Ônibus de três empresas não circulam nas ruas de São Luís nesta manhã

Os ônibus de três empresas de transporte público na capital não estão circulando nesta manhã de quarta-feira (10): São Benedito (garagem no Recanto dos Vinhais); Matos (garagem no bairro de Fátima) e Marina (garagem na Vila Flamengo, Maiobão).

A paralisação se deve ao atraso no pagamento de salários e/ou benefícios devidos aos trabalhadores, conforme nota do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Maranhão.

Sem os ônibus, os bairros mais afetados são o São Raimundo, Cidade Operária e Cidade Olímpica, três dos mais populosos de São Luís.

A cidade conta com 20 empresas de ônibus e, segundo o Sind. Rodoviários, apenas cinco delas haviam realizado o pagamentos dos funcionários até às 17h de terça-feira (9).

Além dos salários, os trabalhadores exigem a regularização de direitos como plano de saúde, plano odontológico e ticket alimentação, que estão suspensos por falta de pagamento das empresas, e parte do décimo terceiro salário.

Rodoviários avaliam paralisação por falta de salários nesta quarta (10)

Em nota enviada à imprensa nesta segunda-feira (8), o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão declarou estar avaliando a paralisação das atividades da categoria nesta quarta-feira (10) por falta de pagamento dos salários que lhes são devidos por algumas empresas.

Segundo o Sind. Rodoviários, a categoria está reunida nesta manhã para levantar quais empresas estão com os salários atrasados e outros benefícios.

“Logo após as festividades de Ano Novo, muitos associados procuraram o Sindicato dos Rodoviários, para denunciar as condições, em que estavam sendo obrigados a trabalhar. Sem receber os salários, benefícios como o ticket alimentação e em alguns casos, nem mesmo o décimo terceiro foi depositado nas contas dos funcionários, o que configura uma irregularidade. Tem situações em que o associado não está conseguindo nem se consultar através do plano de saúde, por falta de pagamento”, diz a nota assinada por Isaias Castelo Branco, presidente do Sind. Rodoviários.

Esta segunda conta como quinto dia útil do mês, o dia final de realização de pagamentos do setor privado sem atraso, conforme convenção coletiva de trabalho na grande maioria das categorias de trabalhadores, incluindo os rodoviários.

Segundo Isaías, apenas os ônibus das empresas que não honrarem os pagamentos de salários e outros benefícios serão paralisados na quarta-feira (10).

Motorista de ônibus morre ao fazer reparo em veículo

Um motorista de ônibus da empresa Rápido Marajó, José Alves, morreu esmagado enquanto fazia um reparo no veículo, na tarde desta terça-feira (2). O acidente aconteceu em frente à uma churrascaria de Estreito.

De acordo com testemunhas, José Alves havia ido verificar um problema mecânico, quando o balão de ar do ônibus estourou. Ele estava debaixo do veículo e não conseguiu sair a tempo.

Com informações de imprensa local.

Fiscalização das faixas exclusivas para ônibus começa nesta sexta (15)

Depois da prorrogação do prazo em mais 30 dias, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), dá início nesta sexta-feira (15) à fiscalização das faixas exclusivas para ônibus, táxis com passageiro e veículos preferenciais como ambulâncias e viaturas. Desde a instalação da fiscalização eletrônica, a população teve um prazo total de 60 dias para se adaptar às modificações, que têm o objetivo de promover maior segurança e fluidez ao trânsito, beneficiando especialmente os usuários do transporte coletivo.

Durante todo o período de adaptação, a Prefeitura desenvolveu ampla campanha de divulgação, visando orientar a população acerca das regras do trânsito, especialmente nos trechos das vias que passaram por modificações de tráfego em função da implantação das faixas exclusivas. As faixas foram implantadas nas avenidas Rio Branco, Colares Moreira e Cajazeiras. Com a nova regra de uso, só poderão trafegar nos trechos demarcados ônibus, táxi com passageiros, ambulâncias, viaturas da Polícia e da SMTT. Os demais veículos podem apenas convergir à direita nos pontos sinalizados.

O secretário municipal de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, explica como as faixas exclusivas beneficiam o trânsito na cidade. “A criação dos corredores exclusivos de ônibus proporcionou maior fluidez ao transporte coletivo e contribui para desafogar o trânsito de modo geral na cidade, pois, com as faixas, os coletivos deixam de competir por espaço com os demais veículos. A medida fez com que a velocidade média dos ônibus fosse elevada de aproximadamente 15 km/h para cerca de 35 km/h, nos horários de pico”, ressalta o secretário.

A população vê a sinalização como um instrumento que vai melhorar a segurança no trânsito. “Acredito que aqui no Renascença vai melhorar bastante, especialmente por conta dos pardais”, disse o motorista, Wanderley Costa, 37 anos. “Com a fiscalização, com certeza a população vai respeitar mais e obedecer as regras do trânsito”, afirmou o taxista, Isaque Ferreira, 42 anos.

A decisão de prorrogar o prazo resultou da necessidade de ampliar o alcance das informações em relação ao uso dos corredores exclusivos e, assim, esclarecer as dúvidas da população sobre as regras. O período experimental está vigorando desde o dia 9 de outubro.

O titular da SMTT acrescenta que a prorrogação do prazo inicial de 30 dias foi positiva. “O prazo foi alongado porque a nossa intenção não é multar as pessoas, mas promover o bem-estar da população e a formação de condutores mais conscientes no trânsito”, enfatizou.

O uso indevido das faixas exclusivas incorre em infração gravíssima, com multa de R$ 293,00 e sete pontos na carteira de habilitação. A fiscalização também se estende aos ônibus, pois os veículos que saírem da faixa exclusiva também serão multados pela infração cometida.

Quem depende do transporte coletivo para trafegar, aponta benefícios da faixa exclusiva. “Pra quem anda de ônibus vai melhorar, pois é um meio de fluir melhor o trânsito”, ressalta a pedagoga Fátima Sousa, 58 anos.

Idosa morre atropelada por ônibus na Beira Mar

Uma senhora idosa identificada como Maria de Fátima Araújo morreu atropelada por um ônibus na Av. Beira Mar, no começo da manhã desta quinta-feira (7).

A vítima estava atravessando a via quando foi atingida pelo veículo que faz linha Calhau/Litorânea.

Uma equipe do Instituto Médico Legal foi acionada para fazer a perícia do local.

Cerca de dez minutos depois da fatalidade, um novo acidente envolvendo um ônibus. Um motorista da linha Vila Nova/Calhau perdeu o controle do veículo e bateu em um poste. Ninguém ficou ferido.

Reprodução/MA10/ Bial Mendes

Mais de 70 mil alunos tiveram ônibus gratuito no Maranhão no segundo dia do Enem

Aproximadamente 65 mil alunos na Grande São Luís e 12 mil na Região Metropolitana de Imperatriz puderam fazer o segundo dia de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no domingo (12), sem precisar pagar as passagens de ônibus. A medida foi estabelecida pelo governador Flávio Dino para garantir a maior presença possível dos alunos no exame. No domingo anterior (5), mais de 70 mil estudantes já tinham sido beneficiados.

O benefício foi concedido a alunos com carteiras de estudante registradas no Sindicato das Empresas de Transportes (São Luís) ou no departamento de Bilhetagem Eletrônica da empresa Ratrans (Imperatriz). Eles puderam circular gratuitamente para fazer as provas em São José de Ribamar, Raposa, Paço do Lumiar, São Luís, além de Imperatriz e cidades vizinhas.

“Sei que tem gente que teve que pegar três ônibus e essa ajuda é muito importante para quem precisa, para quem busca um futuro melhor”, disse Ivanielson de Jesus Araújo, de 23 anos, que fez a prova.

“É um incentivo muito bom para os estudantes, eu não ia fazer a prova, mas não poderia perder essa chance, ainda mais saindo de graça”, afirmou Elza Gonçalves, de 23 anos.

O governador já anunciou que o benefício será mantido e estendido nas próximas edições do Enem.

O Enem é usado por diversas universidades como parte do processo de seleção dos candidatos.

Gratuidade de passagens de ônibus incentiva estudantes no segundo dia de Enem

O Governo do Estado concedeu passagens de ônibus gratuitas para estudantes neste domingo (12), como incentivo à participação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A iniciativa repete experiência do último domingo (5), primeiro dia de provas do exame.

Para usufruir do benefício, os alunos devem portar carteiras estudantis e estarem devidamente matriculados em instituições de ensino.

A medida foi adotada na Grande São Luís e na Região Metropolitana de Imperatriz, onde estudantes com carteiras de transporte do Sindicato das Empresas de Transportes (São Luís) ou do departamento de Bilhetagem Eletrônica da empresa Ratrans (Imperatriz), tem direito a circular gratuitamente por São José de Ribamar, Raposa, Paço do Lumiar, São Luís e entre Imperatriz e as cidades vizinhas.

A estudante Elza Gonçalves, de 23 anos, usou a gratuidade no último dia 5 e também para chegar ao local de prova neste domingo (12). “No último domingo até achei que ia pagar, mas na hora não descontou nada. Continuei com o mesmo saldo na carteira”, conta.

“É um incentivo muito bom para os estudantes, eu nem ia fazer a prova, mas não poderia perder essa chance, ainda mais saindo de graça”, diz a candidata, que fez prova no Centro de São Luís.

Ivanielson de Jesus Araújo, de 23 anos, já é universitário, mas vê no Enem a chance de conseguir entrar em outro curso. Ele destaca a ação do Governo do Estado: “É muito bom que o governador Flávio Dino esteja dando essa oportunidade para os jovens que querem entrar na universidade”.

“Sei que tem gente que teve que pegar três ônibus e essa ajuda é muito importante para quem precisa, para quem busca um futuro melhor”, acrescenta o estudante.

Quem também não teve o valor da passagem descontado no saldo da carteira de transporte foi Bianca Mayara Cordeiro, de 18 anos, aluna de escola pública que também aprova o apoio do Governo aos alunos da rede estadual.

“Esse é mais um incentivo para os estudantes fazerem as provas do Enem. Estudo no Geraldo Melo, uma escola que foi reformada recentemente, e vejo de perto que a mudança que vem acontecendo é um incentivo para todos os alunos maranhenses”, frisa.

Beneficiados
No domingo passado, mais de 70 mil alunos foram beneficiados com a gratuidade nas regiões metropolitanas de São Luís e Imperatriz. Para ter o benefício, os estudantes só tiveram que apresentar as carteiras de transportes das instituições parcerias na ação.

“É a educação que transforma e que gera oportunidade para os alunos, então o governador Flávio Dino viu essa forma de estimular a juventude, de estimular a participação dos estudantes maranhenses no Enem”, diz o secretário de Governo, Antonio Nunes.

Mais de 70 mil estudantes usaram passagem gratuita para fazer o Enem no Maranhão

Mais de 70 mil estudantes maranhenses foram beneficiados com uma ação inédita do Governo do Estado: gratuidade da passagem de ônibus para os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no domingo (5). A medida também vai valer para o próximo domingo (12).

Ao todo, 58.449 estudantes de São Luís e 11.617 de Imperatriz  que usam as carteiras de transporte do Sindicato das Empresas de Transportes (São Luís) e do departamento de Bilhetagem Eletrônica da empresa Ratrans (Imperatriz) puderam ir e vir de seus locais de prova sem gastar com transporte público.

O secretário de Estado de Governo, Antônio Nunes, conta que essa é mais uma ação do governador Flávio Dino pela continuidade da formação educacional dos jovens maranhenses.

“O Enem é uma porta de acesso para formação, educação e a profissionalização dos jovens maranhenses. É a educação que transforma e que gera oportunidade para os alunos, então o governador Flávio Dino viu essa forma de estimular a juventude, de estimular a participação dos estudantes maranhenses no Enem”, diz o secretário.

O auxiliar administrativo Anderson Gomes da Silva teve que se deslocar até uma faculdade no bairro do Anil, na capital, para fazer a prova e aprovou a medida: “Uma boa ideia, ainda mais hoje que são milhares em busca de uma oportunidade de formação e, certamente, há aqueles que não teriam esse dinheiro. Uma ação boa para quem precisa”.

Segundo dia

A medida também será repetida no próximo domingo, dia 12, segundo dia da realização do exame. Continuam tento direito à gratuidade estudantes regularmente matriculados nas unidades de ensino da rede pública municipal, estadual e particular nas cidades que compõem a Região Metropolitana de São Luís (São José de Ribamar, Raposa, Paço do Lumiar e a capital) e de Imperatriz e cidades vizinhas, desde que sejam titulares de carteira estudantis registradas no Sindicato das Empresas de Transportes (SET) e de Bilhetagem Eletrônica da empresa Ratrans, respectivamente.

Continuidade da ação

A gratuidade das passagens também já foi garantida para o próximo ano pelo governador Flávio Dino. “O benefício da gratuidade do ônibus no domingo do Enem é para quem tem o cartão estudantil. No próximo ano, vamos ampliar para outros casos”, informou o governador.

Prefeitura de São Luís garante circulação de 100% da frota de ônibus neste domingo (5)

Por meio de portaria, a Prefeitura de São Luís determinou a circulação de 100% da frota de ônibus neste domingo (5). O intuito da Prefeitura com a medida é garantir que o transporte público esteja operando em sua totalidade para beneficiar os estudantes que irão fazer a avaliação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para assegurar o cumprimento da solicitação, o poder público municipal, através da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), realizará fiscalização nas garagens e nos terminais.

O secretário municipal de Trânsito e Transporte, Canindé Barros, explicou que a medida segue orientação do prefeito Edivaldo e tem como objetivo favorecer os estudantes, que também foram beneficiados com a passagem gratuita, resultado do apoio do Governo do Estado. “Sabemos que muitas pessoas precisarão de meios para o deslocamento de casa até o seu local de prova. Por isso, estamos garantindo 100% da frota e somando esforços com o poder público estadual para a oferta do transporte gratuito”, destacou.

Para garantir o cumprimento do deslocamento gratuito aos estudantes que vão realizar a prova, a SMTT realizará também fiscalização nos terminais de ônibus da cidade. O benefício da gratuidade será concedido a quem apresentar o cartão de estudante no embarque. “Vamos fiscalizar para assegurar que o direito concedido aos estudantes seja realmente efetivado”, acrescentou o titular da SMTT.

A estudante Marcela Moraes, 24 anos, considera positivas as iniciativas do poder público municipal e estadual. “É um dia naturalmente tenso e com grande circulação de pessoas que vão fazer as provas. É muito bom saber que contaremos com esse apoio, tanto em relação à passagem gratuita quanto na frota que costuma ser reduzida aos domingos, mas estará funcionando normalmente. Assim não precisaremos esperar por muito tempo pelo ônibus”, contou.

ORIENTAÇÃO NO TRÂNSITO

Além de solicitar a circulação de 100% da frota, a Prefeitura de São Luís irá intensificar a presença de agentes de trânsito na cidade, especialmente nos grandes corredores de transportes – como as avenidas Jerônimo de Albuquerque e São Luís Rei de França – e nas proximidades dos principais locais de prova como a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Os agentes também estarão concentrados em áreas como os retornos da Forquilha, Cohab e Cohama.

Operação ‘Busca Implacável’ combate crimes em coletivos

Abordagem e revista a pessoas, monitoramento em paradas, apreensão de drogas e armas, condução de suspeitos a delegacias são algumas das ações da operação ‘Busca Implacável’ para combater crimes em coletivos. Iniciativa da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), a operação é realizada pela Polícia Militar por meio do Batalhão Tiradentes, em ações na Região Metropolitana de São Luís. No primeiro semestre deste ano, a ‘Busca Implacável’ contabilizou mais de 60 mil procedimentos em ônibus.

“É uma operação de rotina e permanente e que tem demonstrado seu efeito, uma vez que, ao notar o policiamento nos coletivos, a tendência dos suspeitos é frear a ação criminosa”, destacou o comandante do Batalhão Tiradentes e coordenador da operação, tenente-coronel Marques Neto. “Trata-se de um trabalho contínuo, no qual temos nos debruçado para garantir a tranquilidade e a segurança aos usuários desse serviço público”, disse.

O foco do trabalho policial é o monitoramento dos pontos mais vulneráveis como paradas em locais considerados de grande risco de assaltos e nos pontos finais. São realizadas fiscalização com barreiras fixas em avenidas estratégicas de fluxo intenso e com histórico de registros de assaltos. O grupamento militar atende ainda demanda de ocorrências, reforçando e prestando apoio às demais iniciativas de combate a este tipo de crime.

O número de incursões nos ônibus é medido a partir do registro em cartões magnéticos. Os equipamentos foram elaborados pela Segurança Pública em conjunto com técnicos da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). “A cada passagem do dispositivo pelo aparelho instalado nos ônibus as informações são enviadas ao sistema da polícia e a partir daí é construído o relatório do dia de operação das equipes”, pontuou Marques Neto.

As ações da operação foram ampliadas e dobraram o número de abordagens nos ônibus. Durante a operação, a meta é abordar no mínimo 20 coletivos por dia. São destacados para a operação efetivo de todos os setores da Polícia Militar – batalhões, motos, viaturas e cavalaria – e também é realizada parceria com a Polícia Civil no registro de denúncias e investigação dos casos que chegam às delegacias. A população pode colaborar com informações pelo whatsapp do Batalhão Tiradentes: (98) 98876.0176.