Prefeitura de São Luís intensifica serviços de limpeza em bairros e nas principais vias da capital

A Prefeitura de São Luís, por meio do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, segue avançando nos serviços de capina e roçagem na capital e desde o início de 2018 já capinou quase seis milhões de metros quadrados em toda a cidade. Os serviços, que seguem orientação do prefeito Edivaldo, são executados regulamente nos principais corredores de tráfego de São Luís, praças e outros logradouros de grande circulação de pessoas. O objetivo é manter a cidade limpa, eliminar possíveis focos transmissores de doenças e, ao mesmo tempo, contribuir para melhorar ainda mais o paisagismo urbano e a qualidade de vida da população.

Ao longo da última semana, foram capinados e roçados os canteiros centrais e passeios das avenidas Jerônimo de Albuquerque, José Sarney (São Cristóvão), dos Holandeses, Carlos Cunha, dos Africanos, Colares Moreira, Guajajaras, Maria Alice (Olho d’Água) e Anel Viário. À medida que os agentes de limpeza vão concluindo uma via, os serviços avançam para outros corredores de tráfego da cidade.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela, informa que os serviços de capina e roçagem são programados de forma que todas as avenidas da cidade recebam estas ações com a mesma periodicidade. “A programação executada pela Prefeitura de São Luís é feita para garantir que a capina nos canteiros centrais dos grandes corredores de tráfego da nossa cidade esteja sempre em dias para não impedir a passagem dos pedestres e causar outros transtornos à população”, disse.

Além das avenidas e ruas internas dos bairros de São Luís, a Prefeitura também faz a capina e roçagem de logradouros como praças, equipamentos públicos de lazer e turísticos, escolas e entre outros. A capina e roçagem são serviços que retiram a vegetação daninha pela raiz, com a intenção de conter o seu crescimento. Desse modo, é possível desobstruir os mecanismos de drenagem rápida de água da chuva. Além disso, a capina e roçagem aprimora o aproveitamento de espaços habitados na cidade, além de garantir o embelezamento das áreas públicas. Remover vegetais tidos como daninhos também ajuda a evitar que bocas de lobo, ramais e galerias ao redor do terreno fiquem entupidas.

A Prefeitura intensificou os serviços de limpeza urbana para a campanha de combate ao mosquito Aedes aegipty com ações bairro a bairro. A última ação do tipo aconteceu no Cohafuma. A capina e roçagem foram realizadas em mais de 50 ruas do entorno do Cohafuma, Vila Progresso e Jardim Progresso. A ação seguirá para outros bairros da cidade.

A manutenção deste trabalho contribui ainda para afastar a possibilidade de esconderijo de pragas e vetores urbanos de doenças como a dengue, a chikungunya e a febre amarela, por isso, é fundamental intensificar esses serviços.

ARRAIAIS

Ao longo do mês de junho a Prefeitura de São Luís também intensificou as ações de capina e roçagem em áreas de festança junina nos bairros da cidade. Nos arraiais oficiais do São João de Todos, como a Praça Maria Aragão, foi feita toda a roçagem do entorno para que a estrutura do arraial fosse montada e a população encontrasse um espaço limpo, organizado e agradável para curtir as apresentações juninas.

Carolina Moraes Estrela destaca que a população também pode ajudar a manter a cidade mais limpa e sem áreas com mato alto. “A Prefeitura de São Luís tem a responsabilidade de fazer a capina e roçagem das áreas públicas. Quando nossas equipes estão nos bairros, acabam fazendo as calçadas também, mas as calçadas são responsabilidade de cada morador. Então, se cada morador mantiver sua calçada limpa, sem mato, a Prefeitura ganharia agilidade no serviço”, comenta.

Com apoio do Governo do Maranhão, começa neste fim de semana os arraiais de bairros

O São João de Todos 2018 continua movimentando São Luís em diversos pontos da cidade. Neste final de semana começa a festança nos arraiais de bairros com apresentações de bumba meu boi, forró, shows, cacuriá e muitas outras atrações. O evento é realizado com apoio do Governo do Maranhão.

Acesse a programação completa do São João de Todos 2018 no site http://www.ma.gov.br/saojoaodetodos/.

No Ceprama, Largo de Santo Antônio e João Paulo os arraiais começam a partir desta sexta-feira (22), com programação variada.

No Largo de Santo Antônio, a programação terá roda de capoeira, seguido do tambor de crioula de Mestre Felipe, show da banda maranhense Afrôs, encerrando com apresentação do Boi de Zabumba Mestre Basílio e Boi da Maioba.

No primeiro dia do Arraial do Ceprama, show com o cantor maranhense Mano Borges e os bois Pirilampo e Brilho da Terra (orquestra) são algumas das principais atrações da noite.

Já no João Paulo, a sexta-feira será animada com apresentações de bumba meu boi em diversos sotaques, Boi Estrela da Mata (matraca), Boi da Chapada (orquestra), Boi Unidos Venceremos (Zabumba) e Boi Mimo de São João (orquestra), além de várias outras atrações.

A partir deste sábado (23), outros bairros se juntam à grande festa. A brincadeira acontece nas comunidades do Bairro de Fátima, Vila Embratel, Cidade Operária, Anjo da Guarda, Cohatrac, João de Deus, Liberdade, Anil, João Paulo, Ceprama e Largo Santo Antônio.

Além dos grupos de cultura popular, a programação dos arraiais de bairros também contará com shows de diversos artistas maranhenses.

Neste final de semana tem o cantor Fernando de Carvalho (arraial da Vila Conceição do João de Deus, sábado), Tutuca (Ceprama, sábado), Roberto Ricci (Anjo da Guarda, sábado), Carol Cunha (Anil, domingo), Zé Lopes (Liberdade, domingo), Gabriel Teixeira (Cidade Operária, domingo) e muitos outros.

Arraiais de bairros terão programação variada com bois, cacuriá e quadrilhas

Garantindo à população o acesso a uma das festas culturais mais marcantes do Maranhão, o Governo do Estado, além de realizar os arraiais oficiais no tradicional São João de Todos, estende um apoio financeiro às festas nos bairros de São Luís. A ação é promovida pela gestão pública estadual, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur).

Os arraiais oficiais acontecerão no Ipem (Calhau), no Parque Folclórico da Vila Palmeira, na Praça Maria Aragão (Centro), na Praça Nauro Machado (Centro Histórico) e na cidade de Imperatriz.

Além disso, os recursos estão sendo distribuídos entre Bairro de Fátima, João Paulo, Vila Embratel, Anjo da Guarda, Cohatrac, Cohajap, Santo Antônio, João de Deus, Liberdade e Anil, e arraiais do Largo de São Pedro, Santo Antônio e do Anjo da Guarda.

Também será dado apoio ao festejo de São Marçal, que acontece no dia 30 de junho, no bairro do João Paulo.

Alguns destes espaços que vão receber diversas brincadeiras – como o Bumba Meu Moi, cacuriá e grupos de quadrilhas – já começaram a ser construídos, como o Arraial do Povão, espaço como ficou conhecida, na década de 90, a atual Praça do Viva do Anjo da Guarda. A maior parte das festas nos bairros começa a partir do dia 22 deste mês.

Apoio essencial

O representante do Conselho Comunitário do Anjo da Guarda e da Associação Tambor de Crioula Membro de São Benedito, José Carlos Mendes, conta que a festa já existe na comunidade há mais de 25 anos: “Está no sangue fazer esse arraial e o apoio do Governo do Maranhão é essencial para que ela seja realizada. É uma tradição que se passa de pai para filho”.

“Eu aprendi a fazer essas casas de palhas com o pessoal mais antigo. Quando eu for embora, fica para os outros meninos da comunidade. O nosso arraial é muito bonito e por isso a gente empenha tanto amor”, acrescenta.

O investimento do Governo do Maranhão é utilizado para a instalação da estrutura de palcos, luz, sons, equipamentos elétricos e custeamento de brincadeiras que fazem parte da programação do São João.

“A expectativa é que seja um arraial muito bom, com uma programação atraente e cheia de integração, trazendo os bois de matraca, de sotaque da baixada, os tambores de crioulas, as quadrilhas, as mais diversas brincadeiras. Queremos amanhecer aqui do dia 29 para o dia 30, quando vamos direto para o São Marçal”, relata o organizador do Viva do João Paulo, o sambista maranhense Samir do Cavaco.

Prévias

Antecipando a programação oficial, a prévia do São de Todos será no dia 8 de junho (sexta-feira), no Canto da Cultura, cruzamento da Rua Portugal e Rua da Estrela, no Centro Histórico; e no dia 10 de junho, no Parquinho da Litorânea. A programação começará a partir das 18h, durante estes dois dias.

Obras de pavimentação beneficiam dez bairros de São Luís

Residir e transitar em dez bairros de São Luís passará a ser mais fácil e seguro após o Mutirão Rua Digna, ação do Governo do Maranhão de pavimentação de vias públicas coordenado pela Secretaria de Estado do Trabalho e Economia Solidária (Setres) em parceria com organizações comunitárias.

Neste mês, o secretário do Trabalho Hernando Macedo visitou organizações que estão executando a pavimentação em 31 ruas nos bairros Coquilho, São Raimundo, Conjunto São Raimundo, Matinha, Alto da Esperança, Bairro Porto Grande, Janaína, Radional, Santa Bárbara e Pedrinhas.

O total de investimentos do Governo do Maranhão no Mutirão Rua Digna é de R$ 13.424.368,50, atingindo 20 municípios maranhenses que participam do programa Mais IDH. Além da implantação das vias, o programa impulsiona a economia com geração de renda para os próprios moradores que participam da obra.

“O Rua Digna gera trabalho e renda para a população, uma vez que são os moradores que trabalham na obra. O programa é essencial para muitas famílias e alcança diversos setores da sociedade, pois além de melhorar a mobilidade das pessoas, sendo deficientes ou não, propicia geração de renda para os trabalhadores que estão desempregados e residem na rua em que está acontecendo as obras”, analisou o secretário Hernando Macedo.

Outro eixo é a geração de renda aos comerciantes locais, com a venda de materiais utilizados na estruturação das vias. O projeto também inclui a reintegração dos apenados da justiça, dando oportunidade de trabalho na fabricação e fornecimento dos bloquetes utilizados nas vias do Rua Digna.

O Mutirão Rua Digna é coordenado pela Setres, em parceria com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), Secretaria de Infraestrutura (Sinfra) e Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop). A ação conta, ainda, com apoio do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (CREA/MA) e da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).

Ruas que receberam o mutirão

Confira a lista das ruas que estão recebendo pavimentação pelo Mutirão Rua Digna:

Av. Principal, Ruas 8, 9 e 12 (Bairro Coquilho)
Rua Nova, Rua Tancredo Neves, Rua São Luís (São Raimundo)
Rua 7, Rua 8 e 2ª Travessa da Rua 8 (Conjunto São Raimundo)
Rua Principal, Rua São José e Rua do Campo (Bairro Matinha)
Rua das Margaridas e Rua São Raimundo (Alto da Esperança)
Rua Bom Jardim e Rua Projetada (Bairro Porto Grande)
Rua Tiradentes, Rua Santa Efigência e Rua Boa Esperança (Janaína)
Ruas 1, 2, 3 e a Travessa Dr. Cesar Viana do Residencial Apaco (Radional)
Rua 2, Rua 3, Travessa 1 e Travessa 2 – Loteamento Parque Sol Nascente (Santa Bárbara)
Rua do Caju e Rua da Uva – Ananadiba (Pedrinhas)

Prefeitura leva programa Dançando nos Bairros para a Feirinha São Luís

A programação da Feirinha São Luís neste domingo (3) terá novidade. Com o programa Dançando nos Bairros, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel), leva para o espaço aulas de dança como zumba, fit dance e outros ritmos. Aberta ao público, a aula acontecerá das 8h às 9h. A atividade é mais um atrativo para os frequentadores e visitantes da Feirinha, organizada pela Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), que acontece aos domingos, das 7h às 15h, na Praça Benedito Leite (Centro).

O secretário municipal de Desporto e Lazer, Romeo Amim, afirma que a gestão do prefeito Edivaldo está investindo na expansão do programa, para que mais pessoas possam ser beneficiadas. “A Feirinha São Luís é um evento consolidado em nossa capital. Sempre proporciona boas atrações. A partir deste domingo (3), quem comparecer, poderá dançar com os nossos professores. Já atuamos em vários bairros da capital e quem nunca participou do Dançando nos Bairros, terá oportunidade de conhecer o programa e participar das atividades”, conta.

O trabalho intersetorial que vem sendo desenvolvido na gestão do prefeito Edivaldo para incrementar as atividades da Feirinha São Luís é destacado pelo secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Ivaldo Rodrigues. “É bem vinda mais essa parceria, que agrega valores para os dois programas da Prefeitura. Por determinação do prefeito Edivaldo, procuramos cada vez mais, através de um trabalho de gestão integrada, multiplicar as ações e gerar maior benefício para o público da Feirinha”, destaca.

A previsão é de que, inicialmente, as aulas do Dançando nos Bairros aconteçam na Ferinha todos os domingos do mês de junho. Com o programa, a Prefeitura de São Luís incentiva a prática de atividades físicas nas comunidades. Atualmente, as aulas são ministradas em bairros como Vila Bacanga, Janaína, Vila Embratel, Santo Antônio, Cohafuma, Ipase de Cima e Ipase de Baixo, Cohatrac Primavera, Planalto Pingão, Bom Milagre e Vinhais.

Oito professores fazem parte do programa e se revezarão para a ação na feirinha. Os instrutores que conduzem as atividades, além de estimularem a prática da dança como atividade física, promovem o bem-estar dos participantes, despertando sentimentos positivos como a alegria. “A proposta do programa é exatamente essa, incentivar a prática de exercícios, recomendada para quem deseja manter uma vida mais saudável”, explica a coordenadora do Dançando nos Bairros, Adriana Silva.

FEIRINHA SÃO LUÍS

Feirinha São Luís incentiva o escoamento da produção agroecológica da capital

A Feirinha São Luís iniciou em junho de 2017 e, desde então, ocorre todos os domingos na Praça Benedito Leite, das 7h às 15h, tendo como objetivo principal incentivar a venda de produtos agroecológicos oriundos da agricultura familiar, além de apresentar ao público a cultura e gastronomia ludovicense.

A comercialização no entorno de toda a Praça Benedito Leite conta com uma média de 90 pontos de empreendimentos, movimentando o turismo na capital e a renda na região. O programa vem conquistando cada vez mais o público ao longo das edições.

Neste domingo (03) a programação cultural será aberta às 8h com a Banda da Feirinha seguida das apresentações do Tambor de Crioula Arte Nossa, Boi de Leonardo, Boi Brilho da Ilha, show São João do Maranhão com Teresa Canto e Banda. As brincadeiras típicas do São João serão um atração a mais para os visitantes da Feirinha que vão poder ainda assistir uma apresentação especial do grupo de capoeira Arte Ancestral.

Mais de 2 armas de fogo são apreendidas por dia em bairros de São Luís

O 6º Batalhão da Polícia Militar apreendeu 41 armas de fogo nos 100 primeiros dias de 2018. São mais de 2 armas ilegais retiradas das ruas pelo grupamento na sua área de atuação, que abrange 114 bairros da Região Metropolitana de São Luís.

As apreensões são resultado de rondas e abordagens em diversos pontos dos bairros limítrofes à Cidade Operária, onde funciona a sede do 6º BPM.

A última ação realizada pelo grupamento foi nesta quinta-feira (19) e resultou na prisão em flagrante de Wanderson Felipe da Silva Caldas, 25 anos, por posse ilegal de arma de fogo.

Wanderson foi encontrado com um revólver calibre 38 e quatro munições intactas, na praia de Guarapiranga. Após abordagem, o suspeito foi conduzido ao plantão do bairro Maiobão.

Para o comandante do 6º BPM, major Marcelo, a apreensão de armas é fundamental para a redução dos índices de criminalidade na região. “Nosso foco é reduzir os crimes de homicídios, assim como os contra o patrimônio, pois, quando investimos no desarmamento, estamos garantindo a prevenção dos delitos”, avaliou.

Estratégia 

Além das operações, as abordagens foram de suma importância para apreensão de armas. Foram montadas barreiras em pontos considerados estratégicos, onde ônibus, veículos, motocicletas e pedestres foram submetidos às abordagens.

No balanço, além das armas apreendidas, as ações do Batalhão da Polícia Militar resultaram também na prisão de vários suspeitos de homicídios, roubos e furtos, e na recuperação de veículos.

Com o aumento do volume de chuvas, Prefeitura intensifica serviços em diversos bairros de São Luís

Por ocasião das fortes chuvas na capital, a Prefeitura de São Luís intensificou o cronograma de serviços para conter erosões, executar reparos em estruturas e realizar desobstrução de bueiros e galerias. Diversos bairros são alvos das ações, sendo priorizadas as áreas onde foram identificados pontos de acúmulo de água. Até esta quarta-feira (18) já choveu quase 80% do previsto para todo o mês de abril. Ações de drenagem, limpeza, manutenção e infraestrutura, que são feitas ao longo do ano pelo poder público municipal, recebem reforço neste período de chuvas.

Na Avenida Jerônimo de Albuquerque, as equipes da Semosp realizaram desobstrução com hidrojato no trecho próximo ao Palácio Henrique de La Roque. O trabalho de desobstrução alcançou ainda pontos na Jerônimo de Albuquerque, na altura da Curva do Noventa, com contenção de erosão do canal e desobstrução com retroescavadeira. E ainda a sondagem para construção de ponte entre os bairros Divinéia e Vila Luizão.

No cronograma de serviços da Prefeitura realizado nesta quarta-feira (18), foram limpos os vários bueiros na extensão da Avenida Colares Moreira, que passa nos bairros São Francisco e Renascença. O trecho concentra um dos maiores recortes viários da cidade e possui diversos pontos de lançamento de águas pluviais.

Com a limpeza e drenagem, os pontos foram desobstruídos e estão em seu funcionamento regular. “São ações que integram a política pública do prefeito Edivaldo, realizada periodicamente, ao longo do ano. Temos um mapeamento que orienta todo o plano de serviços e sem essas ações de limpeza, principalmente no período chuvoso, as vias poderiam ficar comprometidas”, explica o secretário municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), Antonio Araújo.

Rua Josué Montello, no Renascença, recebeu serviços da Prefeitura

O secretário Antonio Araújo ressalta que um dos principais resultados dessa ação de limpeza é a drenagem mais rápida das águas das chuvas, por exemplo. “Graças a esse trabalho, em alguns pontos, mesmo com o volume de chuvas, não houve alagamentos, a exemplo da área do Mercado Central e outras, como a Avenida Colares Moreira, em que os pontos de alagamentos cessaram brevemente”, exemplifica.

A gestão do prefeito Edivaldo priorizou obras de drenagem, com fins a prevenir alagamentos, destaca Antonio Araújo. “A gestão do prefeito Edivaldo tem realizado investimentos, mantendo os serviços permanentes e intensificando nos períodos chuvosos”, pontuou. O secretário reforça que é uma rotina de trabalho para evitar os alagamentos.

Os canais do Cohatrac e Santa Clara, além de trecho do Tropical Shopping (Renascença) são algumas das áreas que receberam drenagem diminuindo pontos de alagamentos. A Prefeitura atua com escavadeiras, ações manuais, caminhão, escavadeira hidráulica e outros equipamentos para atender à demanda dos bairros na desobstrução e drenagem.

DESCARTE IRREGULAR

Com o trabalho de limpeza, a Prefeitura tem retirado cerca de 300 toneladas de lixo e outros resíduos, fruto do descarte irregular nestas estruturas, o que impede o adequado escoamento das águas.

“É importante que se compreenda que o lançamento de resíduos irregulares inviabiliza as ações de drenagem e promove os alagamentos e entupimentos dos bueiros e galerias”, ressalta. Segundo Antonio Araújo, as equipes já retiraram sofás e colchões que estavam bloqueando a passagem das águas nestas estruturas.

PROGRAMAÇÃO

Os serviços da Prefeitura nesta semana contemplam ainda ações do Asfalto na Rua nas avenidas São Luís Rei de França, Franceses, Guajajaras, Jerônimo de Albuquerque, Daniel de La Touche, Vitorino Freire, Holandeses, Carlos Cunha, Paulo VI e no bairro João de Deus. Na zona rural, acesso ao Cujupe e Rua Brasília (Santa Bárbara), as equipes mecanizadas realizaram terraplanagem.

No bairro Olho d’Água, estão sendo feitas ações de manutenção preventiva com tratamento superficial do asfalto. Trata-se da colocação de camada de proteção no pavimento para garantir mais durabilidade ao pavimento. Serviços de concretagem no cruzamento de vias no bairro Janaína e de desobstrução de galerias na Vila Lobão também estão sendo executadas.

Ainda, drenagem na Avenida Jerônimo de Albuquerque para evitar avanço de erosão com solo cimento. Na margem do Rio Pimenta, uma ação preventiva com solo cimento evitará erosão. O poder público municipal trabalha ainda na desobstrução de bueiros na Curva do Noventa.

Prefeitura realiza trabalho de desobstrução de galerias em grandes avenidas e bairros da capital

Com o objetivo de assegurar a mobilidade urbana no período chuvoso, a Prefeitura de São Luís segue realizando o trabalho de limpeza de galerias, canais e bueiros. Nesta semana os serviços estão sendo realizados em grandes avenidas como Jerônimo de Albuquerque, Holandeses, Litorânea, Vitorino Freire e bairros como Renascença, Cohab, Areinha, Coroadinho, Vicente Fialho, Turu, Angelim, Cohatrac, Planalto Anil, São Bernardo, entre outros. A ação, executada de forma contínua e preventiva pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), visa evitar o acúmulo de águas pluviais nas vias e, assim, contribuir para a mobilidade no trânsito.

O secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Antonio Araújo, ressalta que esse é um trabalho que tem apresentado resultados muito positivos pela cidade. “Por conta desse serviço, que vem sendo realizado de forma preventiva, conseguimos eliminar pontos de alagamentos pela cidade. Por isso, estamos seguindo com esse serviço e buscando fortalecer as campanhas para reduzir o descarte irregular de resíduos, maior causa de obstrução do sistema de drenagem”, afirma o secretário.

Na Avenida Jerônimo de Albuquerque, os serviços foram executados no elevado da Cohab. No local, a ação de limpeza tem contribuído para facilitar o escoamento da água da via e favorecer o trânsito na região, evitando engarrafamentos por conta do acúmulo de águas pluviais no elevado. A limpeza na área foi realizada por meio do caminhão hidrojato, que é eficaz no desentupimento de bueiros e galerias e tem capacidade de eliminar até 10 toneladas de resíduos.

Além da Avenida Jerônimo de Albuquerque, os serviços de limpeza de bueiros e galerias que compõe o sistema de drenagem da cidade foram realizados, nesta quarta-feira (28), em trechos das avenidas Vitorino Freire, Holandeses e Litorânea. Com a ação, também já foram contempladas vias como as Avenidas dos Africanos, Kennedy e bairros como Renascença, Cohab, Areinha, Coroadinho, Vicente Fialho, Turu, Angelim, Cohatrac, Planalto Anil, São Bernardo, entre outros.

RESULTADOS

A intervenção do poder público municipal com a limpeza do sistema de drenagem tem reduzido o número de alagamentos pela cidade, evitando transtornos em lugares que eram considerados pontos críticos. Os resultados positivos são perceptíveis em locais como o retorno da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), os bairros São Bernardo, Cohatrac e Renascença e ainda Aririzal, Curva do Noventa e trechos da Avenida dos Africanos.

Policiamento no Carnaval terá patrulha aérea e reforço nos bairros e circuitos

O esquema de segurança pública para o Carnaval 2018 no Maranhão envolve uma série de ações e estratégias na capital e no interior. “Vamos usar todos os recursos dos quais a polícia dispõe”, diz o comandante Geral da Policia Militar, coronel Frederico Pereira.

“Teremos policiamento montado, motocicletas, veículos de quatro rodas, policiamento aéreo com o Centro Tático Aéreo (CTA), barreiras na entrada dos circuitos e outras ações”, acrescenta o comandante.

O CTA funciona com helicópteros e equipes altamente treinadas para agir rapidamente contra o crime e para ajudar no atendimento emergencial de vítimas.

Sobre o Carnaval em São Luís, o coronel Pereira diz que “vamos trabalhar em todo o circuito envolvendo a Praia Grande, a Madre Deus e os bairros. Não será retirado nenhum efetivo dos bairros”.

De acordo com o comandante, os policiais serão convocados por meio da jornada extra, que é remunerada, para reforçar a segurança.

Interior

No interior, serão mais de 3 mil policiais atuando. O coronel Zózimo Paulino da Silva, que comanda o policiamento no interior, conta que a ideia é trabalhar em parceria com a Guarda Municipal onde for possível, principalmente nos circuitos fechados. “Vamos movimentar o efeito de uma cidade para a outra de acordo com os eventos.”

O coronel Pereira acrescenta que os policiais também podem ser procurados para repassar informações e esclarecer dúvidas, principalmente para quem é de fora. “Procure um policial que ele vai te ajudar”.

“Com certeza, a população vai perceber a presença maciça da polícia”, afirma o comandante da PM.