúde, educação, saneamento básico, infraestrutura, cidadania e outras áreas.

“O Governo está presente em nosso município como outro nunca esteve. Hoje, Belágua tem uma gestão de Estado que apoia e é compromissada com as melhorias. O governador Flávio Dino está ajudando a nossa comunidade. Trouxe água, escola, vias melhores. É um gestor que está conosco, todos os dias”, destacou o prefeito Helton Costa.

A entrega do sistema de abastecimento de água, que inclui poço e novo reservatório de água, contemplou moradores do Conjunto Alvorada, na sede do município. Foram seis quilômetros de rede de abastecimento que ampliou em 85% a capacidade de armazenamento.

No bairro Santa Clara, pela primeira vez os moradores terão sistema de abastecimento de água. Para Fabiana Alves Araújo, 45 anos, a medida é umas das mais importantes. “Antes a gente tinha que pegar água longe da casa, agora não vamos ter mais esse problema. Tenho criança e ter água em casa é uma benção”, disse.

A dona de casa Raimunda Nonata Saminês, 30 anos, mora com o marido e a filha de três anos no povoado Santa Clara. A chegada da água encanada trouxe alívio para ela. “Era bem difícil quando mudei para cá e ser beneficiada com essa água na nossa casa é um sonho. Poder fazer a comida sem preocupação, tomar banho quando a gente quiser, não tem alegria maior. Melhorou cem por cento. Estou gostando demais”, ressaltou a moradora.

Além da água encanada, moradores ganharam ainda banheiros equipados. Moradores do Conjunto Alvorada também foram beneficiados com a ação.

Durante a agenda, equipes da Secretaria de Estado de Saúde (SES), por meio da Força Estadual de Saúde do Maranhão (Fesma), garantiram serviços à população com atendimento básico e consultas.

“A importância dessa equipe na minha vida é como um milagre. Eles me ajudaram a conseguir o atendimento que minha filha precisava e hoje ela está bem e eu feliz que nem sei como agradecer. Ela está em tratamento e tenho, até hoje, todo o apoio que preciso”, disse a dona de casa Eliete Araújo, mãe da pequena Sara.

As famílias agricultoras também foram beneficiadas com as políticas públicas estaduais e receberam uma patrulha agrícola para impulso da atividade rural.

Outro avanço é o acesso à internet com a implantação do projeto Maranet, rede de internet gratuita disponibilizada pelo Governo do Estado. O sistema foi inaugurado no povoado Lagoa dos Costas. O projeto consiste em wi-fi grátis, instalado em locais que possibilitem a participação da população, a exemplo de praças e feiras livres.

“Este é o primeiro de outros pontos de internet que serão instalados pelo Maranhão e nos alegra começar por Belágua, que é um dos municípios mais carentes e esse recurso vai garantir a possibilidade de aprendizado e maior acesso a informações diversas. O objetivo é oferecer internet gratuita em locais de grande movimento para que mais maranhenses sejam incluídos no mundo digital”, explicou o secretário Davi Telles.

A Rede de Internet Grátis do Maranhão (Maranet) integra o programa Cidadania Digital.

Políticas públicas em Urbano Santos

O projeto Maranet também foi inaugurado na cidade de Urbano Santos durante agenda do governador Flávio Dino nesta sexta-feira. Na ocasião, foram entregues oito mil fardamentos escolares para alunos da rede pública e o governador anunciou a ampliação da equipe de obras da estrada que liga Urbano Santos a Barreirinhas. Nesta etapa são realizados serviços de drenagem e piçarra preparando para a colocação do asfalto, no trecho de Barreirinhas.

“Essa união faz a força e, dessa forma, conseguiremos vencer os problemas. Vamos seguir lutando para desenvolver essa cidade e o Maranhão”, reforçou Flávio Dino.

A prefeita Iracema Vale destacou a presença do governador como “mais um motivo a comemorar na realização de obras, a exemplo da estrada, que é um sonho sendo realizado, somado à série de benefícios que estão garantidos à nossa população”.

O município também recebeu uma viatura, obras do Mais Asfalto, motoniveladora, recursos de apoio à agricultura familiar, além de R$ 700 mil destinados à área da saúde.

Mais obras em Coelho Neto e Aldeias Altas

Obras e ações da gestão estadual também foram entregues para a população de Coelho Neto e Aldeias altas nesta sexta-feira. Além da assinatura de ordens de serviços para obras do Mais Asfalto e construção de uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), o governador vistoriou as obras de conservação e manutenção do Entroncamento da BR-316, entregou o novo prédio do Centro de Ensino de Coelho Neto, participou da entrega da Escola Municipal Francisco Cleber Sampaio dos Santos e visitou a sede do Viva/Procon.

O prefeito de Coelho Neto, Américo dos Santos, agradeceu ao governador o atendimento de demandas para a cidade. “Isso mostra a sensibilidade do governador com a educação maranhense e com nosso município. Essa escola era um pedido antigo e que agora foi atendido. O Governo do Estado está de parabéns”, reforçou o prefeito.

No município de Aldeias Altas, a transformação chegou ao Centro de Ensino Teófilo Dias. Construída em 1965, desde 2001 a escola não passava por uma reforma. Para levar uma estrutura digna e mais qualidade de ensino e aprendizagem para 950 estudantes, o Governo do Maranhão investiu mais de R$ 730 mil mudando o cenário que antes era de uma escola sucateada para uma escola digna.

Deixe uma resposta