Apoio de vereadores fortalece campanha de Márcio Jerry em São Luís

As atividades de campanha organizadas esta semana por vereadores tem contribuído para fortalecer a campanha do candidato a deputado federal Márcio Jerry em São Luís. Esta semana, o ex-secretário estadual de comunicação e assuntos políticos cumpriu agenda na capital maranhense, em atividades organizadas pelos vereadores Fátima Araújo, Marcelo Poeta e pelo presidente da Câmara Municipal, Astro de Ogum.

Na noite desta quarta-feira (12), Márcio Jerry apresentou a sua candidatura a deputado federal à população e lideranças no espaço do arraial Pertinho de Você, na Cohama, em reunião organizada com o apoio do vereador Astro de Ogum.

A reunião contou com a participação do deputado federal e candidato ao senado, Weverton Rocha; do deputado estadual e candidato à reeleição Hélio Soares; dos integrantes do grupo Arte Jovem; e de lideranças de várias comunidades da capital maranhense.

“Eu estou apostando de verdade no Márcio Jerry, trabalhando e buscando. Tenho com ele uma amizade que vem sendo construída de maneira espetacular. É uma pessoa que está junto do governador Flávio Dino e construiu uma agenda positiva em bairros de São Luís que estavam esquecidos”, lembrou Astro.

Em sua fala, Márcio Jerry lembrou o trabalho  ao lado do governador. “Tive a oportunidade de ser secretário do governador e, como tal, ajudei a desenvolver muitas das ações que fazem do Maranhão um estado respeitado Brasil afora e que fazem de Flávio Dino um governador com mais de 60% de intenções de voto. Agora queremos ajudá-lo a fazer ainda mais”, discursou.

CAMINHADA

Márcio Jerry também participou de uma caminhada pelo conjunto Santos Dumont, Vila Conceição e João de Deus junto com o deputado estadual e candidato à reeleição Othelino Neto. A atividade foi organizada pela vereadora Fátima Araújo.

“Caminho junto com Flávio Dino e Márcio Jerry desde o ano de 2006 e eles nunca me decepcionaram. São pessoas que realmente vêm fazendo a diferença no Maranhão. Márcio é uma pessoa que sempre somou com esta comunidade”, disse a vereadora.

Na tarde de terça-feira (11) o candidato já havia participado de uma caminhada no bairro do Anil, com a presença do governador Flávio Dino e de Othelino Neto, em atividade organizada pelo vereador Marcelo Poeta. “O voto em Márcio Jerry nessas eleições é de gratidão pelo apoio ao nosso mandato e à comunidade do Anil”, disse ele na ocasião.

PT aprova apoio a Flávio Dino em Encontro Estadual

O Partido dos Trabalhadores do Maranhão confirmou apoio à pré-candidatura do governador Flávio Dino (PCdoB). A decisão foi tomada pelos delegados do partido no Encontro Estadual, na tarde desta sexta-feira (27), no Auditório da Assembleia Legislativa.

“Encontro Estadual do PT aprova coligação com o PCdoB e partidos aliados para reeleger #FlavioDino governador do Maranhão. #LulaLivre”, anunciou o dirigente petista Francisco Gonçalves, por meio das redes sociais.

Votaram a favor da aliança com o PCdoB 149 delegados, enquanto 31 petistas votaram contra. Sete delegados se abstiveram.

O pré-candidato a deputado estadual pelo PT, Luiz Henrique Lula da Silva, defendeu a participação do PT na coligação Todos pelo Maranhão, liderada pelo governador Flávio Dino. Ele afirmou que Dino representa uma nova fase mudanças para o Estado.

A legenda deverá disputar as eleições proporcionais para a Assembleia Legislativa e Câmara Federal com chapa própria.

A oficialização do apoio do PT a Flávio Dino foi comemorada pelo presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry. “Abraço especial aos companheiros e companheiras do PT pela aprovação da aliança para reeleição do governador Flávio Dino. “Vai avançar, vai avançar, a unidade popular”. Viva !”, afirmou em sua conta no Twitter.

Amanhã (sábado), às 8h30, a coligação Todos pelo Maranhão, que reúne 15 partidos, homologará a candidatura de Flávio Dino, no Multicenter Sebrae.

“Sem apoio da população, Escola Digna não seria possível”, afirma Felipe Camarão na Timbira

Levando ao público as ações realizadas desde 2015 na Secretaria de Estado de Educação (Seduc), da atual gestão do Governo do Maranhão, o secretário Felipe Camarão concedeu entrevista nesta segunda-feira (2) ao Programa Bom Dia Secretário, da Rádio Nova 1290 Timbira. Ele enfatizou uma série de benefícios conquistados pela população maranhense, como o criterioso trabalho de educação desenvolvido no estado.

“Eu quero começar agradecendo em nome do governador Flávio Dino o apoio que nós temos recebido da população, principalmente dos educadores do Maranhão e dos estudantes. Sem eles nada disso seria possível. Está havendo um movimento bonito em torno da macropolítica, como o Programa Escola Digna. O programa não é somente a substituição das escolas de taipa, de barro, mas que tem o objetivo de melhorar a educação de todo o estado, colaborando com as prefeituras, construindo e reconstruindo a rede estadual do Maranhão. Em breve chegaremos em todas, climatizando, reformando e construindo”, destacou.

Com o recorde de equipamentos entregues em junho, sendo 34 em um mês, Felipe Camarão deu destaque às escolas construídas e aos Faróis dos Saberes. “O Programa Escola Digna também são os IEMAs, as escolas em tempo integral, o Bolsa Escola, o Cidadão do Mundo, ressaltando uma outra política de educação, e o melhor, com uma gestão democrática. E nesse mês de junho nós demos um passo enorme, sendo que na maioria essas escolas saíram do chão, entregamos Faróis dos Saberes, efetivamos as rondas escolares, construímos quadras esportivas em cidades que nunca tiveram, como o exemplo da cidade de Governador Newton Bello, o que leva e garante a prática de esporte para esse povo”, reiterou.

Reconhecendo de forma positiva que o Governo do Maranhão vem plantando educação para colher desenvolvimento, o ouvinte Alberto Sampaio, que expressou essa frase, foi um dos primeiros a interagir com o chefe da pasta por meio da rádio. “Este é o Maranhão que queremos, de todos nós. Estamos apoiando muito o Governo e principalmente o desenvolvimento da Educação”, pontuou.

Já o ouvinte Joelson Chaves de Queiroz parabenizou o Governo do Maranhão pela iniciativa e extensão do Programa Escola Digna. “Quero parabenizar o Escola Digna e dizer que ele é essencial para a melhoria do povo”, validou.

Maior remuneração 

Citando números, Felipe Camarão deu destaque a maior remuneração salarial dos professores do Ensino Médio da rede estadual do país. Pontuando a progressão salarial no Estado, Felipe lembrou que os educadores que estão em começo de carreira recebem, por 40 horas trabalhadas semanalmente, mais de R$ 5.800. Em comparação, ele destacou que na cidade de São Paulo o professor na mesa situação ganha R$ 2.400. “O governador faz uma valorização da nossa classe com o pagamento desse piso salarial”, comentou.

Entre outras temáticas, o secretário falou dos investimentos em formação de professores, do critério das eleições dos gestores escolares de educação, dos empenhos para as doutrinas pedagógicas, da unificação e ampliação das matrículas, da abertura dos concursos públicos na área de educação, dos seletivos abertos paralelamente aos concursos, na construção de escolas próprias, na melhoria das estruturas e revitalizações das instituições de educação.

Com apoio do Governo do Maranhão, começa neste fim de semana os arraiais de bairros

O São João de Todos 2018 continua movimentando São Luís em diversos pontos da cidade. Neste final de semana começa a festança nos arraiais de bairros com apresentações de bumba meu boi, forró, shows, cacuriá e muitas outras atrações. O evento é realizado com apoio do Governo do Maranhão.

Acesse a programação completa do São João de Todos 2018 no site http://www.ma.gov.br/saojoaodetodos/.

No Ceprama, Largo de Santo Antônio e João Paulo os arraiais começam a partir desta sexta-feira (22), com programação variada.

No Largo de Santo Antônio, a programação terá roda de capoeira, seguido do tambor de crioula de Mestre Felipe, show da banda maranhense Afrôs, encerrando com apresentação do Boi de Zabumba Mestre Basílio e Boi da Maioba.

No primeiro dia do Arraial do Ceprama, show com o cantor maranhense Mano Borges e os bois Pirilampo e Brilho da Terra (orquestra) são algumas das principais atrações da noite.

Já no João Paulo, a sexta-feira será animada com apresentações de bumba meu boi em diversos sotaques, Boi Estrela da Mata (matraca), Boi da Chapada (orquestra), Boi Unidos Venceremos (Zabumba) e Boi Mimo de São João (orquestra), além de várias outras atrações.

A partir deste sábado (23), outros bairros se juntam à grande festa. A brincadeira acontece nas comunidades do Bairro de Fátima, Vila Embratel, Cidade Operária, Anjo da Guarda, Cohatrac, João de Deus, Liberdade, Anil, João Paulo, Ceprama e Largo Santo Antônio.

Além dos grupos de cultura popular, a programação dos arraiais de bairros também contará com shows de diversos artistas maranhenses.

Neste final de semana tem o cantor Fernando de Carvalho (arraial da Vila Conceição do João de Deus, sábado), Tutuca (Ceprama, sábado), Roberto Ricci (Anjo da Guarda, sábado), Carol Cunha (Anil, domingo), Zé Lopes (Liberdade, domingo), Gabriel Teixeira (Cidade Operária, domingo) e muitos outros.

Flávio Dino recebe banda campeã nacional e confirma apoio com Maranhão Musical

Cerca de 40 integrantes da Banda de Música Bruno Ferreira, de Santa Rita, visitaram nesta sexta-feira (15) o governador Flávio Dino no Palácio dos Leões. Na ocasião, eles receberam as homenagens pelos títulos locais e nacionais conquistados em campeonatos de bandas e fanfarras e também a confirmação do apoio do Governo do Estado para as ações desenvolvidas pelo grupo musical.

De acordo com o secretário de Cultura e Turismo, Diego Galdino, a promoção e o patrocínio de bandas e fanfarras são garantidos há três anos, e o resultado é a oferta de oportunidades a jovens e crianças.

“Agora temos a banda campeã, de Santa Rita, nos visitando e ficamos muito felizes. O governador anunciou a aquisição de novos kits para esses grupos, ajudando a economia da cultura, economia criativa. E esse é o resultado: meninos e meninas que têm oportunidade na vida através da cultura, através da música de se desenvolver, ter um futuro mais promissor dentro do Maranhão”, comentou Galdino.

A Banda de Música Bruno Ferreira recebeu os títulos Maranhense, Norte-Nordeste e Brasileiro de Bandas e Fanfarras no ano passado e contou com o Governo do Maranhão para participação nas competições.

Além disso, o Executivo estadual também tem garantido a entrega de kits de instrumentos para escolas de música com o programa Maranhão Musical. O projeto vem entregando instrumentos musicais para várias cidades.

Para o maestro Neto Santos, que começou na banda há 15 anos, profissionalizou-se e hoje comemora os resultados, os títulos são fruto de esforço. Ele também se sentiu reconhecido com o encontro com o governador.

“Tudo o que conseguimos é graças ao esforço, dedicação desses meninos. E hoje estar aqui – apresentar para o governador e receber dele esse reconhecimento – é muito importante, nos traz um fôlego novo, nos traz um grande apoio”, disse.

Banda 
Composta por 70 músicos entre os 13 e 28 anos, a Banda de Música Bruno Ferreira leva o mesmo nome da Escola de Música mantida pelo município e que homenageia um importante músico local. Na escola, são atendidos 216 estudantes.

Antonio José Rocha, de 28 anos, é o integrante mais antigo da banda. No grupo ele conheceu a esposa, estudou, se qualificou e hoje é professor de trombone: “A música representa a minha vida, ela faz parte do meu dia a dia e me deu tudo o que tenho”.

Assim como o Antonio, os outros 40 componentes que vieram a São Luís aproveitaram e visita e também conheceram o acervo do Palácio dos Leões.

Lula tem “muita gratidão” pelo apoio de Flávio Dino, diz presidente do PT

A presidente do Partido dos Trabalhadores, a senadora Geisi Hoffmann, agradeceu as constantes declarações de apoio do governador Flávio Dino ao ex-presidente Lula. “Temos muita gratidão ao governador Flávio Dino”, disse Gleisi. “Ele teve declarações importantes. É um companheiro valoroso na defesa do presidente Lula”, afirmou.

Gleisi confirmou que a legenda do ex-presidente Lula vai apoiar a reeleição do governador Flávio Dino. Disse que o apoio já está fechado, independente da negociação por uma participação na chapa majoritária ou não.

As declarações foram dadas em entrevista ao programa Ponto Continuando da Rádio Mais FM.

A senadora é uma das poucas pessoas autorizadas a visitar Lula todas as semanas.

Kit Pequeno Maranhense ajuda mães a cuidar dos bebês

Entre os programas voltados especificamente para as mães e os recém-nascidos no Estado, o Pequeno Maranhense já garantiu dignidade para milhares de mulheres e bebês. É um projeto do Governo do Maranhão que entrega um kit para os primeiros cuidados da criança.

O kit de cuidados é composto de fraldas, toalhas, gazes, álcool em gel e cartilha informativa sobre gestação, parto e pós-parto, material essencial para as mães que não têm condições de comprar os produtos. Além disso, o projeto fortalece o compromisso integrado das redes municipal e estadual e a importância do trabalho humanizado, acolhendo não só as mães, mas o bebê e familiares.

Quem recebeu os produtos na última quarta-feira (9) foi uma das mais novas maranhenses, Laura Saory dos Santos. Ela veio ao mundo após a mãe, Axyelly Rose Santos dos Santos, de 23 anos, passar por mais de 11 horas de trabalho de parto na Maternidade Nossa Senhora da Penha, no Anjo da Guarda, em São Luís.

“Eu estou tão feliz com a forma que fui atendida e como trataram minha filha. E ainda ganhei um kit para que eu possa dar banho na minha filha. É um benefício muito bom. Sem o apoio do poder público, eu imagino que seria mais difícil. Tive várias enfermeiras que me ajudaram”, comenta.

Feliz com a primeira netinha, a mãe de Axyelly, Maria de Fátima da Silva Santos, fala da diferença em que encontra a maternidade nos dias atuais. Ela tem 5 filhos e relata que teve todos em maternidade pública, mas na época o atendimento não tinha a excelência que presenciou no nascimento da Laura. “Hoje é muito mais humanizado e eu fiquei surpresa como fomos tratadas. Estou alegre demais”, conta.

Cleiciane Melonio diz que kit é ‘mimo muito lindo’. (Foto: Jeferson Stader)

Apoio

De 1º a 8 de maio já foram realizados mais de 30 partos com a entrega de kits para as mamães na Maternidade Nossa Senhora da Penha. A primeira higiene do neonato tem por finalidade remover secreções maternas e reduzir a colonização microbiana. O kit contempla a efetividade dessa ação, visto que algumas usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS) não têm condições financeiras que possibilitem a compra de fralda.

Além da Nossa Senhora da Penha, estão incluídas no programa a maternidade Benedito Leite e a Maternidade Marly Sarney. Hospitais regionais e macrorregionais como os das cidades de Barreirinhas, Coroatá e Itapecuru também oferecem kits para mães.

A diretora e enfermeira da Maternidade Nossa Senhora da Penha, Luciana Gomes Ferreira Lindoso, reitera que o maior objetivo do Programa Pequeno Maranhense é o incentivo ao pré-natal, que atua na diminuição da mortalidade materna e neonatal. “É importante que as mulheres realizem o pré-natal certinho, acompanhado pela equipe médica. Isso é fundamental em termos de previsão e detecção precoce de patologias, o que acaba proporcionando o desenvolvimento saudável do bebê e evitando maiores riscos para as mulheres na gravidez”, pontua.

Quem pode

Para ser contemplada no Programa Pequeno Maranhense, a gestante precisa ter realizado o as 6 consultas do pré-natal (4 com enfermeiros e 2 com médicos), das sete pré-definidas pelo Ministério da Saúde, os exames de primeiro, segundo e terceiro semestre, 3 ultrasons, e ter participado das rodadas de diálogos e das atividades educativas de orientação na rede pública estadual de saúde. Elas também devem comprovar que tomaram vacinas e fizeram exames de rotinas do pré-natal (VDRL, HIV, Tipagem Sanguínea e Hemograma completo).

Todos os requisitos acima foram preenchidos pela futura mãe Cleiciane da Silva Melonio, de 29 anos, que está no oitavo mês de gestação. Ela conta que está muito feliz em participar da roda de diálogos com outras mães, e que todo o conforto e a segurança oferecidos na Maternidade Nossa Senhora da Penha a fizeram optar por realizar o parto no local.

“Aqui os médicos e as enfermeiras são muito atenciosos. Eles estão sempre nos ajudando. Às vezes a gente fica fragilizada, mas eles nos passam segurança. Já estou contando as horas para ver a cara do meu bebê e ganhar minha bolsinha com as coisinhas dele. É um mimo muito lindo”, relata.

Quem também está na expectativa de receber o kit do Pequeno Maranhense é Ciele Sousa Costa, gestante de 8 meses da Ana Júlia. “Eu já conheço o kit porque a minha mãe ganhou meu irmãozinho nesta maternidade. Eu achei muito cuidado e atenção por parte da maternidade, dando algo tão essencial, que muitos pais não têm condições de arcar. Eu estou feliz em ter sido acompanhada por esses profissionais”, elogia.

Realizado desde maio de 2016 pela a Secretaria de Estado da Saúde (SES), em parceria com o Instituto Acqua, o programa já beneficiou mães de 61 municípios maranhenses, além de Marabá, no Estado do Pará.

“Moradores afetados pelas chuvas receberão novas medidas de apoio”, diz Flávio Dino

O governador Flávio Dino afirmou, nesta quinta-feira (12), que os moradores atingidos pelas fortes chuvas no Maranhão receberão novas medidas de apoio do Estado, além das diversas ações que já estão em curso. A declaração foi feita durante entrevista à Rádio Trianon AM 740, de São Paulo.

“Estamos vivendo uma situação emergencial que tem o nosso acompanhamento pessoal há várias semanas, com equipes da Defesa Civil, Fesma, entrega de mantimentos, água e outras ações”, afirmou o governador. Flávio acrescentou que nesta sexta-feira haverá reforço nessas medidas de apoio.

Durante a entrevista, o governador também fez um rápido balanço sobre os avanços conquistados em todas as áreas desde 2015. Entre eles, o maior salário para os professores da rede estadual em todo o Brasil. São R$ 5.750,83 para a jornada de 40 horas para quem tem licenciatura plena.

“Temos um alto nível de acompanhamento dessa questão realmente estratégica da melhoria da educação, vamos ter neste ano a maior nota do Ideb da história do Maranhão”, acrescentou. O Ideb é o principal indicador sobre o ensino básico no Brasil.

Direção certa

“Temos um comando, uma direção de programas para a redução da desigualdade social. Temos transparência com o dinheiro público. Quando cheguei, nosso Portal da Transparência era um dos piores do Brasil, e hoje é um dos melhores. Tirou nota 10 no ranking da CGU (Controladoria Geral da União). Todas as informações sobre o dinheiro púbico estão lá”, disse.

Flávio também lembrou que, antes, o Complexo Penitenciário de Pedrinhas era conhecido mundialmente pelo caos. “Revertemos isso, conseguimos avançar bastante”, afirmou, referindo-se também ao aumento de mais de duas mil vagas no sistema penitenciário com a entrega de novos presídios.

Tudo isso foi feito, frisou o governador, mesmo com a perda de R$ 1,5 bilhão em transferências federais por causa da pior crise econômica do país nos últimos cem anos.

“Tivemos o maior crescimento da economia entre todos os Estados em 2017, e neste ano também vamos ter crescimento. Já há um interesse do empresariado em investir no nosso Estado. Tenho muita convicção de que o Maranhão vai conseguir passo a passo ser conhecido não como terra de problemas, como era antigamente, mas como terra de soluções, ideias, gente talentosa”, afirmou.

Apoio do governo é fundamental para o produtor, diz novo secretário de Agricultura Familiar

O novo secretário de Estado da Agricultura Familiar, Júlio Mendonça, assumiu o cargo nesta semana com a missão de manter e incrementar cada vez mais as políticas de apoio ao pequeno agricultor.

De acordo com o secretário, o Governo do Maranhão trabalha em duas grandes frentes na agricultura familiar. “A primeira é fazer que as pessoas possam comer, ter pelo menos três refeições por dia e combater a pobreza”, conta, ressaltando o papel do Plano Mais IDH nessa missão. O Mais IDH leva uma série de ações para desenvolver as 30 cidades mais pobres do Estado.

A segunda frente é o adensamento da cadeia produtiva. Ou seja, garantir mais condições para que os pequenos agricultores melhorem e ampliem a produção. “Nós estamos elevando a agricultura familiar, na qual temos como meta a política de substituição de importações”, afirma durante entrevista à Nova 1290 Timbira.

Segundo o secretário, um dos grandes problemas que o agricultor familiar encontra é não ter escala de produção. Ou seja, não conseguir produzir o suficiente para fazer o produto chegar até os supermercados. Isso faz que o produtor mantenha um modelo mais precário de comercialização. Por exemplo, numa banca improvisada, na qual boa parte dos produtos acaba sendo descartada.

Apoio permanente

Mendonça destaca o papel fundamental exercido pelo Plano de Aquisição de Alimentos (PAA), que deu um salto desde 2015. Nos últimos três anos, mais de cinco mil famílias de pequenos agricultores maranhenses foram beneficiadas com o PAA. O programa consiste em comprar alimentos de pequenos produtores para abastecer escolas e outras entidades.

“O PAA dá o suporte e a escala de que o produtor precisa”, diz Mendonça. Os valores aplicados em 2017 (R$ 18 milhões) foram três vezes maiores do que era destinado em 2014 (R$ 6 milhões).

“O PAA é um programa fundamental porque consegue avançar em várias vertentes, tanto na produção quanto na comercialização.”

Problemas históricos

O secretário lembra que o Maranhão teve o maior crescimento econômico entre todos os Estados em 2017, puxado justamente pelo agronegócio. No entanto, a maior parte da agricultura familiar maranhense ainda é para subsistência, e não para comercialização.

Esse problema começou a ser combatido em 2015. “Quando o governador Flávio Dino criou a Secretaria de Agricultura Familiar, formou um arcabouço institucional para o desenvolvimento dos pequenos produtores, mesmo sob a crise econômica no Brasil”, afirma Mendonça.

“Os problemas foram acumulados durante 50 anos. Seria uma falácia dizer que está tudo resolvido na agricultura familiar. Mas demos grandes passos em todos os sentidos.”

“Antes o Maranhão não se preocupava com agricultura familiar, agora isso mudou”, acrescenta.

População de áreas afetadas pela chuva recebem apoio do governo do Estado

O Governo do Maranhão continua o trabalho de apoio às famílias desabrigadas e desalojadas depois das fortes chuvas da semana passada no interior do Estado. Marajá do Sena, Pedreiras e Trizidela do Vale são as cidades mais atingidas com as chuvas até o momento e contam com monitoramento permanente do Corpo de Bombeiros, por meio da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil.

Uma força-tarefa formada por várias secretarias e órgãos da gestão estadual atua de forma coordenada para o apoio aos desabrigados desde os primeiros dias das fortes chuvas, aplicando o Plano de Contingência para desastres relacionados às chuvas.

Por causa do risco de enchentes nas cidades de Trizidela do Vale e Pedreiras, a Defesa Civil mantém uma equipe 24 horas para garantir a pronta intervenção em caso de necessidade.

Marajá do Sena

No município de Marajá do Sena, segundo a Defesa Civil, a situação de emergência já foi reconhecida pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, depois que o Governo do Estado e a Prefeitura da cidade enviaram relatório ao órgão.

Até o momento, 401 pessoas estão desalojadas e duas pessoas estão desabrigadas. No total, 114 imóveis foram afetados pela enxurrada, além da prefeitura, da escola e da igreja da cidade.

“A articulação entre os órgãos estaduais e municipais, momentos após a enxurrada ocorrida no município de Marajá do Sena, possibilitou um gerenciamento eficiente do desastre permitindo, portanto, o apoio e suporte necessário aos afetados”, conta o coordenador adjunto de Proteção e Defesa Civil, major Jairon Moura.

As famílias desalojadas foram realocadas em casas de familiares e vizinhos. As duas pessoas desabrigadas estão sendo assistidas pela prefeitura de Marajá do Sena.

Fesma

Três equipes da Força Estadual de Saúde (Fesma) estão prestando assistência às famílias deste o último sábado (31).

As equipes de saúde são responsáveis por ações de imunização e também por instruir os moradores e agentes de saúde locais sobre a importância da atenção a sinais e sintomas como febre de início súbito, cefaleia, mialgia, vômitos, prostração, diarreias, dispneia e ferimentos, muito comuns em situações de inundações.

“As equipes continuam em Marajá do Sena porque, com relação a saúde da população, a parte de mais risco é quando as águas baixam porque deixam detritos que funcionam como fonte de contaminação. Então, no momento da inundação, o perigo são os acidentes. Depois da inundação, depois que as águas baixam, a gente ainda tem aquilo que chamamos de janela de risco, que está relacionado à questão de contaminação”, conta o secretário de Estado de Políticas Públicas, Marcos Pacheco.

“Geralmente, de cinco a sete dias podem aparecer doenças diarreicas e doenças febris; e é nesse momento que é importante a presença da Fesma, exatamente por isso que eles estão lá com a ordem de continuar esse trabalho de monitoramento”, completa o secretário.

Acesso

Equipes da Secretaria Estadual de Infraestrutura permanecem trabalhando para a breve recuperação das pontes de acesso a povoados da zona rural que foram levadas pela chuva.

“Ainda no sábado, fizemos a recuperação da estrada que havia sido cortada, recuperando a trafegabilidade da via e iniciamos novas providências para a recuperação das pontes. Aumentamos o número de equipamentos e homens trabalhando nas estradas e também dentro dos municípios, auxiliando nas demandas das gestões municipais a procederem a limpeza e desobstrução das vias urbanas”, conta o secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto.