Na TV Mirante, Flávio Dino mostra por que foi eleito pelo G1 o melhor governador do Brasil

O governador e candidato à reeleição Flávio Dino foi entrevistado nesta terça-feira (11) na TV Mirante, onde destacou diversos avanços que o Maranhão vem vivendo desde 2015. “O site G1, que é sediado aqui [no prédio do Sistema Mirante], disse que eu sou o governador que mais cumpriu promessas no Brasil”, afirmou no início da entrevista.

“É um site que é sediado aqui na empresa, de propriedade de minha adversária”, acrescentou. O Sistema Mirante é de propriedade da família Sarney.

“O site G1 fez um campeonato dos governadores, e o governador do Maranhão ficou duas vezes em primeiro lugar, com um índice de 95% [de propostas cumpridas]. É atestado pelo G1. É um atestado de seriedade, de quem combate a pobreza extrema, que faz política social, política econômica justa.”

Flávio também lembrou que o Brasil vive uma grave crise econômica nacional. E, mesmo assim, o Maranhão tem conseguido avanços reconhecidos em todo o país, como o programa Escola Digna, o maior salário para professores, um dos maiores crescimentos econômicos entre todos os Estados e liderança na geração de empregos com carteira assinada no Nordeste.

“Claro que vivemos uma crise nacional causada pelo golpe político que foi dado exatamente pelo partido da minha adversária, o PMDB [atual MDB]. Mas a nossa parte temos feito. As políticas compensatórias foram feitas como nunca antes na história do Maranhão. O Brasil caminhou na direção errada, o Maranhão caminhou na direção correta”, disse o governador.

“O Maranhão teve saldo positivo de emprego em 2017, está tendo saldo positivo em 2018, saiu dos últimos lugares da Educação e hoje está na metade dos melhores”, afirmou Flávio.

Reconhecimento

Flávio ressaltou que o Maranhão tem o maior salário do Brasil para professores de 40 horas, acima de R$ 5,7 mil: “Quem diz que é o maior não sou eu, é a Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação, a imprensa, todos dizem que pagamos o maior salário. Significa dizer que é ideal? Ainda não, mas estamos caminhando para isso”.

“O nosso governo é o único que começou e terminou sem nenhuma greve, isso é extremamente importante para os alunos.”

Flávio ainda disse que o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do Maranhão) atingiu a maior marca da história na mais recente divulgação feita pelo Ministério da Educação.

“O governador Jackson Lago tinha deixado do Ideb no patamar de 3 pontos. No governo da minha antecessora, andou para trás e caiu para 2,8. E olha que é difícil fazer andar para trás, tem que ser muito ruim na gestão. No nosso governo, logo subiu para 3,1. E agora chegamos a 3,4, a terceira maior do Nordeste.”

Bem para a educação

“Temos nota do Ideb maior que o Rio de Janeiro, a Bahia e outros Estados grandes. Saímos do 22º para o 13º. Isso é uma coisa que a Mirante tinha que dar espaço, para os professores falarem, entrevistar estudantes. Iria fazer bem para os educadores, não escondam isso. Mostrem as escolas integrais, as Escolas Dignas. Esse é o Maranhão real. Todos os indicadores mostram avanço.”

Sobre a saúde, Flávio disse que “tínhamos dois hospitais regionais, temos dez hoje”. De acordo com ele, hoje o Maranhão também tem mais leitos de UTI e hospitais macrorregionais, além de o Hospital do Servidor estar em fase de conclusão.

O governador afirmou que, entre as novas propostas para o Maranhão, estão as Policlínicas Regionais, com consultas e exames. A ideia é que elas sejam um meio termo entre os postos de saúde e os grandes hospitais.

“O Maranhão não vai andar para trás, temos um governo limpo, honrado e honesto. Estamos em trajetória boa de crescimento, de realizações de objetivos sociais e de cuidar bem do dinheiro público. A verdade vai vencer e vamos ter uma grande vitória do 65”, concluiu.

G1: Maranhão reduz homicídios e vira exemplo para outros Estados

O site G1 publicou nesta terça-feira (28) estudo feito em parceria com o Monitor da Violência mostrando que o Maranhão tem tido resultados positivos no combate à criminalidade. De acordo com o portal, que pertence ao Grupo Globo, o Estado é exemplo na redução de homicídios.

Segundo o estudo, os Estados mais violentos do país estão no Norte e no Nordeste. “Apesar do sinal amarelo seguir acesso, alguns Estados vêm conseguindo resultados consistentes na redução das taxas de homicídios. Paraíba e Maranhão, no Nordeste, Rondônia, no Norte, e Espírito Santo e Brasília são cinco exemplos”, diz o levantamento.

A reportagem afirma que as autoridades “afirmam ter melhorado a governança por meio de estratégias traçadas a partir de análise criminal, que concentrou o foco das polícias nos locais mais violentos do Estado – tendo atenção especial à investigação dos homicidas”.

“Esses casos parcialmente bem-sucedidos mostram que a redução das taxas não é uma utopia e pode ser alcançada em prazo curto, desde que enfrentada com políticas públicas adequadas”, acrescenta o G1.

Queda nos homicídios

Desde 2015, os homicídios vêm caindo ano a ano no Maranhão. Na comparação entre o primeiro semestre de 2018 e 2014, a queda foi de 57% na Grande São Luís.

Governo Número 1

Em julho, o G1 divulgou que o Governo Flávio Dino é o que mais cumpriu ou está cumprindo compromissos em todo o Brasil. A taxa de eficiência é de 95%.

“O G1 nos colocou como governador mais eficiente”, diz Flávio Dino na Mirante FM

Na entrevista que deu à Mirante FM nesta terça-feira (31), o governador Flávio Dino ressaltou a ampla aliança que formou para administrar o Maranhão desde 2015. Ele foi entrevistado após ordem da Justiça ao Sistema Mirante, que havia concedido espaço para a adversária Roseana Sarney e que se recusava a convidá-lo.

A lei eleitoral exige tratamento igualitário para os pré-candidatos. Roseana é uma das donas do Sistema Mirante.

“Eu olho o Maranhão em primeiro lugar, meu compromisso é com nosso Estado. Eu fiz as alianças, que têm compromisso com nosso programa de governo”, disse.

“Nós temos um programa, que está sendo executado. O site G1 nos colocou como o governador mais eficiente, que mais cumpre compromisso de governo”, disse Flávio.

De acordo com o G1, ele já cumpriu ou está cumprindo 95% de tudo o que propôs antes de assumir o cargo. Nenhum outro governador no país inteiro chega à casa dos 90%.

Veja o ranking completo do G1 sobre os melhores e os piores governadores do Brasil

O portal G1 divulgou nesta semana o desempenho de cada governador sobre as propostas de campanha cumpridas até agora. No topo da lista, aparece o governador Flávio Dino (PCdoB), com 95% das promessas já cumpridas integralmente ou sendo cumpridas. Na lanterninha, está o governador do Acre, Tião Viana (PT), com 16%.

De acordo com G1, do Grupo Globo, apenas Dino aparece na casa dos 90%. Na casa dos 80%, há quatro governadores: Confúcio Moura (Rondônia – MDB), Marconi Perillo (Goiás – PSDB), Camilo Santana (Ceará – PT) e Simão Jatene (Pará – PSDB).

Apenas nove governadores conseguiram desempenho de 70% ou mais de promessas cumpridas. Outros 12 estão entre 60% e 69%. Três estão na casa dos 50%. E três não chegaram a 50%

Veja abaixo o ranking completo feito a partir do levantamento do G1

1º – Maranhão: 95%
2º – Rondônia: 88%
3º – Goiás: 86%
4º – Ceará: 85%
5º – Pará: 83%
6º – São Paulo: 79%
7º – Amazonas: 72%
8º – Mato Grosso do Sul: 70%
9º – Santa Catarina: 70%
10º – Amapá: 68%
11º – Pernambuco: 67%
12º – Mato Grosso: 65%
13º – Paraíba: 65%
14º – Rio Grande do Sul: 65%
15º – Piauí: 64%
16º – Bahia: 64%
17º – Tocantins: 63%
18º – Alagoas: 62%
19º – Espírito Santo: 62%
20º – Paraná: 62%
21º – Sergipe: 61%
22º – Roraima: 53%
23º – Minas Gerais: 52%
24º – Distrito Federal: 52%
25º – Rio Grande do Norte: 47%
26º – Rio de Janeiro: 47%
27º – Acre: 16%

LEIA MAIS

G1 confirma Flávio Dino como governador mais eficiente do Brasil

G1 confirma Flávio Dino como governador mais eficiente do Brasil

O governador Flávio Dino manteve-se como o gestor mais eficiente do país em novo ranking divulgado, nesta segunda-feira (9), pelo Portal G1, da Rede Globo.

A avaliação refere-se ao cumprimento do Programa de Governo no período de 2015 a 2018. “Cumpri em 3 anos e meio 94,5% dos compromissos assumidos. Parabéns à minha equipe e aos servidores do governo do Maranhão”, afirmou o governador Flávio Dino em sua conta nas redes sociais.

Dino afirmou estar perto de 100% de cumprimento dos compromissos assumidos na eleição passada, apesar de nosso mandato ter sido prejudicado por essa avassaladora crise nacional.

Segundo o levantamento do G1, das 37 propostas avaliadas Flávio Dino cumpriu 24 totalmente, onze em parte e apenas dois compromissos ainda não foram cumpridos.

O governador que fica mais perto de Flávio Dino no levantamento do G1 é o de Rondônia, com 87,88%. Em seguida, vêm o de Goiás (86,36%), o do Ceará (85%), o do Pará (83,3%) e o de São Paulo (79,41%).

Entre as promessas cumpridas, estão as de criar escolas integrais, abrir novos hospitais, criar nova universidade, aumentar o número de policiais e adotar transparência na gestão.

“Até o final do mês, vamos apresentar o novo Programa de Governo para o período 2019-2022. Com a amenização da crise nacional, vamos fazer ainda mais e melhor. Sob a proteção de Deus e com a força do povo”, assegurou Flávio Dino.

Clique aqui e veja a avaliação.

Ranking anual

O ranking do G1 é divulgado anualmente desde 2015, sempre no início do ano. Desta vez, o G1 fez a divulgação na metade do ano como parte do material especial da cobertura eleitoral.

No levantamento anterior, divulgado em janeiro, Flávio Dino já aparecia no topo da lista, acima de todos os outros governadores. Agora ele manteve a posição já conquistada.

Levantamento mostra queda no número de homicídios no Maranhão

No Maranhão ocorreram 110 mortes em 2017, enquanto no ano anterior 127 pessoas morreram durante ações da polícia. Os múmeros são de uma pesquisa feita pelo portal G1, que levantou dados por meio da Lei de Acesso à Informação, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública e de pedidos para assessorias dos governos de todo o país.

Os dados de 2016 são do anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

No lado oposto do espectro, o Brasil segue com aumento do número de mortes por homicídios e latrocínios. Foram 5.012 mortes em 2017, enquanto em 2016 o número havia sido de 4.222 mortes.

O Maranhão está também abaixo da média mensal nacional de homicídios, que é de 2,4, contando com uma taxa de 1,6 homicídios por mês.

Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, Maranhão está entre os cinco estados do país que mais aumentaram proporcionalmente os investimentos em Segurança Pública, entre os anos de 2015 e 2016

Os investimentos do Governo do Estado passam de R$ 1,5 no combate à violência em 2017. O Maranhão tem também a maior tropa de policiais de sua história, com mais de 12 mil profissionais. Além disso, 800 viaturas foram distribuídas às polícias Civil e Militar.

Maranhão é o 2º Estado em todo o Brasil que mais investe, mostra G1

Um estudo publicado pelo portal G1 neste domingo (6) mostra que o Maranhão foi o segundo Estado que proporcionalmente mais investiu no ano passado em todo o Brasil. Investimentos significam, por exemplo, novos hospitais, escolas, asfalto e saneamento básico.

O G1, do Grupo Globo, reuniu dados da Secretaria do Tesouro Nacional que mostram que 11% das receitas totais do Maranhão foram para investimento. Só o Ceará consegue desempenho acima disso, com 12%. Os demais Estados variam entre 2% e 10%.

Além dos investimentos, há também as despesas com pessoal e encargos, custeio e serviço da dívida.

Estimulo à economia

De acordo com o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc), o Governo do Maranhão investiu em 2017 R$ 1,654 bilhão, valor acima do verificado nos anos anteriores. Isso se deu mesmo com a queda do repasse das transferências federais, que acumulam cerca de R$ 1,5 bilhão a menos em três anos.

No primeiro trimestre deste ano, também houve aumento do investimento na relação como mesmo período de 2017. Foram R$ 168 milhões a mais em obras e serviços para a população

Ainda segundo o Boletim de Conjuntura do Imesc, os investimentos públicos em andamento no Maranhão totalizam R$ 1,7 bilhão, “tendo a capacidade de impulsionar o desempenho econômico, alimentando o crescimento da produtividade através da melhoria do capital humano, incentivando a inovação tecnológica e estimulando o investimento do setor privado”.

“Atualmente, no Estado, os investimentos públicos concentram-se em Infraestrutura, Educação, Saúde, Segurança e Assistência Social”, acrescenta o boletim.

Despesas controladas

Além de aumentar os investimentos, o Maranhão também tem mostrado sólida saúde fiscal, o que significa que não há gastos acima da capacidade real do Estado.

Diferentemente de muitos Estados, o Maranhão está distante do Limite de Alerta ou do Limite Prudencial estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O Maranhão está com 42,39%, abaixo do Limite de Alerta, de 44,10%, ou do Limite Prudencial, de 46,55%. E bem longe do Limite Máximo, de 49%.

Essa conta significa que o Maranhão tem espaço fiscal para honrar seus compromissos e manter a ampliação dos investimentos.

Prefeitos homenageiam Flávio Dino pelo 1° lugar em ranking nacional do G1

Mais de cem prefeitos prestaram nesta terça-feira (16) homenagem a Flávio Dino pelas ações que o levaram à condição de governador que mais cumpre compromissos de campanha em todo o Brasil. A homenagem foi feita pela Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem). De acordo com o presidente da entidade, Cleomar Tema, 90% das ações da gestão Flávio Dino foram feitas diretamente nos municípios.

Segundo a pesquisa do portal G1, Flávio Dino já cumpriu ou está cumprindo 92% dos compromissos de campanha. Isso o coloca como governador mais eficiente em todo o Brasil. Ele também aparece no topo de uma lista com governadores, prefeitos de capital, presidente da República e ex-governantes. São 60 políticos no total. (Veja aqui: http://especiais.g1.globo.com/maranhao/2015/as-promessas-de-dino/#!/3-anos).

Cleomar Tema, presidente da Famem e prefeito de Tuntum, explicou que os gestores municipais tiveram uma reunião técnica na sede da federação e aproveitaram a oportunidade para fazer a homenagem: “Afinal, o portal G1, das Organizações Globo, o escolheu como melhor governador do Brasil. Nada mais justo, porque todas as ações do governo são voltadas para os municípios, como o Mais Asfalto, o Escola Digna, o Plano Mais IDH”.

Os prefeitos também entregaram uma placa para Flávio Dino, que agradeceu a homenagem e disse que, embora o Brasil passe por momentos de dificuldades econômicas e políticas, “nós estamos conseguindo manter o barco no rumo certo, com desenvolvimento e justiça social”.

“Implementamos políticas públicas porque os municípios nos ajudam, e a Famem reconhece o esforço imenso que fazemos para ajudar os municípios. Temos que dar as mãos, e a mensagem principal desse reconhecimento é a força da união”, acrescentou o governador.

Reconhecimento

A prefeita de Nova Iorque, Mayra Guimarães, disse que “foi muito bem-vindo esse reconhecimento pelo trabalho que ele o governador tem feito no nosso Estado. A história do Maranhão vai ser contada após a entrada de Flávio Dino, ele está construindo uma linda história”. Ela contou que, entre os benefícios recebidos pela cidade, estão escola reformada, ônibus escolar, ambulância e praça revitalizada. “E os prazos que ele me deu foram todos cumpridos.”

O prefeito de Santa Luzia do Paruá, Plácido de Holanda, disse que Flávio “está cumprindo o que prometeu. Acho que por isso ele foi citado no G1 como melhor governador do Brasil”. O prefeito citou como exemplos os investimentos já recebidos pela cidade com as obras do Mais Asfalto, patrulha agrícola, viatura, ambulância e convênios. E um hospital também está sendo feito no município.

A prefeita de Santa Luzia, França do Macaquinho, disse que as obras que têm sido feitas em todo o Estado são “resultado de parceria do Governo com os municípios. O povo está vendo o que está sendo feito, não é à toa que Flávio Dino está sendo reconhecido como melhor governador do Brasil.”

Ela contou que a cidade já recebeu diversos benefícios do Estado: “Entre eles, está a aquisição do hospital de Santa Luzia. Há quase 50 anos pagávamos aluguel, eram R$ 35 mil por mês. Agora nos livramos do aluguel e passamos a fazer esse  investimento no hospital”. A prefeita também listou, entre os destaques, a inauguração de um Restaurante Popular.

“É um justo reconhecimento dos prefeitos, por meio da Famen, ao governador Flávio Dino por essa importante conquista. É o Maranhão em primeiro lugar, apesar dessa grave crise brasileira. É muito oportuno que os prefeitos reforcem essa luta por um Maranhão melhor para todos”, afirmou o secretário de Estado de Comunicação Social e Assuntos Políticos, Márcio Jerry.