Prefeitura abre edital para lançamento de livros na 12ª Feira do Livro de São Luís

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult) divulgou o Edital Nº 03/2018 de credenciamento para lançamento de livros de autores maranhenses para compor a programação da 12ª Feira do Livro de São Luís (FeliS), que ocorrerá no período de 16 a 25 de novembro de 2018, no Multicenter Sebrae. Maior evento literário do Maranhão, a FeliS é realizada pela Prefeitura via Secult e Secretaria Municipal de Educação (Semed). A edição deste ano traz o tema “A Brasilidade na Cultura Contemporânea” e o patrono será Graça Aranha.

De acordo com o edital, a inscrição poderá ser realizada pelo autor, co-autor ou responsável legal pela obra, desde que atenda aos requisitos do documento: ficha de inscrição devidamente preenchida e assinada pelo proponente; resumo da obra para fins de apresentação no momento do lançamento; entregar um exemplar da obra no momento da inscrição, devidamente autografado, que após o lançamento será doado à Biblioteca Pública Municipal José Sarney e ser uma obra publicada no ano de 2018.

A ficha de Inscrição estará disponível no anexo da Chamada Pública no endereço eletrônico da Prefeitura de São Luís: www.saoluis.ma.gov.br, no menu “Editais”. Para realizar a inscrição, os interessados devem entregar a documentação na sede da Secult, situada na Rua do Mocambo, nº 253, Centro, São Luís – MA, até o dia 22 de outubro de 2018, das 13h às 18h, de segunda a quinta-feira, e das 8h às 12h, às sextas-feiras.

A lista com os nomes das obras e autores selecionados será divulgada no site da Prefeitura de São Luís, menu “Editais”, no dia de 25 de outubro. As sessões de lançamentos terão duração, no máximo, de 40 minutos, sequenciada pela sessão de autógrafo com o mesmo tempo de duração. A data e horário de cada lançamento será definido no ato da entrega da ficha de inscrição, conforme indicação do escritor.

12ª FELIS

A 12ª FeliS será realizada no período de 16 a 25 de novembro, no Multicenter Sebrae, espaço localizado em área privilegiada da cidade, de fácil acesso e com estrutura física com capacidade para receber grandes eventos, além de contar com amplo estacionamento.

“A FeliS é um movimento que dialoga com ações que apontam o livro e a literatura como instrumento de transformação e de inclusão social, fato que a consagrou como um dos mais importantes projetos culturais do Estado. Apresenta relevante extensão social, reunindo mais de 20 mil estudantes da rede municipal e estadual, além de jovens e visitantes de outras cidades”, pontua o secretário municipal de Cultura, Marlon Botão.

O evento já homenageou como patronos grandes expoentes da literatura maranhense e brasileira. Esta 12ª edição, traz o tema “A Brasilidade na Cultura Contemporânea” e o patrono será Graça Aranha, escritor maranhense considerado um dos articuladores do movimento que renovou a literatura e a cultura brasileira, repensando identidades e a busca por referências estéticas que fossem próprias do Brasil: a Semana de Arte Moderna.

É dele a conferência de abertura do movimento cultural realizado no Teatro Municipal de São Paulo, em 1922, intitulada “A emoção estética na arte moderna”. Foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras (ABL) e autor do romance “Canaã”, sua principal obra. O ano de 2018 marca, ainda, seus 150 anos de nascimento.

Além do patrono, a FeliS irá prestar homenagens especiais aos também maranhenses Joaquim Gomes de Souza e João Antonio Coqueiro, o Coqueiro, ambos matemáticos de destaque nacional.

Divulgado resultado do edital de inscrição para programa “Luminar: Caravana da Ciência” 2018

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), divulgou na manhã desta segunda-feira (04) o resultado do edital de inscrição para o maior programa de difusão e popularização da ciência e tecnologia de toda história do estado – o programa “Luminar: Caravana da Ciência”, que leva as oficinas de robótica, astronomia, eletricidade básica, paleontologia, arqueologia e de matemática às escolas públicas, além da exibição do Planetário. O edital fica disponível para consulta no site da Secti, no endereço www.secti.ma.gov.br.

Foram selecionadas 32 escolas para receber a Caravana da Ciência a partir do dia 15 de junho até o mês de setembro. “O Programa Luminar é uma das iniciativas do governo Flávio Dino por meio da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) que ganharam mais destaque nos últimos anos. Nosso objetivo é estimular o gosto dos jovens maranhenses pelas diversas áreas científicas, para isso oferecemos oficinas variadas para que os estudantes escolham aquela que se identificam mais”, ressaltou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Davi Telles.

A Caravana da Ciência alcançou mais de 15 mil pessoas em 2016, e mais de 30 mil pessoas em 2017.

Investimentos 

Os investimentos do Governo do Maranhão para a implantação do “Luminar: Caravana da Ciência” são de cerca de R$ 300 mil. O programa vai ofertar oficinas para estudantes da capital e do interior do Estado em subáreas de conhecimento da ciência: robótica, astronomia, eletricidade básica, paleontologia, arqueologia, matemática e a exibição do Planetário.

Sobre o programa

O projeto “Luminar: Caravana da Ciência” segue a linha de política pública do governo que visa à descentralização, regionalização e interiorização de suas ações. O objetivo do programa é despertar vocações científicas. A ação integra o eixo estratégico da popularização da ciência, tecnologia e inovação.

Por meio do programa, estudantes do interior do Maranhão têm oportunidades de participar de oficinas ampliando assim seus conhecimentos. O programa prioriza os municípios com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

Lançado edital para inscrição de municípios demandantes do Aulão do Enem 2018

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), lançou nesta quinta-feira (05) o edital de inscrição para municípios demandantes do Aulão do Enem 2018, no âmbito do Programa Pré-Universitário (PreUni).

O Aulão do Enem foi lançado em 2015 pelo governador Flávio Dino com o objetivo de democratizar o acesso ao ensino superior e preparar jovens e adultos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Incentivo e porta de entrada para o ensino superior, o programa começou alcançando 20 municípios em sua primeira edição em 2015, nos anos seguintes esse número aumentou para 65 e 95 municípios. Em 2018 o programa que já se tornou referência, entra em sua quarta edição e tem como meta aumentar ainda mais o número de beneficiados.

“O Aulão do Enem já foi levado para mais de 90 municípios no ano passado dando mais oportunidade para os estudantes do Maranhão, nosso objetivo é alcançar um número maior de jovens que sonham em ingressar no ensino superior”, enfatizou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Davi Telles.

As Prefeituras, Secretarias Municipais de Educação, Secretarias Municipais de Juventude, Secretarias Municipais de Ciência e Tecnologia e similares; associações; sindicatos e outras instituições da sociedade civil poderão requerer a realização do Aulão do Enem no período de 05 de abril a 05 de maio.  A solicitação deverá ser feita por meio de ofício enviado para preuni@secti.ma.gov.br ou protocolado junto a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação do Maranhão (Secti).

Sobre o Aulão do Enem

O Aulão do Enem é uma megarrevisão gratuita e parte do Programa PreUni. A megarrevisão é voltada para jovens e adultos que, prioritariamente, concluíram ou estão cursando o 3º ano do ensino médio, interessados em ingressar na educação superior.

As aulas são ministradas por professores experientes, seguem um calendário programado pela Secti e são focadas na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Durante a megarrevisão são disponibilizados aos alunos conteúdo de revisão para o Enem 2018, trabalhando as habilidades e competências relativas às quatro áreas que compõem o exame: Linguagens e Códigos e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Matemáticas e suas Tecnologias e mais a Redação.

O Aulão do Enem ocorrerá na modalidade presencial em São Luís e nos municípios demandantes nos locais e datas a serem acordados.

Governo lança edital para contratação de professores do Ensino Médio regular

O Governo do Maranhão divulgou, nesta quinta-feira (15), edital de processo seletivo simplificado para contratação temporária de 25 professores e formação de cadastro reserva, para atuarem na Educação Básica, na modalidade de Ensino Médio Regular.

As inscrições serão gratuitas e devem ser realizadas a partir das 0h de segunda-feira (19) até às 23h59 do dia 23 (sexta-feira), exclusivamente, pelo endereço eletrônico da Secretaria de Estado da Educação (www.educacao.ma.gov.br).

O candidato deverá preencher a ficha de inscrição, disponibilizada no portal da Seduc, e entregá-la junto com os documentos e títulos, no período de 19 a 26 de março, das 13h às 19h, conforme endereços indicados no edital do seletivo, também disponível no site da secretaria.

O processo seletivo para professores da educação básica, na modalidade de Ensino Médio Regular, será realizado em etapa única e é composto de Avaliação Curricular de Títulos e de experiência profissional docente.

Os candidatos aprovados, dentro do limite de vagas, serão contratados pela Seduc em regime de 20 horas de trabalho semanais.

O Processo Seletivo tem caráter eliminatório e classificatório e serão considerados aprovados os candidatos que comprovarem possuir os requisitos básicos necessários à disciplina pleiteada.

Aberto edital para seleção de servidores facilitadores da Escola de Governo do Maranhão

O Governo do Maranhão, por meio da Escola de Governo (EGMA), órgão vinculado à Secretária de Estado da Gestão, Patrimônio e Assistência dos Servidores (Segep), convoca todos os servidores estaduais interessados em fazer parte do quadro de facilitadores da instituição para o credenciamento do “Servidor Facilitador”, respaldado pela Lei nº 10.235, de 13 de maio de 2015, instituída pelo decreto nº 31.608, de 8 de abril de 2016, regulamentado pelo governador Flávio Dino.

Os interessados deverão se inscrever na sede da EGMA, localizada na Av. Senador Vitorino Freire, nº 1.969, Areinha, em São Luís, de segunda à sexta-feira, das 9h às 17h, e obedecer a todas as etapas de credenciamento previstas no edital, disponível no endereço eletrônico: www.egma.ma.gov.br.

Podem se cadastrar como instrutores os servidores públicos ativos do Estado, inclusive os ocupantes de cargo em comissão. As atividades de instrutoria realizadas pela EGMA consistem em:

I – Ministração de aulas;
II – Coordenação pedagógica e técnica;
III – Elaboração de plano de curso, conteúdo e material didático necessário à docência, incluindo-se as atividades de palestrante, conferencista, moderador, tutor, técnico de apoio ou equivalente em cursos de capacitação presencial ou à distância de servidores estaduais.

Os interessados deverão apresentar, em cópias autenticadas em cartório, os documentos abaixo indicados, podendo, ainda, apresentar os originais, com as respectivas cópias, para autenticação por servidor da EGMA:

I – Requerimento para credenciamento, na forma prevista no Anexo I deste Decreto;
II – Cópia da carteira de identidade;
III – Cópia do cadastro de pessoa física (CPF);
IV – Cópia de comprovante de endereço;
V – Comprovante de situação cadastral do CPF;
VI – Certidão conjunta negativa de débitos relativos a tributos federais e a dívida ativa da união;
VII – Certidão negativa de débitos da dívida ativa do estado;
VIII – Certidão negativa da dívida ativa relativa ao imposto sobre serviços de qualquer natureza (ISSQN) e à taxa de licença e verificação fiscal (TLVF);
IX – Prova de inexistência de débitos inadimplidos perante a Justiça do Trabalho, mediante apresentação de certidão negativa de débitos trabalhistas (CNDT) ou de certidão positiva de débitos trabalhistas com efeitos negativos, emitida pelo Tribunal Superior do Trabalho;
X – Termo de responsabilidade;
XI – Declaração de idoneidade;
XII – Curriculum Lattes assinado e atualizado.

Os critérios de pontuação terão por base:
I – Escolaridade;
II – Diplomas ou certificados de cursos superiores;
III – Documentos que comprovem formação e/ou experiência na área;
IV – Cursos de aperfeiçoamento referente aos últimos 5 anos.

As atividades de instrutoria não poderão exceder, em horário de expediente, oito horas diárias, nem ultrapassar o limite mensal de 40 horas e anual de 120 horas de trabalho, ressalvada situação de excepcionalidade, quer por falta de instrutores ou conveniência da administração pública estadual, que poderá autorizar o acréscimo de até 80 horas anuais, mediante ato da Segep.

Os servidores facilitadores serão remunerados de acordo com o valor da hora/aula estabelecido no edital de credenciamento, levando em consideração a formação acadêmica dos servidores credenciados.

Para saber mais, acesse o edital disponível no site: www.egma.ma.gov.br.

Governo lança edital para fabricação de uniformes para servidores penitenciários

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), abriu credenciamento de empresas habilitadas para fabricação, fornecimento e comercialização de uniformes para servidores do Sistema Penitenciário do Maranhão. A Instrução Normativa nº. 4/2018, publicada sexta-feira (19), no Diário Oficial do Estado (DOE), institui e disciplina a obrigatoriedade do emprego, a utilização, a distribuição e a aquisição de uniformes, suas peças e acessórios, bem como os materiais para a confecção e, até mesmo, a tipografia.

“A instituição da Guarda Prisional, a verba indenizatória para a aquisição e a padronização dos uniformes destinados às carreiras que compõem a segurança penitenciária do Estado do Maranhão traduzem bem a preocupação do governador Flávio Dino com estes importantes personagens que compõem o sistema de justiça criminal do estado, e também demonstra que a transformação do sistema prisional acontece tanto na humanização penal quanto no trabalho dos servidores”, destacou o secretário da Seap, Murilo Andrade de Oliveira.

Para tal, será concedido pela gestão, conforme prevê a Lei Estadual nº 10.738, de 12 de dezembro de 2017, o Auxilio Uniforme, benefício equivalente a 15% da remuneração básica do Agente Estadual de Execução Penal Classe 1, para os Auxiliares de Segurança Penitenciária; e 30%, para o Agente Estadual de Execução Penal e Inspetor Estadual de Execução Penal. Inicialmente, as empresas interessadas serão submetidas a credenciamento, já definido por meio de edital disponível no site oficial da Seap (www.seap.ma.gov.br).

Credenciamento

Para concorrer, as empresas poderão se inscrever de 19 de janeiro a 16 de fevereiro de 2018. O credenciamento constitui-se na coleta e análise de documentos referentes à habilitação jurídica, qualificação técnica, regularidade fiscal e outros de igual importância. No ato da assinatura do “Termo de Credenciamento”, a empresa se comprometerá em apresentar, no prazo de até 5 (cinco) dias corridos, um kit de amostra para verificação de conformidade com o padrão estabelecido no processo de normas elaborado pela Seap.

O kit de amostra será composto por: calça tática operacional, camisa masculina/feminina, camisa de combate, gandola e gorro com pala. Todos os itens da amostra deverão obedecer ao padrão previamente detalhamento e estabelecido no edital. Pioneiro no país, o Auxilio Uniforme idealizado pelo Sistema Penitenciário do Maranhão trará economia ao Estado e padronizará o serviço. “Desta forma, o servidor compra o kit, presta conta com a gestão da utilização do benefício, e trabalha de forma padronizada”, conclui o titular da Seap.

Lei

A Lei Estadual nº 10.738, de 12 de dezembro de 2017, dispõe sobre a composição da guarda prisional e a concessão de indenização para aquisição de fardamento e dá outras providências. Nela consta que para efeito de comprovação de regularidade da aquisição da farda ou uniforme junto ao Estado, em caso de processo administrativo ou qualquer instrumento apuratório, o servidor somente deverá realizar compras junto a estabelecimentos comerciais cadastrados pela SEAP, conforme previsto no art. 3º desta Lei.

SEMA abre edital público para a seleção de OSCIP

A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) continua com Edital de Chamamento Público Aberto para selecionar a melhor proposta técnica e financeira apresentada pelas Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP). A ideia é firmar um Termo de Parceria, visando desenvolver e executar as atividades do Projeto “Berço do Rio Itapecuru”, instituído pelo Decreto Estadual nº 33.328/2017, no âmbito do Programa Maranhão Verde.

O prazo de entrega da documentação necessária, disposta no Edital, será até às 18h do dia 16 de fevereiro de 2018. Todas as informações referentes ao Edital, à elaboração das propostas, bem como o Termo de Referência e demais anexos, encontram-se disponíveis no sitio eletrônico da SEMA (www.sema.ma.gov.br).

O Projeto tem como objetivo incentivar e promover a recuperação e conservação dos ecossistemas, promover a cidadania, a melhoria das condições de vida e a elevação da renda da população em situação de extrema pobreza que exerça atividades de conservação e recuperação dos recursos naturais e incentivar a participação de seus beneficiários em ações de capacitação ambiental, social, educacional, técnica e profissional.

Para a elaboração do Projeto “Berço do Rio Itapecuru” foram visitados e mapeados 52 povoados dentro do Parque Estadual do Mirador, onde o levantamento socioeconômico identificou cerca de 200 famílias aptas a participar dessa primeira etapa do Programa.

Prorrogados prazos do edital da SEIR para geração de renda

O Governo do Maranhão, através das Secretarias de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e Extraordinária da Igualdade Racial (SEIR), retificou o Edital de Chamamento Público – SEIR nº 01/2017. O edital tem por objetivo selecionar e apoiar a expansão de projetos de experiências exitosas de geração de renda na zona urbana referente à população negra, com utilização de recursos do Tesouro Estadual.

No documento retificado e alterado, a data de entrega do projeto e da documentação foi prorrogada para 22 de fevereiro; a avaliação dos projetos e análise de documentos pela Comissão Especial de Seleção foi mudada para 26 de fevereiro a 12 de março, com publicação do resultado preliminar em 15 de março; e o prazo para recurso foi estendido para o período de 16 a 22 de março. Já o resultado final será publicado no dia 29 de março. Todas as alterações no edital estão listadas no Diário Oficial do Maranhão do dia 10 de janeiro nas páginas 29 a 53.

A seleção dos projetos para geração de renda na zona urbana, e que vão considerar a conceituação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em execução por Organizações da Sociedade Civil (OSC), faz parte do programa de Ações Afirmativas da SEIR, cujo eixo de inclusão produtiva busca mapear, valorizar e potencializar os empreendimentos econômicos coletivos referentes à população negra e seus movimentos e instituições organizados.

Concurso da Aged tem edital lançado e inscrições começam em Janeiro

O Governo do Maranhão, juntamente com a Fundação Carlos Chagas, lançou na tarde desta quinta feira (21) o edital de abertura de inscrições para as 100 vagas disponíveis no concurso para a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) com o objetivo de fortalecer as ações de defesa agropecuária e inspeção no Estado.

As 100 vagas ofertadas, serão para os níveis superior e médio, com salários iniciais variando de R$ 1.400 (hum mil e quatrocentos reais) a R$ 4.400,00 (quatro mil e quatrocentos reais), para os cargos de Fiscal Estadual Agropecuário, voltados para área de medicina veterinária, engenharia florestal e engenharia agronôma para os cargos de Técnico de Fiscalização Agropecuária ou Agronegócios e Auxiliar de Fiscalização Agropecuária.

As inscrições serão realizadas, exclusivamente, via internet, pelo site da Fundação Carlos Chagas, no período de 08 de Janeiro de 2018 a 09 de Fevereiro de 2018, com inscrições no valor de R$ 140,00 (cento e quarenta reais) para nível superior e, R$ 90,00 (noventa reais) para nível médio.

O presidente da Aged, Sebastião Anchieta, ressaltou que, “Estamos muito contentes com o lançamento deste edital, pois a realização deste concurso é muito importante para o fortalecimento das atividades de defesa agropecuária que desenvolvemos em todo o Estado. O aumento do nosso quadro será muito positivo para que continuemos alcançando bons resultados”, disse ele.

As Provas Objetivas serão realizadas nas cidades de Balsas, Caxias, Imperatriz e São Luís, conforme opção indicada pelo candidato no Formulário de Inscrição via Internet, com previsão de aplicação para o dia 08 de abril de 2018 e terão questões de conhecimentos gerais, língua portuguesa, noções de informática, atualidades, raciocínio lógico-matemático, noções de geografia do Estado e conhecimentos específicos.

O Secretário estadual de agricultura, pecuária e pesca, Márcio Honaiser, destacou que “É um concurso há muito esperado, pois o setor agropecuário do Maranhão tem crescido bastante, muito graças à atuação da Aged, que terá, após o concurso, equipe reforçada para continuar mantendo esse trabalho de alta qualidade”.

Os interessados em se inscrever, devem acessar e obter mais informações no link: http://www.concursosfcc.com.br/concursos/agedm116/index.html

Edital do concurso da Saúde será publicado nesta segunda (11)

O edital para o concurso da saúde criado pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, será publicado nesta segunda-feira (11). Estão sendo oferecidas mil vagas no quadro efetivo da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), responsável pela gestão de 45 unidades de saúde na capital e no interior do estado.

As inscrições serão realizadas a partir do dia 18 de dezembro, por meio do site do Instituto AOCP, organizadora do concurso, com o pagamento do valor de R$ 80 para nível médio e técnico e R$ 120 para nível superior. Os aprovados no certame terão direito a remunerações que variam de R$ 1.000 (nível médio) a R$ 7.425,31 (nível superior).

Das vagas autorizadas, serão ofertadas 60 oportunidades na área médica em diferentes especialidades, 630 vagas para as funções de enfermeiro e de técnico de enfermagem, além de 310 vagas distribuídas para os cargos de biomédico, bioquímico, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, nutricionista, odontólogo, psicólogo, terapeuta ocupacional, técnico em saúde bucal, advogado, analista administrativo, jornalista e assistente administrativo.

O candidato deve escolher a Regional de Saúde para a disputa da vaga no ato da inscrição. A distribuição dos candidatos aprovados no concurso será de acordo com a necessidade/conveniência das unidades de saúde nas regionais as quais os candidatos se inscreveram. As vagas foram distribuídas de acordo com as necessidades das respectivas unidades, apontadas num levantamento feito pela própria rede de saúde.

A presidente da Emserh, Ianik Leal, reforçou o compromisso do Governo do Maranhão com a gestão da saúde, com o constante acompanhamento do trabalho desenvolvido na saúde pública estadual e, sobretudo, compromisso com o usuário, demonstrando que é possível executar um atendimento público satisfatório para o setor. “A realização do concurso é uma demonstração do compromisso do Governo do Estado e da Secretaria de Saúde com a garantia de acesso, por mérito, ao setor público, por meio de concurso, de maneira transparente. Desta forma, busca-se oferecer uma assistência cada vez mais qualificada na rede de saúde do estado”, destacou.

A presidente da Emserh disse, ainda, que a autorização dada para o concurso não interfere na situação dos candidatos aprovados nos seletivos realizados em 2015. “O concurso não interfere no seletivo. As pessoas continuam sendo chamadas, conforme manda a lei, até o final do prazo regulamentar. Todo o procedimento para o lançamento do edital do concurso, provavelmente, só será concluído em janeiro de 2018”, explicou.

Este é o primeiro concurso da saúde depois de 25 anos, sendo que o último foi realizado ainda em 1992. Os candidatos serão submetidos à aplicação de provas objetivas e prova de títulos para os classificados dentro do número de vagas previsto no edital. A carga horária e os vencimentos dos profissionais aprovados obedecerão à Consolidação das Leis do Trabalho.

CONFIRA O QUADRO DE VAGAS

Médicos especialistas
Médico cardiologista: 8 vagas
Médico – clínica médica: 9 vagas
Médico – endocrinologia: 13 vagas
Médico – ginecologia e obstetrícia: 9 vagas
Médico – ortopedia: 7 vagas
Médico – pediatria: 10 vagas
Médico – psiquiatra: 4 vagas

Enfermagem 
Enfermeiro: 30 vagas
Enfermeiro obstetra: 10 vagas
Enfermeiro UTI – Adulto: 10 vagas
Enfermeiro UTI – Pediátrica: 10 vagas
Enfermeiro UTI – Neonatal: 10 vagas
Técnico de enfermagem: 560 vagas

Área médica
Biomédico: 15 vagas
Bioquímico: 10 vagas
Farmacêutico: 60 vagas
Fisioterapeuta: 28 vagas
Fisioterapeuta UTI Pediátrica – Neonatal: 10 vagas
Fonoaudiólogo: 15 vagas
Nutricionista: 20 vagas
Odontólogo: 15 vagas
Psicólogo: 15 vagas
Terapeuta ocupacional: 15 vagas
Técnico em saúde bucal: 26 vagas

Área administrativa da Emserh
Advogado: 2 vagas
Analista administrativo: 44 vagas
Jornalista: 5 vagas
Assistente administrativo: 30 vagas