Corpo do comunicador Oswaldo Souza é sepultado, em São José de Ribamar

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Comunicação Social e Assuntos Políticos, manifestou pesar e disse que Oswaldo foi destacado como profissional com relevante contribuição ao campo da comunicação, com programas de cultura e entretenimento locais. Por sua vez, a Prefeitura de São Luís manifestou profundo pesar e solidariedade à família, aos amigos e admiradores do comunicador.

A Diretoria de Comunicação Câmara Municipal de São Luís disse que Oswaldo marcou história na imprensa maranhense, se estabelecendo, ainda, como um dos maiores apoiadores e defensores da cultura local. Já a Diretoria de Comunicação da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão disse que Oswaldo foi a “voz marcante do batalhão pesado da Maioba por muitos anos”, destacando a “luta incansável em prol da valorização das manifestações folclóricas, principalmente o bumba meu boi”.

Começa hoje o projeto Natal da Integração nos terminais de ônibus

Imagina você estar saindo ou chegando para pegar ônibus em um dos cinco terminais da cidade, voltando do trabalho ou estudo… imagina dar uma relaxada do estresse diário e escutar o canto, os instrumentos, a música, os corais, os shows natalinos, enquanto espera o ônibus? Parece difícil? Pois quem estiver circulando de hoje até quinta-feira pelos terminais de ônibus, entre 16 e 19 horas, vai poder presenciar um espetáculo. Será a hora de esquecer o barulho dos coletivos e apreciar a arte dos grupos e artistas maranhenses.

Começa hoje o Natal da Integração. Durante três dias, 18, 19 e 20, o projeto realizará apresentações culturais natalinas, com músicos instrumentais, cantores líricos e
populares, além de corais maranhenses nos cinco terminais de Integração intermunicipais de ônibus. Um projeto que vai levar para um espaço urbano, dinâmico e
agitado, um pouco de música e calmaria.

As apresentações serão simultâneas das, 16h às 19h.“Costumo brincar que esse é um projeto que a gente não terá problema em relação a público. O público está garantido (risos). A gente tem em média, segundo o Sindicato dos Transportes, de 800 mil a 1 milhão de pessoas que circulam diariamente nos cinco terminais. Então a gente espera que os usuários quem entre 15 e 20 minutos, percam ônibus, se puderem, quem ali assistindo as apresentações”, acredita Cássia Melo, do Grupo Oito, idealizadora e produtora executiva do projeto.

Programação

Serão 15 apresentações por dia, sendo três atrações em cada terminal simultaneamente. No repertório, músicas tradicionais natalinas, além de canções que trazem como tema a união, a paz e o amor. Na programação de hoje estarão os artistas Thiago Fernandes, Rose Nogueira e Coral do MP no Terminal da Cohab; Alessandro Freitas, Vanessa Furtado e Coral Shalon no Terminal da Cohama; Edilson Gusmão, Adriana Bosaipo e Renato Serra, e Marabrass no Terminal do Distrito Industrial; Jhoie Araújo e Marco Duailibe, Elton Nascimento, Trio 1,2,3, no Terminal do São Cristóvão; Ronhi Grato, Coral UFMA, Elayne Pereira e Ballet Olinda Saul, no Terminal da Praia Grande.

“Pensamos nesse horário, das 16 às 19h porque é horário de pico e para reunir o maior número de pessoas, para que a maioria pegue alguma parte da apresentação. Queremos favorecer o público que tem pouco tempo por causa do trânsito, e nesse pouco tempo que tem é aquele tempo de espera de ônibus, de logística entre um terminal e outro, então é levar a arte aonde o público está e ao mesmo tempo suprir essa carência de utilização dos espaços dos terminais como espaços culturais. O projeto conta com o patrocínio da Cemar e do governo do estado do Maranhão, por meio da Lei de Incentivo à Cultura.

Show de luzes e cores abre Natal de Todos com centenas de pessoas no Centro Histórico

Louvação, espetáculo de som, cores e luzes marcando a grande festa de abertura do Natal de Todos 2018. Foi assim o primeiro dia de comemoração natalina, na noite deste sábado (1°), em frente ao Palácio dos Leões, abrilhantado por um show de fogos de artifício, apresentação do vídeo mapping e a presença do Papai Noel. O governador Flávio Dino e o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, acompanhados das primeiras-damas Daniela Lima e Camila Holanda, respectivamente, e do vice-prefeito, Julio Pinheiro, prestigiaram o evento, que prossegue com uma série de atrações musicais, culturais e artísticas, até dia 23 de dezembro. O Natal de Todos é realizado pelo Governo do Maranhão e Prefeitura de São Luís, com o apoio cultural da Companhia Energética do Maranhão (Cemar).

A magia natalina está em cada canto do Centro Histórico, na área que vai da Praça Dom Pedro II, passando pelos palácios que sediam a Prefeitura, Governo e Tribunal de Justiça, até a Benedito Leite. O colorido vivo e marcante da rica iluminação com milhares de microlâmpadas, guia o público a cada uma das atrações, instalações e personagens distribuídos pela área e emoldurando um dos espaços mais belos da capital. Este ano, novas atrações enriquecem o grande palco de Natal montado no bairro histórico – a bola iluminada, a Vila Encantada e o Expresso Natalino.

“A festa do Natal de Todos integra uma programação fruto de um esforço conjunto para que o público tenha acesso a um diverso calendário de eventos, que garanta a boa convivência, a celebração de bons valores ao povo do nosso Estado, mas também, uma dimensão econômica, pois é um investimento com fins à ativação da economia criativa, da cultura e do turismo. É consolidação de investimentos que garantem movimentações atrativas para o turismo na cidade, o ano todo”, pontua o governador Flávio Dino.

O prefeito Edivaldo enfatizou a união das gestões estadual e municipal, consolidando uma firme parceria que reflete em benefício da população. “É uma parceria de resultados e o governador é um amigo da cidade, que tem feito muito por São Luís e nos dado a oportunidade de caminhar juntos, ao lado da população. Por essa parceria podemos dar início às comemorações natalinas e apresentar aos ludovicenses, demais maranhenses e turistas uma cidade mais bela”.

O Maranhão em som e imagens foi apresentado no vídeo mapping, abrindo oficialmente a programação do Natal de Todos. A projeção na fachada do Palácio dos Leões terá sessões diárias de 10 minutos, das 19h às 22h, até o dia 6 de janeiro. Ao final da projeção, um espetáculo com os fogos de artifícios iluminaram e deram um colorido especial à primeira noite natalina. A chegada do Papai Noel, a bordo da jardineira do Expresso Natalino, foi um dos pontos altos da noite de evento.

O secretário municipal de Cultura (Secult), Marlon Botão destacou a grandiosidade do evento. “O Natal de Todos já é acolhido pelas famílias, pelos visitantes e se consolidou como uma festa de união e reverência ao que São Luís tem de melhor. Reúne música, arte, cultura, contribui para a economia local e coloca nossa cidade Patrimônio Histórico ainda mais em evidência. Que todos compareçam e venham prestigiar a decoração e a programação organizada para agradar a diferentes públicos e faixas etárias”, destacou.

“A programação é para a família, para a criançada, para todas as idades e conforme o lema, é para todos. Esperamos que todos venham prestigiar esse espetáculo organizado com o pensamento de agradar à população e proporcionar alternativa de lazer e reunião, em um período marcado pela fraternidade e alegria. Que todos tenham boas festas”, enfatizou o secretário de Estado de Cultura e Turismo (Sectur), Diego Galdino.

Vila Natalina

Somado à programação cultural, um conjunto de espaços decorados para contemplação pública. A área da Praça Pedro II se transformou na Vila Natalina com personagens como o soldadinho de chumbo, ursinhos polares, chuva de neve e os tradicionais bonecos de neve. A Casa do Papai Noel montada estrategicamente para quem quiser apreciar e fazer fotos e o lindo presépio que remete ao nascimento de Cristo.

O Expresso Natalino será atração aos domingos, a partir das 18h, realizando diversas viagens pelo Centro Histórico. O trajeto tem saída do estacionamento da Praia Grande, passando pela Praça Nauro Machado, Canto da Cultura e Casa do Maranhão em direção à Praça Dom Pedro II. O passeio de cerca de 30 minutos terá orientação do guia e poeta Guilherme Guimas, narrando fatos da cultura, história e arquitetura da cidade; e a cada parada, interação com personagens históricos do grupo Tramando Teatro & Uimar Jr.

As luzes da bola encantada montada na Praça Benedito Leite são uma atração a mais. Quem entra na instalação faz um breve passeio pelo colorido marcante e pode registrar o momento em foto. Além destes, os elementos de Natal decoram as fachadas dos principais monumentos do trecho – palácios dos Leões e La Ravardière, Tribunal de Justiça e Catedral da Sé, entre outros espaços públicos.

“Esta parte do Centro Histórico, que já era muito linda, ficou ainda mais. Eu fiquei surpreso com a diversidade da decoração, de espaços para contemplar e também de atrações culturais. A gente estava já pensando o que fazer nesse período e não esperava ver um espaço tão bem planejado e com atrações em todo o canto. Gostei demais, meu filho e minha mulher também e vamos curtir outros dias”, destacou o técnico em informática Bruno Lima, 28 anos, que estava na companhia da esposa Jéssica Lima, 30, e do filho Asath Lima, cinco anos.

Segurança, beleza, praticidade e higiene. Para a universitária Iolanda Oliveira, 40 anos, que durante o Natal de Todos vai trabalhar no comércio de alimentos, o novo formato das barracas favorece o comércio sem comprometer a organização e beleza da decoração natalina. “Eu achei ótimo, porque estão padronizadas, o que torna mais fácil manter o ambiente limpo. Aos olhos de quem visita fica muito mais agradável e bonito. Parabéns aos organizadores por essa iniciativa”, frisou. As barracas têm formato de casa com janela e cerca, formando uma vila e facilitando a interação entre os vendedores.

A agenda de atrações da noite de abertura contou ainda com show do saxofonista Caio Mesquita, apresentação da Banda do Bom Menino, do Coral Jovem Adventista e chuva de neve com Trio de Cordas. O esquema de segurança, com policiais circulando a área e placas de sinalização para orientar as pessoas, são outros diferenciais do evento, pensados para garantir tranquilidade e segurança ao público. Presentes ainda ao evento, o deputado federal e senador eleito Weverton Rocha e familiares, secretários de Estado e municipais, além de outras autoridades.

Atrações variadas
Shows musicais e teatrais acontecem em todo o ambiente durante a programação do Natal de Todos, com atrações em frente ao Palácio dos Leões, Igreja da Sé, no prédio da Sectur, Praça Benedito Leite e Tribunal de Justiça, onde foi montado um palco.

Os espetáculos serão sempre aos fins de semana. No dia 8 de dezembro, data que marca as comemorações pelo feriado de Nossa Senhora da Conceição, está programado um pocket show com a cantora Luiza Possi. Aos sábados e domingos, a Praça Benedito Leite vai funcionar como Praça de Alimentação, onde estarão instaladas barracas oferecendo grande variedade gastronômica. No local, as barracas da Feirinha São Luís também estarão funcionando deste sábado a partir das 18h e aos domingos o evento se estende até as 18h com a presentações culturais.

Confira a programação da 13° Aldeia Sesc Guajajaras

A 13ª edição da Aldeia Sesc Guajajara de Artes acontece de 08 a 15 de novembro, nos municípios de São Luís e Raposa, se fixando na agenda cultural maranhense como um importante evento de valorização da diversidade artística, ao incentivar a arte local e possibilitar o diálogo entre o público maranhense e importantes nomes do cenário brasileiro. Buscando alcançar diferentes públicos e mobilizar o cenário cultural do estado, a programação irá ocupar inúmeros espaços com cortejo artístico, espetáculos, performances, shows musicais, exibições de filmes, intervenções urbanas, contação de histórias, rodas de conversas e ações formativas.

Esta edição vai dar enfoque às diferentes identidades que compõem um território, porque acredita que a Aldeia Sesc Guajajara de Artes é formada coletivamente por um elenco diverso que agrega artistas e públicos, numa programação que prima pela diversidade artística e social, além de incentivar as trocas simbólicas e afetivas.

A 13ª Aldeia Sesc Guajajara de Artes começa dia 08 de novembro, com o tradicional cortejo artístico que irá se concentrar em diferentes pontos do Centro e da Rua Grande para seguir até a Avenida Vitorino Freire, ao lado do Terminal de Integração da Praia Grande, onde a programação segue com uma ação do projeto Arte da Palavra, do Departamento Nacional do Sesc que inicia às 19h, posteriormente terá discotecagem com a DJ Vanessa Serra.

A noite continua com a performance artística “A Voz Feminina” de Valda Lino/MA, depois o palco da Aldeia recebe o show musical “Preta Velha” com Camila Reis/MA e para fechar a programação de abertura às 21h acontece o show “Território Conquistado” da artista nacional Larissa Luz/BA. A programação desta noite busca reconhecer e potencializar o protagonismo feminino na arte.

A programação da 13ª Aldeia Sesc Guajajara de Artes é gratuita, porém o acesso às oficinas será realizado mediante a entrega de 1kg de alimento não perecível. As inscrições para as oficinas serão anunciadas em breve no site do Sesc, acompanhe as redes sociais do evento para ficar informado. Confira a programação completa aqui. 

Vasta programação na XII Semana Maranhense de Dança, confira:

Desde o último dia 15 até o dia 21 acontece em São Luís a XII Semana Maranhense de Dança. O evento está sendo realizado no Teatro Arthur Azevedo, casas de cultura, instituições e espaços públicos da cidade e vai exibir ao público espetáculos de danças locais e nacionais. Hoje dia 18 o evento está com uma vasta programação que vocês poderão conferir aqui.

Espetáculos

Nesta edição, de segunda a quinta, o Teatro Arthur Azevedo receberá quatro grandes espetáculos, um de Goiânia, no estado de Goiás, um de São Luís, um de Capina Grande, na Paraíba e outro de São Paulo, no estado de São Paulo. O acesso aos espetáculos é gratuito mediante a troca por 1 kg de alimento não perecível, a partir das 14h do dia do espetáculo que estiver em cartaz.

Batalha de Cosme

Devido ao grande sucesso da Batalha de Danças Urbanas Negro Cosme no ano passado, a XII Semana de Dança realizará a segunda Batalha na Praça Nauro Machado, na sexta-feira (19). São 16 selecionados entre 57 inscritos que irão concorrer ao troféu do Festival e o título de campeão da segunda batalha, além do prêmio em dinheiro.

Mostra na Praia

Uma novidade desta XII edição é a mostra especial de danças de academias, “Agitaê” onde professores e personal trainers montarão um aulão de zumba, fit dance, danças coletivas, no Círculo Militar, na Avenida Litorânea no próximo sábado (20) às 8h30.

Rodada de Negócios

Outra novidade no evento será a rodada de negócios que hoje dia (18) no Grand São Luís Hotel, na capital. Foram convidados quatro programadores de Grandes Festivais e mostras de dança do país. Diretamente de Recife, no Pernambuco, Campina Grande, Salvador, na Bahia e da cidade de Rio de Janeiro, no Rio de Janeiro, os programdores assistirão à programação do festival para conhecer o cenário da dança no Maranhão e assim oportunizar espaço para que os bailarinos maranhenses possam participar de eventos fora do estado.

Prefeitura promove valorização da cultura com nova edição do Programa Reviva no Centro Histórico

Depois do sucesso do Programa Férias Culturais, que movimentou o Centro Histórico da capital no mês de julho, a Prefeitura de São Luís irá atrair mais uma vez um grande público para a região com o Programa Reviva. Realizado por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), o Reviva inicia a programação neste segundo semestre de 2018 apresentando a cultura ludovicense para turistas e para a população local por meio de música, teatro, poesia e informações sobre os detalhes encantadores da cidade que é Patrimônio da Humanidade. As atividades, que começam dia 10 de agosto, fazem parte das ações colocadas em prática na gestão do prefeito Edivaldo com o objetivo de fomentar o turismo na capital e garantir mais uma opção de lazer para as famílias ludovicenses.

O programa Reviva engloba o ‘Passeio Serenata’, o ‘Roteiro Reggae’ e o ‘Sarau Histórico’. Este último abrirá oficialmente a programação no dia 10 de agosto, sexta-feira, às 19h, na Praça Benedito Leite. O tema do primeiro Sarau Histórico do ano será ‘O Grande Baile’.

A secretária municipal de Turismo, Socorro Araújo afirma que o programa Reviva vem cumprindo um de seus principais objetivos. “Que é de promover a educação através de um passeio concreto pela história, incentivando a ocupação do Centro Histórico e a preservação do nosso patrimônio, graças a um olhar sensível do prefeito Edivaldo que entende que ações como esta são extremamente importantes para preservação deste patrimônio”, afirmou a secretária.

O ‘Sarau Histórico’ tem como principal objetivo resgatar a cultura de São Luís por meio do teatro, da música e da poesia, trazendo atuações profissionais para mostrar a todos a riqueza imaterial da capital. A Cia Teoria das Artes será a responsável por transformar a cultura em um grande espetáculo lúdico, enquanto a música que vai envolver a noite ficará por conta do Combo 363.

Trata-se de um mix cultural de literatura, teatro, música e história que tem atraído a atenção do público local e turistas. Atores caracterizados com roupas de época evocam o passado áureo da cidade, transmitindo uma sensação de nostalgia ao mesmo tempo de aprendizagem da história.

Já o ‘Passeio Serenata’ contribui de forma significativa para que os turistas conheçam a cidade. Não só os pontos turísticos, mas também os artistas, cultura e a história local. Fugindo do convencional, o evento oferece aos visitantes uma São Luís mais lúdica, através de músicas regionais e do cancioneiro popular e personagens da história ludovicense, em inserções durante o passeio.

Com o ‘Roteiro Reggae’, o passeio pelas ruas de São Luís passa por locais no Centro Histórico que tenham identificação com o estilo musical que deu a São Luís o título de “Jamaica Brasileira”. Um guia especializado conduz os visitantes aos lugares que foram representativos para a história do reggae, com apresentação de grupo de dança do ritmo.

PROGRAMAÇÃO

Os eventos do Reviva começam no dia 10 de agosto e seguem até o fim de 2018. Todas as edições apresentam novidades e são feitas por companhias diferentes, dando a oportunidade para grupos culturais da cidade apresentarem o seu trabalho para o público. Além disso, todos os saraus também têm temas diferentes. Veja a programação completa!

Agosto
10 – Sarau Histórico (O Grande Baile)
22 – Passeio Serenata

Setembro
6 – Roteiro Reggae
14 – Sarau Histórico
26 – Passeio Serenata

Outubro
19 – Sarau Histórico
31 – Passeio Serenata

Novembro
9 – Sarau Histórico
21 – Passeio Serenata

Dezembro
7 – Sarau Histórico
19 – Passeio Serenata.

Governo divulga resultado preliminar do credenciamento para o São João de Todos 2018

Após análise das propostas artísticas para o São João de Todos 2018, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur) divulga resultado preliminar da habilitação, conforme cronograma do Edital de Credenciamento nº 01/2018 – CSL/Sectur. A lista pode ser conferida no site da Sectur: www.sectur.ma.gov.br.

Das 588 propostas que passaram por processo de credenciamento, 450 foram habilitadas nessa fase, conforme exigências do edital.

A lista preliminar de habilitados é resultado da primeira etapa do credenciamento que consiste na análise dos documentos apresentados no ato da inscrição.

Recurso
Os grupos culturais, bandas e artistas habilitados terão até o dia 10 de maio para entrar com recurso. Após análise e julgamento dos recursos, o resultado final da habilitação sairá no dia 14 de maio.

Classificação
Após essa data será iniciada a segunda etapa do credenciamento, quando as propostas passarão por processo de classificação para fins de definição dos valores dos cachês e composição da programação. A classificação será realizada com base em critérios como qualidade artística cultural, tradição, identificação, preservação, tempo de existência entre outros.

Participarão da comissão de avaliação do mérito cultural o Conselho Estadual de Cultura do Maranhão, a Comissão Maranhense de Folclore, a Comissão de Folclore de São Luís, o Conselho do Patrimônio Imaterial do Maranhão e o Conselho Nacional de Cultura.

Resultado final
O resultado final da classificação está previsto para o dia 24 de maio e a divulgação da programação sairá no dia 28, conforme previsto no cronograma do Edital.

Período junino
Este ano, o São João de Todos será realizado no período de 15 de junho a 1º de julho com arraiais em vários pontos de São Luís e Imperatriz.

O credenciamento tem por objetivo a habilitação, seleção e contratação de serviços artísticos de grupos, bandas e artistas para apresentações durante os festejos juninos.

Governo do Maranhão garante apoio a tradicional Festa do Divino de Alcântara

Com mais de 400 anos de existência, a tradicional Festa do Divino Espírito Santo de Alcântara contará mais uma vez com o apoio do Governo do Maranhão por meio da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur). A garantia do apoio no valor de R$ 300 mil foi anunciada pelo titular da Sectur, secretário Diego Galdino, durante reunião na manhã desta segunda-feira (12) no município com o prefeito Anderson Wilker e a comissão organizadora da festa.

Este ano, a festa será realizada de 9 a 20 de maio e promete movimentar toda a histórica cidade de Alcântara. “Além da incontestável relevância histórica e cultural da Festa do Divino de Alcântara, o período ainda é muito importante para a movimentação econômica de toda a região, com a produção e comercialização dos tradicionais doces de espécie e a atração turística, com a recepção de pessoas vindas de todas as regiões do Brasil e até de outros países”, pontuou o secretário Diego Galdino.

Este ano, o valor do investimento do Governo do Maranhão para a Festa do Divino será de R$ 300 mil. O recurso será utilizado para custear os 12 dias de festa, contemplando tanto a parte religiosa, dos rituais dos festeiros, quanto a parte profana, que contempla grandes shows na Praça do Pelourinho.

Prefeito de Alcântara, Anderson Wilker comemora a parceria com o Governo do Maranhão, fundamental para a manutenção do evento. “Sem o apoio e investimento do Governo, seria inviável fazer a festa. Desde que essa gestão assumiu, temos conseguido manter um diálogo permanente, que nos permite planejar a festa sempre com antecedência e realizar belíssimos eventos. Esse ano certamente não será diferente”, frisou.

Para oferecer uma experiência ainda mais agradável a turistas que estiverem em Alcântara no período da Festa do Divino ou em outras épocas do ano, a Sectur vai realizar no município no mês de abril uma edição do Projeto Mais Qualificação e Turismo. Pelo projeto, serão ofertados por técnicos da Sectur cursos de guia turístico, bom atendimento em bares e restaurantes, manipulação de alimentos e recepção hoteleira a empresários e trabalhadores da região.

A Imperatriz desse ano, Maria Izabel Araújo Serêjo lembrou que a parceria com o Governo do Maranhão para a realização da Festa do Divino nem sempre foi assim. “Já participei da festa em outros anos, em outras funções, e antes era muito difícil. Não tínhamos a garantia de apoio com antecedência e quando o apoio vinha era bem reduzido. Agora tá bem diferente. Ano passado fizemos uma festa muito linda e esse ano tem tudo pra ser ainda melhor”, lembrou.

Reforma das Casas de Cultura

Na passagem por Alcântara, o secretário Diego Galdino também anunciou a reforma das duas casas de cultura no município: o Museu Histórico e Artístico de Alcântara e a Casa do Divino de Alcântara, equipamento culturais que atua fortemente na preservação e difusão das tradições e memória do povo alcantarense.

As reformas terão início no mês de junho e fazem parte do planejamento da Sectur de reformar todos os equipamentos culturais vinculados à secretaria. Já foram entregues: Cacem, Concha Acústica da Lagoa da Jansen, Escola de Música, Casa de Cultura Josué Montello e Convento das Mercês. Estão em andamento as reformas da Casa de Nhozinho, Morada das Artes e Cafua das Mercês. Em seguida entrarão em reforma os equipamentos de Alcântara e a sede da Sectur, na Praia Grande, em São Luís.

Museus e espaços públicos em São Luís garantem diversão e cultura para a garotada

Garantindo a diversão e o conhecimento para a garotada, os museus e os espaços de cultura em São Luís, vinculados ao Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur), oferecem programação durante todo ano.  De forma gratuita, os espaços mostram uma ampla visão da produção maranhense no campo da arte, cultura e história.

Embarcando nessa viagem cultural, um grupo de crianças e adolescentes participou de uma visita guiada, na tarde da última quinta-feira (25), no Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia (CPHNA), localizado na Rua do Giz, no Centro Histórico de São Luís.

A oportunidade gera o estímulo ao aprendizado, além do enriquecimento cultural de quem visita. Com apenas 9 anos, Robert Soares, estudante do 6º ano, foi pela primeira vez a um museu e falou do encantamento de poder ver de perto uma réplica de dinossauro. “Eu gostei muito, não sabia que tinha esse tanto de coisa legal em um museu. Eu só via pela televisão. Agora eu vou pedir para minha mãe para me levar a mais outros museus”, conta visitante.

A mãe de Robert, a faxineira Laura Muniz Rabelo, que o acompanhava durante a visita, disse querer “passar para ele o conhecimento e oportunidade que eu não tive. Às vezes a gente pensa que tem que gastar muito para levar a criança para se divertir, mas não. Aqui não gastamos nada, pelo contrário, aprendemos mais sobre a história”.

Em uma área de mais de 226m² dedicados à exposição, a mostra do CPHNA é resultado de anos de pesquisa em três áreas específicas do conhecimento científico, que são a Arqueologia, a Paleontologia e a Etnologia.

Nos três ambientes da casa destinados a essas áreas científicas, é possível encontrar desde restos mortais de formas primitivas de vida achadas em território maranhense, até modernas representações dessas, como dinossauros. Também há registros de tribos e culturas indígenas que participaram da formação do povo maranhense.

Estreia em alto nível

Toda a história da arqueologia deixou a estudante Lissandra dos Santos Pereira, de 11 anos, empolgada para levar a família para visitar o espaço: “Eu nunca tinha vindo em um museu. Eu gostei muito de aprender sobre a história dos índios que a tia nos ensinou. Eu também gostei de ver um dinossauro tão grande. É maravilhoso esse passeio”.

Dividido em dois andares, o museu conta com a parte de Paleontologia, onde se encontram réplicas de dinossauros, fósseis e espécies da pré-história do Maranhão. O segundo andar conta com peças de cerâmicas, artefatos pré-coloniais, objetos de usos dos povos indígenas.

No mesmo grupo de visitação, a adolescente Amanda de Tássia Santos Barros, de 13 anos, detalhou o interesse pelas esculturas indígenas expostas no segundo andar do museu e falou da importância de o maranhense conhecer o espaço. “Tanta coisa legal que pode mudar a nossa forma de ver o passado. Eu acho que todo maranhense e turistas deveriam vir aqui”, sugere.

Outra atração do local é o espaço interativo que utiliza diversos recursos tecnológicos para contar a história das etnias que originaram o povo maranhense, algo que prendeu a atenção da Camila Vitória Cândido Silva, de 12 anos: “A gente fica sabendo de muita coisa que não se aprende na sala de aula. É bem legal mesmo. Estou muito feliz em poder participar desse grupo de visitação”.

Navegando no museu

Uma das mais novas casas de cultura do Maranhão, o Forte Santo Antônio, no Espigão da Ponta D’Areia, em São Luís, também é uma ótima opção de lazer para crianças e adolescentes. O espaço fica localizado num dos mais belos pontos turísticos da cidade, onde os pais podem aproveitar para interagir com as crianças.

No local, o visitante pode conhecer o Museu de Embarcações e exposição com 18 tipos de barcos tipicamente maranhenses por meio de maquetes que reproduzem em escala o original. Diferenciadas de outras pela originalidade de suas formas, as embarcações maranhenses tradicionais fazem parte do patrimônio cultural da cidade.

Outra atração do Forte são os canhões originários da França e instalados no século 19. Tanto os canhões como a estrutura original que sustentava o farol foram inteiramente restaurados.

Outra opção gratuita e cheia de história é o Museu Histórico e Artístico do Maranhão (MHA), que reconstitui toda a decoração e os artefatos de uma casa do século 19.

Também estão na lista das casas de cultura mantidas pelo Governo do Estado a Casa de Nhozinho (Rua Portugal), Museu de Arte Sacra (anexo MHAM), Palácio dos Leões, Centro de Produção Artesanal do Maranhão (Ceprama), Museu Histórico e Artístico de Alcântara (anexo MHAM) e Casa do Divino Alcântara, as duas últimas na cidade de Alcântara.

Sugestões de visitas:

– Centro de Pesquisa e Historia Natural e Arquelogia é localizado na Rua do Giz, 59, Praia Grande
– Museu Histórico e Artístico do Maranhão, na Rua do Sol, 302, Centro
– Convento das Mercês, na Rua da Palma, 502 – Desterro
– Museu de Arte Sacra, na Av. Pedro II, s/n, Centro
– Palácio dos Leões, Av. D. Pedro II, – Centro
– Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho, na Rua do Giz, 205/221 – Praia Grande
– Casa de Nhozinho, na Rua Portugal, 185, Praia Grande
– Casa do Maranhão, na Rua do Trapiche, s/n Praia Grande
– Forte Santo Antônio, no Espigão Costeiro da Ponta D’Areia
– Museu Histórico de Alcântara, na Praça da Matriz, Centro, Alcântara
– Casa do Divino – Alcântara, na Rua Grande, 88, Centro, Alcântara