Inaugurado Hospital Regional de Chapadinha

O governo do Estado inaugurou o oitavo Hospital Regional de Média e Alta Complexidade, no município de Chapadinha, no último sábado, 11.

A unidade de saúde conta com 52 leitos, equipe multidisciplinar, UTI, centro cirúrgico e um pioneiro serviço de hemodiálise para os pacientes da região.

“Uma grande conquista do nosso governo: abertura de 8 grandes hospitais regionais em Pinheiro, Caxias, Santa Inês, Imperatriz, Bacabal, Balsas, Hospital de Traumatologia e Ortopedia em São Luís e Chapadinha. Vejam que obra grandiosa.”, escreveu o governador Flávio Dino em sua conta nas redes sociais.

O governador agradeceu à equipe de governo e aos profissionais pela “grande conquista”. Com o novo Hospital Regional, o número de leitos disponíveis na rede pública estadual aumenta em 50%.

ARTIGO | Pai, trabalho e exemplo

Como nos ensina o Livro de Tiago, na Bíblia, fé e obras devem caminhar de mãos dadas. Portanto, nada mais certo que sejamos coerentes entre o que temos de ideais e o que executamos em nosso dia a dia.

Tem sido um desafio fazer um governo coerente com meus princípios de justiça para todos, em meio à maior crise da história de nosso país. Mas é justamente nesses períodos que implantar bons princípios se torna ainda mais essencial. É só olhar para a situação em todo o país, com o brutal aumento do desemprego. Aqui no Maranhão, em junho, conseguimos criar um bom número de postos de trabalho. Fomos o estado do Nordeste que mais criou empregos. E o terceiro estado do país. Esse saldo positivo se verifica desde o ano passado.

Os números são resultado de uma gestão fiscal séria no nosso estado, que conseguiu manter o pagamento de servidores e a realização de obras, que têm ativado a economia e gerado empregos. Além de programas específicos que criamos, como o Mais Empregos, incentivo fiscal do governo por cada emprego gerado, com o qual conseguimos criar 500 postos de trabalho formal, na primeira etapa. Também tivemos o Mais Renda, que beneficiou milhares de empreendedores com equipamentos, capacitação e assessoria técnica. O mutirão Rua Digna vem melhorando o calçamento de 220 vias urbanas no estado, com a geração de milhares de empregos.

Quem governa não pode se perder no cipoal de burocracia, normas e contas. É preciso lembrar que cada decisão de Governo tem repercussões na vida de seres humanos, que são a parte mais importante da “contabilidade pública”. Por isso, a cada programa que criamos, sempre fico feliz quando posso olhar nos olhos dos destinatários das ações governamentais e ver esperança, pois essa é maior recompensa para quem governa com o coração.

Foi o que ocorreu sexta-feira passada em que recebi os alunos do IEMA que foram medalhistas na Olimpíada Internacional de Matemática da Ásia, na Tailândia. No olhar de cada jovem, havia felicidade e a esperança de um futuro melhor.

Só esse olhar já justifica o enorme esforço fiscal que temos feito para ampliar políticas públicas das quais o nosso povo merece e precisa. Felizmente, o Maranhão agora segue altivo e sereno e não sairá de seu caminho de mudanças que começou a trilhar nos últimos anos.

Esse é o maior presente para pais e mães, pelo qual luto todos os dias: ver os filhos bem tratados, respeitados nos seus direitos, com acesso a uma educação digna.

Desejo que todos os pais tenham um dia abençoado e cheio de amor. Meu abraço especial aos pais que sentirão saudade, a dura presença da ausência, mas que continuam a amar. Ser pai é uma missão divina, que deve ser exercida todos os dias, o tempo inteiro. Não importa se o filho já é adulto e mora longe, se é criança ou adolescente. Não importa nem se uma tragédia tenha levado, precocemente, o filho de volta ao Pai.  Somos pais sempre e para sempre.

Advogado, 50 anos, Governador do Maranhão. Foi presidente da Embratur, deputado federal e juiz federal.

Flávio Dino: grupo Sarney quer usar PF para criar novo factóide

Revista Fórum

Em seu Twitter, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) denunciou mais um ataque contra ele vindo da família Sarney. “Avisaram-me que o grupo Sarney está tramando um novo factoide querendo usar a Polícia Federal. Não quero crer que um delegado se preste a esse tipo de armação. Seria mais uma desmoralização”, escreveu Dino em seu perfil na rede social.

Nesta quarta-feira, uma juíza eleitoral de primeira instância decretou a inelegibilidade de Dino por “abuso de poder econômico”. De acordo com a juíza Anelise Nogueira Reginato, da cidade de Coroatá, Dino teria usado o programa de asfaltamento de ruas do governo do estado para beneficiar o atual prefeito da cidade, Luís da Amovelar Filho (PT). Na decisão, a magistrada também decretou a cassação do mandato do prefeito.

A ação que culminou na sentença da juíza é de 2016 e só veio à tona agora, a dois meses das eleições e com Flávio Dino liderando todas as pesquisas de intenção de voto para o governo. A autora é Teresa Murad (MDB), derrotada nas eleições de 2016. Teresa é esposa do empresário Ricardo Murad, que é cunhado da ex-governadora Roseana Sarney, adversária de Dino nas eleições deste ano.

Em nota divulgada nas redes sociais, Flávio Dino mostrou saber que a sentença da juíza se trata de uma “armação” do clã Sarney para inviabilizar sua reeleição. “Fui juiz federal por 12 anos, sou professor de Direito Constitucional há 25 anos e, por isso, não levo a sério armações do grupo Sarney/Murad”, escreveu o governador. 

Como trata-se de uma decisão em primeira instância, cabe recurso na justiça eleitoral local e em instâncias superiores. Flávio Dino, no entanto, já informou que fará o registro de sua candidatura normalmente no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Sentença contra Flávio Dino não tem valor jurídico, afirma o PCdoB-MA

Em nota oficial, o partido afirma que “a ação movida por Ricardo Murad, coordenador de campanha de Roseana Sarney, visa apenas desestabilizar o processo eleitoral e reflete o desespero de quem está atrás nas pesquisas”.

A direção do PCdoB maranhense ressaltou ainda que “a fragilidade da decisão judicial está exposta por basear-se em prova de 2018, que apontaria suposta irregularidade cometida dois anos antes”, diz a nota. E por fim, assegurou que “certamente a sentença não tem nenhum valor jurídico e será anulada”.

Confira a íntegra da nota:

Sobre a decisão da juíza Anelise Nogueira Reginato contra o governador Flávio Dino e o ex-secretário Márcio Jerry, a direção estadual do PCdoB do Maranhão afirma:

1. A ação movida por Ricardo Murad, coordenador de campanha de Roseana Sarney, visa apenas desestabilizar o processo eleitoral e reflete o desespero de quem está atrás nas pesquisas.

2. A fragilidade da decisão judicial está exposta por basear-se em uma suposta prova de 2018, que comprovaria suposta irregularidade cometida dois anos antes.

3. Certamente a sentença não tem nenhum valor jurídico e será anulada.

São Luiz, 8 de agosto de 2018

Flávio Dino esclarece “factoide sobre inelegibilidade”


A decisão de tornar o governador inelegível é de uma juíza de Coroatá. Como não é uma decisão colegiada, o governador continua com seus direitos políticos assegurados.

O governador reagiu imediatamente nas redes sociais: “Fui juiz federal por 12 anos, sou professor de Direito Constitucional há 25 anos e, por isso, não levo a sério armações do grupo Sarney/Murad”.

Confira a integra da reação do governador:

Absolutamente improcedente qualquer versão sobre minha suposta inelegibilidade, especulada há semanas pelo grupo Sarney/Murad. Estes, para voltarem aos seus privilégios, terão que vencer nas urnas. O resto é factoide e desespero.

Amanhã irei pleitear normalmente meu registro ao TRE, que será deferido nos termos da lei. E semana que vem vamos começar mais uma bela campanha alegre, propositiva e vencedora.

Fui juiz federal por 12 anos, sou professor de Direito Constitucional há 25 anos e, por isso, não levo a sério armações do grupo Sarney/Murad.

Me desculpem não ter me manifestado antes. Mas estava muito ocupado com coisas sérias, trabalhando para continuar com as mudanças que temos feito em nosso Estado.

Flávio Dino realiza visita de cortesia à Famem e recebe homenagem

O governador Flávio Dino realizou, nesta segunda-feira (06), visita de cortesia à Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), cuja nova sede, inaugurada no mês de dezembro, fica localizada na Avenida dos Holandeses, em São Luís.

Dino foi recebido por prefeitos que integram a diretoria da entidade; por gestores de municípios filiados; e funcionários.

Na oportunidade, o governador recebeu uma placa em reconhecimento ao trabalho executado em favor do fortalecimento do municipalismo no estado.

“A FAMEM reconhece, ao tempo em que agradece, ao governador Flávio Dino pelo incansável e reconhecido trabalho ora desenvolvido à frente do governo do estado do Maranhão, através de um amplo leque de ações municipalistas que culminaram com notáveis avanços e maior desenvolvimento social ao nosso povo maranhense”.

Os prefeitos Djalma Melo (Arari) e Miltinho Aragão (São Mateus), que estão administrando interinamente a Federação, avaliaram o encontro como proveitoso e que serviu para aproximar, ainda mais, a municipalidade do Poder Executivo Estadual.

“O governador Flávio, ao longo destes quase quatro anos, estabeleceu-se como um gestor municipalista, que investe em novas políticas públicas direcionadas para o desenvolvimento das cidades e, consequentemente, a melhoria da vida do cidadão maranhense”, afirmaram.

Flávio Dino disse ter se sentindo honrando com a homenagem. Ele reconheceu a importância da FAMEM e o papel fundamental que a entidade exerce na construção de um Maranhão mais justo e igualitário.

“Admiro e constato a importância da Federação desde jovem, quando meu pai [Sálvio Dino] foi prefeito de João Lisboa. Trata-se de uma entidade parceira do governo e que muito nos ajuda a fazer um estado melhor”, avaliou.

Prefeito de Pindaré-Mirim, Henrique Salgado considerou a homenagem prestada ao governador como mais do que justa.

“Fortalecimento do municipalismo é a bandeira de luta da Federação. E Flávio Dino tem se mostrando um governador amigo dos municípios. Por isso, a homenagem é muito merecida”.

Também participaram do encontro os prefeitos Erlânio Xavier (Igarapé Grande), Cleomar Tema (Tuntum), Padre Domingos Costa (Matões do Norte), Magrado (Viana), Laercio Arruda (Lago da Pedra), Rodrigues da Iara (Nina Rodrigues), Manino (Alto Alegre do Maranhão), Chico Freitas (Lagoa Grande), Carlinhos Barros (Vargem Grande), Joãozinho do Dimaizão (Itaipava do Grajaú) e Maria da Conceição Araújo (São Vicente Ferrer); além dos deputados federais Weverton Rocha e Eliziane Gama.

“Reduzimos tributos para gerar empregos”, afirma Flávio Dino

O governador e pré-candidato à reeleição Flávio Dino ressaltou nesta segunda-feira (6) que a geração de empregos tem sido uma das prioridades desde que assumiu o governo. E que os resultados têm mostrado que as medidas lançadas estão no caminho certo.

“Tivemos anos muito difíceis no país todo, com desemprego e desativação de programas federais que ajudavam na geração de vagas. E apesar disso estamos com saldo positivo. Ficamos em primeiro lugar no Nordeste e terceiro no país”, disse em entrevista à rádio 92,3 FM, referindo-se aos dados mensais mais recentes divulgados pelo Ministério do Trabalho sobre criação de postos com carteira assinada.

De acordo com ele, os fortes investimentos públicos têm ajudado na criação de empregos no Maranhão. Ele citou o Mais Asfalto e a construção e reforma de escolas, que abrem muitos postos de trabalho.

“Também apoiamos as empresas com incentivos tributários em vários setores. Reduzimos tributos para garantir que pudessem investir mais e, assim, gerar emprego”, afirmou o governador.

Flávio lembrou que reduziu a carga tributária das micro e pequenas empresas, além de ter ampliado o limite para entrar no Simples.

ARTIGO | Maranhão, Terra de Encantos

Iniciamos o mês de agosto tendo obtido ótimos resultados no segmento do Turismo para o Maranhão. Obtivemos bons números tanto em junho, mês em que nossa cultura toma as ruas com o São João, quanto em julho, período de férias escolares, em que os Lençóis estão no ápice de seu esplendor.

O turismo é uma aposta estratégica de nosso governo no estímulo ao desenvolvimento de diferentes regiões do estado. Compreendi, desde quando presidi a EMBRATUR (Instituto Brasileiro do Turismo), que esse segmento tem capacidade de estimular a economia mesmo em tempos de crise. É por isso que mantivemos a aposta no Turismo, mesmo em meio a uma situação nacional de aperto fiscal, participando de feiras nacionais e internacionais e fazendo campanhas publicitárias em outros estados.

E temos conquistado bons resultados, mesmo em meio à maior crise da história de nosso país. Prova são os empregos gerados. Os hotéis de São Luís estiveram com mais de 70% de ocupação durante julho. São números que nos dão certeza do caminho que seguimos. E há ainda muito campo para crescer. Pesquisa do Observatório do Turismo com as pessoas que nos visitaram durante o São João mostra que elas realizaram um gasto diário médio de R$ 200,00.
E que 96% dos turistas consideraram nossos festejos excelente ou bom. E o melhor: mais de 80% dos que visitaram São Luís têm interesse de voltar para conhecer outras cidades.

Governar bem é identificar oportunidades de desenvolvimento, garantindo condições adequadas de geração de empregos e renda. Por isso, investimos na melhoria dos pontos turísticos de todo o estado. Por exemplo, urbanizamos a parte central de Carolina, resolvendo problemas acumulados em décadas. Também fizemos a recuperação dos acessos ao Poço Azul, em Riachão.

Em outro pólo turístico de nosso estado, dos Lençóis, fizemos diversas obras de infraestrutura que têm melhorado o deslocamento dos moradores e de turistas. Fizemos a MA-320, que liga o Povoado Sangue à cidade de Santo Amaro; recuperamos os acessos à Cardosa e ao Santo Antônio, em Barreirinhas; construímos a ponte sobre o Rio Novo, em Paulino Neves, e estamos pavimentando a estrada Barreirinhas/Paulino Neves, garantindo o acesso da Rota das Emoções, dos Lençóis a Jericoacoara, passando pelo Delta do Parnaíba.

E ainda apoiamos a capacitação da cadeia turística. Foram mais de 4 mil profissionais capacitados, em 10 polos turísticos. Mantivemos ações permanentes de limpeza e manutenção de pontos de visita e ampliamos a rede de Centrais de Atendimento ao Turista.

Todas essas ações de apoio ao turismo não teriam resultado sem o principal investimento na imagem do nosso estado, que é realizar um governo sério e limpo. O passado de desleixo, desmando e denúncias ficou para trás, recuperando o respeito do resto do país pelo Maranhão. Reposicionamos o estado aos olhos do Brasil e do mundo. E vamos seguir transformando o Maranhão com trabalho sério, para garantir que mudanças reais continuem a acontecer.

Advogado, 50 anos, Governador do Maranhão. Foi presidente da Embratur, deputado federal e juiz federal.

Murad é multado em R$ 50 mil por ataques caluniosos e difamatórios contra Dino

Blog do Garrone

O candidato a deputado federal Ricardo Murad (PRP) sofreu dupla derrota na Justiça Eleitoral. Ele foi condenado a pagar duas multas no valor de R$ 25 mil, cada uma, por calúnia, difamação e injúria eleitorais ao atacar o governador Flávio Dino. A conduta do ex-secretário de saúde de Roseana caracterizou propaganda eleitoral antecipada negativa.

As inverdade ditas por Ricardo Murad em duas postagens nas suas redes sociais renderam a condenação.

De acordo com o relator, o juiz Alexandre Lopes de Abreu, quando o representado, antes do dia 15 de agosto, faz críticas ao governador do Estado, notório e potencial candidato à reeleição, afirmando em rede social que “Flávio Dino implantou o terror… desvia dinheiro… criando um verdadeiro estado de terrorismo…”, fica evidente a configuração de propaganda eleitoral extemporânea e irregular.

“Evidencia-se que o conteúdo exarado na publicação é pejorativo e se insere no contexto eleitoral, sendo patente o intuito de conspurcar a imagem do candidato”, disse o juiz, que completou: “vislumbro que o texto possui expressões difamatórias, com influência no pleito vindouro, que extrapolam a simples veiculação de informações ou mera crítica e possuem o intuito de prejudicar o filiado do representante, candidato à reeleição”.

Já na outra representação, o relator conclui que “afirmar que o governador Flávio Dino persegue e suprime a liberdade, o direito e as garantias das pessoas, é pessoa indigna e farsante é lançar adjetivos que ferem a honra e a imagem da pessoa, que embora sendo pública e sujeita a juízo mais severo perante a sociedade, possui a garantia constitucional de defesa dos atributos de sua personalidade”.

“Concluo que, de fato, as publicações consistem em propaganda eleitoral extemporânea (realizada antes do dia 15 de agosto), na modalidade de propaganda negativa, nos termos da jurisprudência do TSE, em infringência ao caput do artigo 36 da Lei 9.504/90”, concluiu o juiz.

Com a dupla derrota na Justiça, Ricardo Murad terá que segurar mais as palavras caluniosas, difamatórias e odiosas que usa para falar sobre Flávio Dino. Sem argumentos plausíveis para atacar o atual governo, o ex-secretário de Roseana apela para a baixaria. E se dá mal.

Veja as decisões AQUI e AQUI.

OPINIÃO | O povo quer mais

Por mais de 50 anos, o Maranhão viveu nas trevas. Não tinha escola em tempo integral. As minorias eram invisíveis aos olhos do Estado. Maranhenses submetidos à via crucis em busca de socorro por falta de rede hospitalar eficaz. Violência nos presídios e fora deles. Crianças e adolescentes privadas de escolas dignas. Milhares de jovens, adultos e idosos analfabetos. Sina de décadas, que parecia eterna.

Triste realidade, que começou a mudar. Quem diz isso? O povo, pesquisas e veículos de comunicação respeitados nacionalmente.

Na convenção que confirmou a candidatura à reeleição de Flávio Dino ao governo, testemunhos emocionados deram a dimensão de como a política feita com seriedade e sensibilidade pode mudar para melhor a vida das pessoas. Crislane, Karla Manuela e Ana Vitória são jovens que têm em comum sonhos e projetos de vida sendo realizados a partir dos Iemas (Institutos de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão). A professora Maria de Jesus apontou o programa Escola Digna como o maior legado do governo Flávio Dino, pois além de construir, reformar e reconstruir escolas assegura valorização e formação para professores e gestores.

Beneficiário do Cidadão do Mundo, Fábio contou a experiência do intercâmbio internacional, que proporciona aos jovens estudantes da rede pública crescimento pessoal, profissional e os tornam multiplicadores de conhecimento.

A idosa Maria Erondina falou da alegria de aprender a ler e escrever, aos 72 anos, no programa “Sim, Eu Posso!”

Filas desumanas foram reduzidas com a construção da rede de hospitais regionais em Pinheiro, Caxias, Imperatriz, Santa Inês, Balsas e Bacabal. A população agora tem acesso a serviços de Ortopedia e Traumatologia, no HTO; Casa Ninar cuida de crianças com problemas de neurodesenvolvimento; atendimento odontológico no Sorrir. Atenção básica com a criação da Força Estadual de Saúde.

Telma e Raildes, esposa e filha de policiais militares, agradeceram as conquistas dos profissionais da segurança pública. Promoções, concursos públicos e contratações que deram ao Estado o maior contingente da Polícia Militar da história. São Luís deixou a vergonhosa lista das 50 cidades mais violentas do mundo. Ficou para trás o terror que dominava o sistema penitenciário e o pânico imposto pelos bandidos à população.

O menino Gabriel emocionou a todos ao falar sobre o programa Travessia, que leva pessoas com deficiência gratuitamente para atendimento médico e atividades de lazer e entretenimento. Direitos e cidadania promovidos também com ampliação de restaurantes populares, Vivas e Procons como nunca antes no Estado.

A vida de Pedro Jorge e demais beneficiários do Cheque Minha Casa mudou com moradia digna. Sonho de ver a filha na universidade, da quilombola e quebradeira de coco Marinilde, concretizado graças ao Mais IDH.

Mudanças como estas e muitas outras levaram o portal G1, da Rede Globo, a conferir ao governador Flávio Dino o título de governador mais eficiente do Brasil.

É por isto que a população afirma com altivez em atos públicos ou por meio de pesquisas, que creditam ao governador Flávio Dino mais de 60% dos votos, que o povo quer mais. Nos dizeres da menina Ana Vitória: “Gratidão, meu povo!”

Radialista, jornalista, Secretário adjunto de Comunicação Social e diretor-geral da Nova 1290 Timbira AM.