Moto, Imperatriz e Cordino avançam na Série D do Brasileiro

Moto Club, Imperatriz e Cordino conquistaram vagas na segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D.

O Rubro-Negro venceu o Assu-RN por 1 a 0, no Estádio Castelão, pelo Grupo A5 da Série D. O gol da vitória motense foi marcado pelo zagueiro Ramon.

Com o resultado, o Moto Club conquistou a primeira colocação do grupo e enfrentará o Fluminense de Feira de Santana-BA, na segunda fase da competição. A primeira partida será realizada no próximo domingo (3), no Estádio Jóia da Princesa. O jogo de volta será no Estádio Castelão no dia 10 de junho (domingo).

Pelo grupo A6, o Imperatriz foi até a cidade de Ceará-Mirim-RN e perdeu por 2 a 1 para o América-RN. André Pardal marcou duas vezes para o América-RN, enquanto Junior Chicão fez o gol do Imperatriz. Mesmo com a derrota, o Cavalo de Aço garantiu sua vaga na segunda fase, por ter ficado entre os 15 melhores segundos colocados.

Na próxima fase, o Imperatriz enfrentará novamente o América-RN, no próximo domingo (3), no Estádio Frei Epifânio da Abadia; e no domingo seguinte na Arena das Dunas em Natal.

Já o Cordino teve a classificação confirmada com o empate de 0 a 0 com o Ferroviário-CE, no Estádio Presidente Vargas em Fortaleza.

A equipe de Barra do Corda terminou na segunda colocação do grupo A4 e também ficou entre as 15 melhores segundos colocados.

Na fase seguinte, o Cordino enfrentará novamente o Ferroviário-CE. A primeira partida será realizada no domingo (6), no Estádio Leandrão e a partida de volta acontecerá no dia 10 de junho (domingo), no Estádio Presidente Vargas.

Sampaio Corrêa conquista acesso para a Série B

O Sampaio Corrêa está de volta à Série B do Campeonato Brasileiro. O acesso veio após mais uma batalha contra o Volta Redonda-RJ, no Castelão. A Bolívia empatou em 1 a 1 e conquistou a vaga para a Segunda Divisão do futebol brasileiro.

O gol Tricolor foi marcado por Fernando Sobral, que completou para as redes passe de Marlon. Explosão de alegria no Castelão. Quase 35 mil torcedores festejavam o acesso.

Mas, o Volta Redonda empatou com Luan, após cobrança de escanteio, e a partida ganhou contornos dramáticos. O apito final do árbitro foi a senha para o Castelão explodir em encarnado, verde e amarelo.

Veja os melhores momentos:

(Com informações do site do Sampaio Corrêa)

MAC conquita vaga nas quartas de final

Em jogo bastante emocionante, embaixo de chuva, o Maranhão conseguiu seguir vivo na Série D do Campeonato Brasileiro. Depois de empatar com o Santos-AP, por 2 a 2, no Zerão, em Macapá, o time maranhense levou a vaga nos pênaltis, por 4 a 3.

Nos pênaltis, a emoção foi até o final. O Maranhão teve a oportunidade de fechar duas vezes depois de Diego Carajás acertar o travessão: Curuca e Chico Bala carimbaram a trave e levaram o duelo para as alternadas. Eduardo, do Santos-AP, isolou e Adalton fez o gol da classificação.

O JOGO
Os visitantes começaram fazendo uma pequena blitz e abriram o placar no primeiro minuto. Jonas recebeu de Naoh e não deu chances para Axel. A pressão seguiu nos minutos iniciais e Naoh perdeu boa oportunidade ao desviar cruzamento para fora.

O Santos demorou para se encontrar no jogo e foi sair do campo de defesa depois dos dez minutos. Quando conseguiu encaixar um contra-ataque quase veio o gol. Fabinho fez boa jogada pela direita e encontrou Jean Marabaixo livre. O atacante exagerou na força e acabou mandando para fora.

A partida seguiu agitada e ríspida até o intervalo. Algumas vezes até com confusão entre os gramados. Pouco antes do final do primeiro tempo, já com muita chuva em Macapá, atletas dos dois times se estranharam dentro de campo, deixando o clima para o segundo tempo ainda mais quente que a sensação térmica de 41º.

No segundo tempo, agora debaixo de chuva torrencial, o Santos foi para cima e deixou tudo igual logo aos sete minutos. Lessandro apareceu entre os zagueiros para desviar cruzamento de Fabinho. As coisas pareciam que ficariam tranquilas para os donos da casa, mas logo em seguida, Rafinha acabou expulso, deixando o Peixe da Amazônia com um a menos.

A partir daí, o Maranhão se lançou ao ataque. Depois de tanto insistir, o gol dos visitantes saiu aos 23 minutos. Yuri apareceu de surpresa na área e completou com categoria para o gol. Em seguida, porém, o Santos empatou. Luquinha entrou dentro da área, foi derrubado e a arbitragem assinalou pênalti. Na cobrança, Fabinho parou em Rodrigo Ramos, mas pegou o próprio rebote para mandar para o gol.

O empate por 2 a 2 levava a partida para os pênaltis. Os dois times pouco se arriscaram nos minutos finais e levaram a decisão para as penalidades.

 

Fonte: Futebol Interior

Tricolor realiza a último treino hoje (09) antes do embarque para Sergipe, no sábado

A euforia de campeão do segundo turno já ficou para trás. Chip de volta para a Série C. Nesta sexta-feira, às 15h30, no CT, o grupo Tricolor realiza a última movimentação em São Luís antes do embarque para Sergipe, no sábado. Domingo, a equipe faz um treino de reconhecimento do gramado no Estádio Batistão, local da partida contra o Confiança.

Nas próximas semanas, assim será a rotina do Sampaio, alternando as disputas do Brasileiro com a final do Campeonato Maranhense, que será definida em dois jogos contra o Cordino. Conquista que pode render ao Tricolor o seu 33º título estadual.

O dia após o triunfo do segundo turno foi dedicado à recuperação dos jogadores que foram titulares na decisão. Trabalhos regenerativos e reforço muscular na academia fizeram parte da programação.

No campo, a outra metade do grupo realizou um jogo-treino contra a base do clube. A atividade contou com a participação dos atletas que não foram inscritos no Maranhense e estão à disposição para enfrentar o Confiança, além de Esquerdinha, desfalque por conta de suspensão na partida passada, mas livre para o confronto em Aracaju.

“É complicado ficar fora de uma final, mas foi muito bom ver o time jogando bem e conquistando o título. Agora é focar na Série C e tentar mais um bom resultado fora de casa”, Esquerdinha.

Maranhão Esporte

Sampaio enfrenta ASA em Alagoas neste domingo (28)

Marlon vai enfrentar o ex-clube e quer o Tricolor ligado durante os 90 minutos

A delegação do Sampaio Corrêa seguiu viagempara Alagoas na manhã desta sexta-feira, onde, no domingo, enfrenta o ASA pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

Hoje, defendendo a equipe Tricolor, Marlon teve uma passagem pelo adversário, entre 2014 e 2015, e ressalta os cuidados a serem tomados para sair do Fumerão com um bom resultado: “O ASA é um time muito difícil de ser batido quando joga em casa, perde pouco lá. Sabem aproveitar o fator  campo e é uma equipe que se posta bem. Temos que ter atenção total porque é um jogo complicado”, alertou o meia boliviano.

Apesar das adversidades previstas, Marlon não pensa em se intimidar, e quer o Sampaio jogando de igual pra igual contra o adversário: “Temos ciência de todas as dificuldades, mas precisamos nos impor também e equilibrar as ações. Vamos jogar para pontuar”, afirmou.

A delegação Tricolor chega a Arapiraca no meio da tarde desta sexta-feira, e não fará nenhuma atividade hoje. Apenas repouso. O apronto final ocorre no sábado, às 15h30, no estádio Fumerão, local da partida.

MAC e Cordino representam o Maranhão

A Diretoria de Competições da CBF divulga a tabela detalhada do Campeonato Brasileiro da Série D, com as informações de datas e locais das partidas da Primeira Fase da competição.

O campeonato se inicia em 21 de maio com 33 jogos – a primeira rodada fecha no dia seguinte, 22, com Aparecidense/GO x Luziânia/DF no Aníbal Toledo, em Goiás, às 19h30.

O estado do Maranhão, será representado pelo Maranhão Atlético Clube e Cordino Esporte Clube.

Confira a tabela completa clicando aqui: tabela série D.

Fonte: Maranhão Esporte