Prefeitura capacita agentes de saúde em Libras e reforça atenção à pessoa com deficiência auditiva

Agentes comunitários de saúde da rede municipal participam de curso para o aprendizado da Língua Brasileira de Sinais (Libras). Esta é a terceira turma de Libras, solicitada pelos agentes e que atraiu grande número de servidores. O objetivo é possibilitar que aprendam a língua de sinais e possam se comunicar adequadamente com este público, durante os atendimentos das ações de rotina. A capacitação oferecida pela Prefeitura de São Luís integra o cronograma de cursos ofertados pela Escola de Governo e Gestão Municipal (Eggem) e integra a política de valorização do servidor colocada em prática na gestão do prefeito Edivaldo.

A Prefeitura mantém o cronograma de capacitações oportunizando aos servidores o aprendizado em áreas de interesse e que agregam ao trabalho que desempenham, pontua o secretário municipal de Saúde (Semus), Lula Fylho. “Todo o processo é elaborado em parceria com os servidores, e os agentes de saúde identificaram essa oportunidade de aprender e melhorar a atividade que desenvolvem no atendimento a pessoas com deficiência auditiva. A formação dos servidores é umas das prioridades da gestão do prefeito Edivaldo e tem o objetivo de qualificar para ampliar o conhecimento pessoal e o trabalho desempenhado”, reitera.

A solicitação para o curso partiu de demanda dos próprios agentes de saúde, explica a presidente do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde do Município de São Luís (Sindacs), Elissandra Melo. “Os agentes nos relataram dificuldades em repassar informações no atendimento a este segmento. Então, aproveitamos a grade de cursos da Prefeitura para que nossos agentes sejam adequadamente qualificados e tenham condições de prestar um atendimento correto a estas pessoas”, disse.

São repassados aos alunos conhecimentos sobre o conceito da língua de sinais, parâmetros de configuração/ponto de articulação, soletração em Libras (dactilologia), atividades práticas para treino do aprendizado, Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (1996), entre outros. O curso de Libras Básico tem duração de 40 horas.

Trabalhando como agente comunitário de saúde há mais de 15 anos, Francisco Solano Viégas, 57 anos, destacou que o aprendizado vai tornar possível a comunicação com este público. “Já tive situações que precisei e senti dificuldades, mas sempre havia alguém acompanhando e conseguia passar a mensagem. Agora, com este conhecimento, posso atender melhor esse público e, sem dúvidas, é um conhecimento muito importante para nós. Vou continuar o curso e ver outras opções de capacitação”, disse.

“Eu aprendi termos simples que fazem toda a diferença para a comunicação com este público. Poder nos comunicar a partir deste novo conhecimento mostra nossa preocupação em prestar um serviço melhor. Gostei demais e vou ampliar o que aprendi com os cursos mais avançados. Capacitação é importante e esta oportunidade que a Prefeitura nos dá temos que aproveitar”, completou a agente Marlieth Cutrim Gonçalves.

As aulas foram realizadas na sede do Sindacs, na Rua 18 de Novembro, Canto da Fabril. Participaram da turma 25 agentes de saúde, que encerram esta primeira etapa na quarta-feira (11). Outras duas turmas estão em andamento, sendo uma com início dia 17 e outra em formação prevista para início de agosto.

Os interessados podem fazer a pré-inscrição no endereço https://goo.gl/8jaVeD, onde terão acesso à grade de cursos. “Quando elaboramos a grade de capacitação temos como base demanda do nosso público, que são os servidores municipais. Estamos bastante satisfeitos com a procura e vendo o interesse pelas capacitações. É uma ação da Prefeitura para melhor qualificar os servidores, que podem nos procurar e se inscrever”, pontua a diretora da Eggem, Maria Eugênia Branco.

CRONOGRAMA

Os servidores podem se inscrever para capacitação nas áreas de educação, administrativo, gestão e tecnologia de informática, entre outros. “A grade contempla formações atualizadas, cujas competências são demanda regular do mercado de trabalho e foram definidas a partir de consulta com os servidores”, reitera Maria Eugênia.

Para participar o candidato precisar ser servidor municipal na ativa. Além da pré-inscrição no site, os servidores podem obter mais informações na sede da Eggem, Rua das Sucupiras, Renascença. O atendimento é realizado de segunda a quinta-feira, das 13h às 19h; e na sexta-feira, das 8h às 14 horas. As capacitações são gratuitas e conferem certificado aos participantes.

OPORTUNIDADES

Os cursos com inscrições abertas para julho são Turismo de Eventos (23 a 25), Gestão na Era Exponencial (17 e 19), Marketing Pessoal (16, 18 e 20), Planejamento e Gestão Governamental: Monitoramento e Avaliação (16 a 30), Gestão Pública de Tecnologia da Informação e Comunicação (17 a 31), Liderança para Resultados: Liderança Estratégica (17 a 31) e Direito Administrativo no Âmbito Municipal (16/07 a 08/08).

Para agosto, são oferecidos os cursos O Futuro do Trabalho (06 e 08), Etiqueta Profissional (07 e 09), Feedback: um instrumento para maior integração e produtividade (14 e 16), Excel Avançado (06 a 29), Libras Avançado (06/08 a 05/09), Formação para Secretárias (os) no Serviço Público: Assessoramento (06 a 29) e Educação Financeira (07 a 21).

Prefeitura abre programação do Férias Culturais com passeio Conheça São Luís

A programação concentra na Praça Benedito Leite e segue em passeio à Praça Dom Pedro II e espaços no entorno. Todo o trajeto é acompanhado por guia que ao longo do passeio relata as instigantes histórias sobre prédios históricos, a exemplo da Igreja da Sé, o Palácio de La Ravardière, o Palácio dos Leões e a sede da Capitania dos Portos. O casal de professores cearenses Diego Rodrigues, 36 anos, e Júlia Bastos, 31 anos pela primeira vez visitam São Luís e se surpreenderam com o projeto.

“Tínhamos muita vontade de conhecer a cidade e encontrar essa iniciativa é uma boa surpresa. O projeto ganha por inserir a sua população nesse conhecimento e valorizar o que a cidade tem melhor. Estou gostando bastante”, disse Júlia Bastos. Para Diego Rodrigues, a proposta “é feliz por contribuir para que a história e a cultura local sejam sempre lembradas e brindam quem mora aqui e os visitantes com essa bela memória histórica”.

A pedagoga Noeli Moura, 24 anos, aproveitou a programação para se divertir com o filho, Victor Nicolas, de cinco anos e a amiga Carolina Diniz, 27 anos. “É uma programação muito interessante para curtir com a família e eu sempre procuro saber de boas atividades para trazer meu filho e mostrar para ele o que a nossa cidade tem de bonito, de cultural, de histórico. Está de parabéns a gestão pela iniciativa e ela organização”, enfatizou ela, que é do município de Santo Antônio dos Lopes.

O projeto Conheça São Luís nas Férias conta com apoio de guia turístico e participação de diversos personagens da história de São Luís. Entre estes, nomes notórios como Daniel de La Touche, Ana Jansen, Maria de Médici, Catarina Mina, Gonçalves Dias, Benedito Leite, Gonçalves Dias, entre outros.

O passeio segue pelas ruas do Centro Histórico – de Nazaré, da Estrela, Rua Portugal, Beco Catarina Mina, Rua da Alfândega – e encerra na Praça Nauro Machado. A programação do projeto Conheça São Luís nas Férias se realiza ainda dias 19 e 26 de julho, sempre a partir das 16 horas se estendendo até o finalzinho da tarde.

LAZER, CULTURA E HISTÓRIA

Completando o cronograma de ações do programa Férias Culturais, a Prefeitura realiza ainda o Passeio Serenata e o Roteiro Reggae. Personagens do folclore e história de São Luís guiam o público pelas ruas do Centro Histórico contando a história da cidade. Durante a ação são visitados pontos turísticos do bairro histórico. Todo o passeio é guiado ao som de músicas regionais e canções populares nacionais. O projeto será dia 18, a partir das 19 horas, Praça Benedito Leite, Centro Histórico.

Pontos turísticos ou históricos que fazem referência ao reggae são o foco do projeto Roteiro Reggae. Neste passeio, o público é levado a conhecer o estilo musical que deu a São Luís o título de capital brasileira do reggae e Jamaica Brasileira. Os locais representativos para a evolução deste estilo na capital são apresentados ao público. Durante o passeio, grupos de dança do ritmo acompanham os visitantes dando um clima diferenciado ao evento cultural. O Roteiro Reggae será dia 25 de julho, às 19 horas.

Obras do Iphan em parceria com a Prefeitura requalifica praça e o entorno da Dom Pedro II no Centro

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em parceria com a Prefeitura de São Luís , segue avançando nas obras de melhorias da Praça Pedro II e seu entorno. Os serviços, executados com recursos oriundos do PAC Cidades Históricas, visam à requalificação do espaço que dá acesso a importantes monumentos históricos como o Palácio dos Leões, a Igreja da Sé e o Palácio de La Ravardière. O trabalho integra o pacote de obras que estão sendo realizadas no Centro de São Luís e inclui as praças Deodoro, Pantheon e alamedas, Rua Grande e Praça da Mãe d’Água. Nesta semana, entre outros serviços, está sendo feita a troca do calçamento nas proximidades do bancos Bradesco e do Brasil.

No local, o piso em placas de pedras pré-moldadas, que já se encontrava deteriorado, está sendo trocado por piso em concreto industrializado. O novo material favorece a durabilidade do calçamento, considerando a alta resistência do concreto. Além do acabamento mais bonito, o novo piso favorece a acessibilidade, facilitando a passagem de pedestres. Os serviços serão realizados também no calçamento na área da Corregedoria Geral de Justiça e da Capitania dos Portos do Maranhão.

O prefeito Edivaldo acompanha o andamento das obras e destaca que o trabalho vai beneficiar a população ludovicense. “A requalificação de todo esse espaço é fruto de um trabalho conjunto em prol dos cidadãos. Esse trabalho que vem sendo executado pelo Iphan em parceria com a Prefeitura deixará o nosso Centro Histórico ainda mais bonito”, ressaltou o gestor municipal.

O superintendente do Iphan no Maranhão, Maurício Itapary, afirma que o ritmo do trabalho segue o cronograma previsto. “Estamos trabalhando para finalizar os serviços o quanto antes, garantindo a qualidade do trabalho que vem sendo executado em toda essa área”, disse.

Quem trafega pelo local aprova a iniciativa. “Passo frequentemente aqui e acho muito bom e importante que estejam fazendo esse trabalho, que favorece também o acesso de outras pessoas que precisam passar por aqui para ter acesso aos serviços do banco, por exemplo”, disse a professora, Alcina Nogueira, 47 anos.

A reforma do espaço que inclui a recuperação da Praça da Mãe d’Água e entorno está em fase de finalização. Na área, já foram realizados serviços como a instalação de bancos de concreto, a recuperação do piso em pedras portuguesas, a colocação de novas lixeiras, a troca da tubulação da fonte também reformada e a instalação de bancos de madeira no entorno.

Com o apoio da Prefeitura, atletas ludovicenses embarcam para competição na cidade chinesa de Wuhan

Com muito entusiasmo e confiança na bagagem, as atletas ludovicenses Júlia Leal, 16 anos, e Carol Hertel, 17 anos, embarcaram na manhã desta quarta-feira (11) para a China, onde participarão do 44º Festival de Travessia do Rio Yangtze, maratona aquática realizada em Wuhan, cidade-irmã de São Luís. A participação das jovens nadadoras foi viabilizada com apoio da Prefeitura de São Luís, por meio de parceria celebrada entre o município e a cidade chinesa de Wuhan, com quem a Prefeitura mantém acordo de cooperação bilateral em diversas áreas econômicas e sociais. A competição, que reúne ainda atletas de outros 15 países, acontece na próxima segunda-feira (16).

A viagem das atletas ao país foi consolidada por meio do trabalho desenvolvido pela Secretaria Municipal de Articulação Institucional (Semai), por orientação do prefeito Edivaldo, que vê nas estudantes grandioso potencial na modalidade esportiva que praticam. Júlia e Carol já fazem parte da Seleção Brasileira, com relevante currículo de vitórias na modalidade. Ambas as atletas estão aptas a participarem da competição internacional, conforme as exigências do Comitê Organizador da competição, formado pelo Centro de Gerenciamento de Natação da Administração Geral do Esporte, pela Associação Chinesa de Natação e pelo Governo Popular Municipal de Wuhan.

A titular da Semai, Ana Paula Rodrigues, destacou a ida das atletas ludovicenses à China como um dos excelentes frutos da parceria celebrada entre São Luís e a cidade de Wuhan. “O prefeito Edivaldo está muito feliz com os bons resultados da parceria que proporciona essa oportunidade às jovens atletas da nossa cidade. Essas nadadoras maranhenses estão indo à China representando o Brasil e irão competir com atletas de países como o Reino Unido, Alemanha, Suécia, Hungria, Rússia, Tailândia, Japão, Nova Zelândia, Austrália e Chile, além dos atletas chineses que são referência em diversas modalidades esportivas. Acreditamos que será uma experiência inesquecível para essas atletas”, observou Ana Paula Rodrigues.

ESTÍMULO

A nadadora Júlia Leal destaca o apoio da Prefeitura de São Luís como um estímulo importante. “Participar de uma maratona aquática de nível internacional como esta que vamos competir, viabilizada com apoio do nosso município, é um incentivo significativo para o desenvolvimento da nossa carreira na modalidade. Estou extremamente feliz por representar meu país nessa competição e muito confiante em trazer a vitória para a minha cidade”, relatou a atleta, que é tricampeã brasileira de maratona aquática e campeã panamericana e sul-americana da modalidade, na sua categoria.

Pensamento similar tem a atleta Carol Hertel, que também tem no currículo grandes vitórias nessa modalidade. Entre os principais títulos conquistados pela nadadora estão um campeonato brasileiro e um sul-americano de maratona aquática, na sua faixa etária.

“A nossa participação na Travessia do Rio Yangtze, uma maratona que reúne atletas de alto rendimento na categoria, será de extrema importância para o desenvolvimento de nosso potencial como nadadoras. O apoio da Prefeitura foi crucial para a nossa participação. Queremos representar bem nossa cidade, nosso país, e estamos indo para ganhar essa competição, pois estamos muito bem preparadas. Além disso, a viagem nos oportuniza conhecer o potencial da modalidade em outros países, ter contato com novos atletas de nível internacional e conhecer a cultura local”, ressaltou Carol.

As meninas viajaram para a China acompanhadas por seu treinador, Alexandre Nina, que também enalteceu o apoio institucional recebido pelas atletas para participação em uma das mais importantes maratona aquáticas do mundo. “Sem dúvida é uma oportunidade louvável para essas garotas que desenvolvem a atividade com tanta disciplina e diligência. A viagem delas à China só foi possível com o apoio da Prefeitura, por meio desse convênio de acordo bilateral que o São Luís mantém com a cidade de Wuhan. Carol e Júlia estão muito bem preparadas e tenho certeza que vão dar o máximo de si na competição, para representar bem nosso país”, observou o treinador.

INTERCÂMBIO

Este ano, por meio do convênio celebrado com Wuhan, São Luís recebeu seis convites para participar de eventos internacionais na cidade chinesa. Segundo Ana Paula Rodrigues, para o próximo ano a cooperação entre as duas cidades será ampliada com a participação em outras atividades abrangidas pelo acordo bilateral de cidades-irmãs. Em outubro a capital maranhense receberá a visita de outra delegação de autoridades chinesas, com o objetivo de debater a ampliação desse intercâmbio, visando envolver jovens atletas de diversas modalidades, estudantes da rede pública, professores e pesquisadores.

O relacionamento entre São Luís e Wuhan teve início em 2015 com a assinatura de um acordo para a promoção do desenvolvimento social mútuo. O segundo acordo, assinado em 2016, tratou de um Memorando de Cooperação com o objetivo de reforçar a colaboração entre as duas cidades, principalmente nas áreas de educação, esporte e portuária. Durante visita de comitiva da gestão municipal à cidade de Wuhan, em 2017, foi reforçado o interesse em parcerias em áreas como a do esporte. A ida das maratonistas aquáticas já é fruto das ações empreendidas nesse esforço conjunto de consolidar o acordo entre as cidades-irmã de São Luís e Wuhan.

Prefeitura movimenta o Centro Histórico com o Programa Férias Culturais nesta quinta-feira (12)

O Programa Férias Culturais, iniciativa da gestão do prefeito Edivaldo, vai movimentar ainda mais o Centro Histórico durante o mês de férias. Realizado por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), o objetivo do programa é oferecer a turistas e ludovicenses a oportunidade de conhecer melhor a cidade, cada detalhe da nossa riqueza material e imaterial. A primeira atividade do programa será o Conheça São Luís nas Férias, com concentração na Praça Benedito Leite, às 16h, nesta quinta-feira (12).

A atividade consiste em um passeio que segue para a Praça Dom Pedro II e espaços no entorno, que concentra prédios históricos como a Igreja da Sé, o Palácio de La Ravardière, o Palácio dos Leões e a Capitania dos Portos. O percusso continua pela Rua de Nazaré, Rua da Estrela, Rua Portugal, Beco Catarina Mina, Rua da Alfândega, sendo finalizando na Praça Nauro Machado.

A proposta do Programa Férias Culturais, que também inclui atividades como o Passeio Serenata e o Roteiro Reggae, é promover a valorização da cultura local para os moradores da cidade e para os turistas. “Nós temos que entender a nossa cultura e conhecer a nossa história para repassar as informações com propriedade para quem nos visita. E quem chega aqui e tem a oportunidade de participar dos nossos eventos, percebe a grandiosidade da nossa cidade”, explica Socorro Araújo, titular da Setur. O programa integra as ações colocadas em prática na gestão do prefeito Edivaldo que têm como objetivo fomentar o turismo e a geração de emprego e renda, bem como garantir mais uma opção de lazer para os ludovicenses.

PASSEIO SERENATA E ROTEIRO REGGAE

Também fazem parte do Férias Culturais as iniciativas do Passeio Serenata e Roteiro Reggae. Esses dois programas já fazem parte das ações de valorização do Centro Histórico, que vêm sendo implementadas pelo poder público municipal.

O Passeio Serenata contribui de forma significativa para que os turistas conheçam a cidade. Não só os pontos turísticos, mas também os artistas, a cultura e a história local. Fugindo do convencional, o evento oferece aos visitantes uma São Luís mais lúdica, conhecida através de músicas regionais e do cancioneiro popular nacional e personagens da história ludovicense, em inserções durante o passeio.

Já o Roteiro Reggae propõe um passeio pelas ruas de São Luís e passa por locais no Centro Histórico que tenham identificação com o estilo musical que deu a São Luís o título de “Jamaica Brasileira”. Um guia especializado conduz os visitantes aos lugares que foram representativos para a história do reggae. Durante o passeio, apresentação de grupos que dançam ao ritmo do reggae e contagiam os participantes.

PROGRAMAÇÃO

Os passeios terão início na Praça Benedito Leite. As atividades do Conheça São Luís nas Férias acontecerão nos dias 12, 19 e 26 de julho, a partir das 16h. Já o Passeio Serenata, começa às 19h e será realizado no dia 18 de julho. O Roteiro Reggae acontecerá no dia 25 de julho, também às 19h.

Moradores da Estiva começam a sentir melhorias no bairro com programa Asfalto na Rua

Com as obras do programa Asfalto na Rua, da Prefeitura de São Luís, moradores da Estiva, zona rural de São de Luís, aprovam os benefícios que a nova pavimentação já está trazendo para a região. Os trabalhos, que abrangerão todo o bairro, foram anunciados pelo prefeito Edivaldo no dia 19 deste junho, data em que foram iniciados os serviços, coordenados pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp). Com o Asfalto na Rua a gestão do prefeito Edivaldo garante mais mobilidade e qualidade de vida para a população.

“Aqui tem ruas onde carros não passavam mais, pessoas idosas tinham dificuldades de carregar mercadorias por conta da mobilidade e com o asfalto novo tudo isso melhorou”, afirmou Maria das Graças Reis, moradora da Estiva há 51 anos. O comerciante Fernando Palavra, de 36 anos, também já está sentindo os benefícios. “Esse asfalto traz um grande benefício para nós que trabalhamos com comércio, pois acabou com a lama, com a poeira e a rua ficou limpa”, disse.

Iracema Bezerra, que mora na travessa que dá acesso à Rua do Mangueirão, contou que antes da requalificação asfáltica era difícil até para fazer suas caminhadas. “A rua estava cheia de buracos e muito feia. Agora ficou bonita, valorizou a minha casa e o melhor é que vou poder fazer minhas caminhadas diárias”, relatou.

Ali perto, na Rua de Cima, está sendo feita a terraplanagem que prepara a via para ser asfaltada. E a moradora Etelvina Rodrigues, de 60 anos, já comemora. “Estou muito feliz em saber que terei minha rua asfaltada. Os ônibus vão poder descer e poderemos trazer nossas compras do mercado sem precisar saltar lá em cima”, declarou.

A nova frente de trabalho do programa de requalificação asfáltica transformará várias ruas da Estiva. Entre elas estão a Rua do Meio I e II, Rua da Ponte, Rua da Praça União, Rua do Barreiro, Rua São Benedito, Rua Nova, Travessa São Pedro, Rua São Pedro, Rua Emiliano Macieira, Rua Maria da Graça, Rua do Bacuri I e II, Rua Nossa Senhora da Conceição, Rua da Cerâmica, Rua Nova, entre outras.

ASFALTO NA RUA

O programa Asfalto na Rua contempla dezenas de bairros de São Luís com nova pavimentação. A iniciativa soma-se ao conjunto de obras de urbanização executados desde a primeira gestão do prefeito Edivaldo, quando foram pavimentadas centenas de vias.

De acordo com o titular da Semosp, Antonio Araújo, o Asfalto na Rua está promovendo o desenvolvimento dos bairros do município. “O programa melhora a qualidade de vida da população, os acessos, a circulação dos veículos e a interligação de bairros que estavam há décadas esperando por esse benefício que está sendo promovido pelo prefeito Edivaldo”, disse.

AÇÕES

Além dos trabalhos na Estiva, a Prefeitura de São Luís está realizando concomitantemente serviços de requalificação asfáltica em outros pontos da cidade, como na Avenida Jerônimo de Albuquerque; na Avenida Principal do Jardim América; na Estrada do Gapara; Estrada da Vitória; Avenida Daniel de La Touche; e via de contorno da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Equipes trabalham também na terraplanagem nos bairros Estiva, Ponta d’Areia, Comunidade do Arraial e Residencial 2000. No Anjo da Guarda, está sendo feita a construção de calçadas; e no Centro da cidade, na Rua Antonio Rayol, nas proximidades do Mercado Central, está sendo executada a sub base para aplicação de concreto estrutural.

Trabalhos no sistema de drenagem estão sendo feitos na Avenida Kennedy, Cohapan e Liberdade, com a desobstrução de bueiros. Já na iluminação pública estão sendo realizadas obras de modernização na Praça do Jardim América, na Vila Esperança e Coroadinho.

Iphan em parceria com a Prefeitura avança em obra com serviços em nova quadra da Rua Grande

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) deu início, esta semana, aos serviços de requalificação urbana na segunda quadra da Rua Grande, novo trecho da via contemplada com obras de requalificação executadas pelo Iphan, em parceria com a Prefeitura de São Luís. O projeto de revitalização da Rua Grande integra as ações do PAC Cidades Históricas, que também está recuperando todo o Complexo Deodoro, compreendido pelas praças Deodoro e Pantheon, além das alamedas Silva Maia e Gomes de Castro.

Os serviços na segunda quadra da Rua Grande compreendem o trecho entre as ruas de Santaninha e Santa Rita. No local, as equipes iniciaram o trabalho de retirada dos paralelepípedos velhos para colocação de novo piso; escavação do solo para implantação de tubulações de água e esgoto e construção dos poços de visitas da instalação elétrica subterrânea.

“A requalificação do maior centro comercial de São Luís é de grande importância para a cidade e trará benefícios em diversos aspectos, como a revitalização do comércio na região, geração de emprego e renda e melhoria da paisagem urbana. A parceria celebrada entre a Prefeitura e o Iphan tem sido fundamental para somar esforços com o município na restauração desses espaços tão importantes para nossa história e nossa gente”, afirmou o prefeito Edivaldo.

Segundo o superintendente do Iphan, Maurício Itapary, os serviços na primeira quadra da Rua Grande – entre as ruas do Passeio e de Santaninha – estão em andamento e serão concluídos gradualmente, visto que toda a infraestrutura subterrânea deste trecho já foi executada, restando apenas serviços de ligações domiciliares das redes subterrâneas, execução do trabalho de pavimentação e intervenções complementares.

“A execução segmentada por trecho visa gerar o menor impacto possível para os usuários e transeuntes da Rua Grande. Para o trabalho nessa segunda quadra, foram adotadas novas medidas de serviços para redução de riscos provocados pela obra, como por exemplo, a fixação dos tapumes mais próximo da pista de rolagem no sentido de permitir corredores mais largos, facilitando a passagem dos transeuntes e reduzindo os conflitos com as atividades comerciais do espaço”, observou Maurício Itapary.

O projeto da Rua Grande inclui ainda embutimento total da fiação telefônica e elétrica, drenagem profunda e esgotamento sanitário, drenagem fluvial, novos equipamentos urbanos, novo piso e pontos de acessibilidade, reduzindo barreiras físicas e melhorando o acesso de pedestres. O projeto prevê ainda pavimentação com nivelamento das vias, instalação de novo mobiliário urbano (bancos, lixeiras, etc), nova rede de iluminação pública, além de sinalização viária e turística.

Comerciantes e frequentadores do maior centro comercial popular da capital enaltecem os serviços na área. O vendedor ambulante João Batista Jorge Silva Pereira, 42 anos, destaca as obras no local como de grande importância para o crescimento das vendas no local. “Muitas pessoas deixaram de frequentar a Rua Grande por causo do estado de deterioração em que ela se encontrava. Com a reforma, creio que isso vai mudar e as pessoas vão voltar a frequentar com prazer a Rua Grande”, disse.

A dona de casa Fátima Nascimento, 48 anos, frequenta constantemente a Rua Grande. Ela analisa como positivo o serviço realizado na área. “Além de melhorar a estrutura do maior centro de comércio popular da cidade, a reforma vai dar um outro ânimo às pessoas que frequentam o local para fazer suas compras’, observou ela.

NOVA ESTRUTURA

Com a conclusão dos serviços nesses logradouros, o Centro da capital maranhense vai ganhar espaços com nova estrutura urbanística, deixando a área central mais aprazível para moradores e visitantes. De acordo com o projeto, as áreas vão ganhar novo reordenamento do espaço urbano, contemplando pedestres e possibilitando maior interação social. São diversas ações de urbanismo e arquitetura com objetivo de revitalizar e recuperar toda a área.

Na Praça do Pantheon, por exemplo, os serviços contemplam a colocação de nova pavimentação em concreto lapidado, renovando todo o piso; colocação de granito na área central e de grama nas áreas de canteiro, instalação de caramanchões, que são estruturas cobertas que vão proporcionar beleza e sombreamento aos ambientes, novo mobiliário urbano, entre outros elementos urbanísticos e arquitetônicos.

A Praça Deodoro ganha novo mobiliário urbano, com bancos de pedras de lioz e lixeiras. Para o espaço, também está prevista uma nova configuração da iluminação pública, com a utilização de luminárias mais eficientes. A praça vai ganhar também banheiros públicos, áreas para recebimento de atividades diversas e de fiscalização.

“Já estamos com mais de 75% dos serviços concluídos no Complexo Deodoro. Na área da Praça do Pantheon, por exemplo, falta praticamente apenas a parte de implantação de mobiliário urbano, como bancos, lixeiras e sinalização”, frisou o superintendente do Iphan.

PRAÇA DA MÃE D’ÁGUA

A Praça da Mãe d’Água, outro espaço do Centro da cidade contemplado por obras de requalificação executadas pelo Iphan, na região da Praça Dom Pedro II, também está com obras em fase adiantada de execução. O projeto no logradouro contempla a reforma do piso de pedra; novo paisagismo, recuperação da fonte da mãe d’água e nova instalação hidráulicas e elétricas no espaço. A fonte luminosa e a escultura da Mãe d´Água retornarão restaurados ao seu local de origem. As obras de reforma em todas as praças favorecerão ainda a acessibilidade, com faixas de pedestres, rampas nas calçadas com contrapiso em concreto, além de sinalização tátil.

Programa da Prefeitura, Férias Culturais fortalece turismo em São Luís no mês de julho

Para fortalecer o turismo na cidade durante o período de férias, a Prefeitura de São Luís desenvolverá o Programa Férias Culturais, uma iniciativa da gestão do prefeito Edivaldo. A proposta é oferecer opções de entretenimento aos turistas e contribuir para que os visitantes conheçam a história e criem boas memórias sobre São Luís. O programa começa a ser desenvolvido na quinta-feira (12) e agrega iniciativas como o Passeio Serenata, o Roteiro Reggae e o Conheça São Luís nas Férias.

A secretária municipal de turismo, Socorro Araújo, explica que o Férias Culturais, uma ação da gestão do prefeito Edivaldo, é uma oportunidade para que tanto visitantes quanto os moradores da cidade possam conhecer melhor São Luís. “Para o turista, é bom por ser uma programação que apresenta a cultura local, e para o ludovicense, contribuiu na formação enquanto cidadão, permitindo que se conheça a cidade para receber melhor os turistas”, destaca a titular da Secretaria Municipal de Turismo (Setur).

Uma das ações que integram o Programa Férias Culturais é o Conheça São Luís nas Férias. A atividade acontece na quinta-feira (12) às 16h, na Praça Benedito Leite. Os participantes percorrerão os principais pontos turísticos localizados no Centro Histórico da capital. A história, em cada ponto, será contada por personagens icônicos da história de São Luís, que destacarão os fatos mais importantes da nossa história.

PASSEIO SERENATA E ROTEIRO REGGAE

Também fazem parte do Férias Culturais as iniciativas do Passeio Serenata e Roteiro Reggae. Esses dois programas têm grande repercussão na capital maranhense, e sempre estão repletos de curiosos para entender melhor a cultura de São Luís.

O Passeio Serenata contribui de forma significativa para que os turistas conheçam a cidade. Não só os pontos turísticos, mas também os artistas, a cultura e a história local. Fugindo do convencional, o evento oferece aos visitantes uma São Luís mais lúdica, através de músicas regionais e do cancioneiro popular nacional e personagens da história ludovicense, em inserções durante o passeio.

Já o Roteiro Reggae propõe um passeio pelas ruas de São Luís e passa por locais no Centro Histórico que tenham identificação com o estilo musical que deu a São Luís o título de “Jamaica Brasileira”. Um guia especializado conduz os visitantes aos lugares que foram representativos para a história do reggae, com apresentação de grupos de dança que apresentam e contagiam os participantes com o ritmo.

PROGRAMAÇÃO

Os passeios terão início na Praça Benedito Leite. As atividades do Conheça São Luís nas Férias acontecerão nos dias 12, 19 e 26 de julho, a partir das 16h. Já o Passeio Serenata, começa às 19h e será realizado no dia 18 de julho. O Roteiro Reggae acontecerá no dia 25 de julho, também às 19h.

Prefeitura disciplina e interdita trânsito nas imediações das festas de São Pedro e São Marçal

Com o intuito de orientar e disciplinar o trânsito durante as festividades de São Pedro (29) e São Marçal (30), a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), intensificará as fiscalizações e fará disciplinamento e intervenções nas imediações dos locais onde ocorrem os festejos. Na Madre Deus, onde se localiza a Capela de São Pedro será feito disciplinamento e no João Paulo, palco da festa de São Marçal, serão feitas interdições que visam garantir maior fluidez ao trânsito e segurança ao público.

Na noite de quinta-feira (28), na Avenida Senador Vitorino Freire, Areinha, em frente à Capela de São Pedro, a SMTT fará o disciplinamento do trânsito com agentes de trânsito, em função das festividades em louvor do santo. Não haverá interdição de vias no local, serão designados agentes de trânsito em viaturas que atuarão de acordo com a necessidade e demanda do trânsito local.

Na noite de sexta-feira (29) devido às festividades de São Marçal, no bairro João Paulo, além do disciplinamento do trânsito feito pelas equipes de fiscalização da SMTT, haverá três pontos de interdição: Avenida São Marçal, próximo à Feira do João Paulo; Avenida Getúlio Vargas, próximo ao Curso Wellington; e Avenida Kennedy, próximo ao Colégio Gonçalves Dias. As interdições ocorrerão às 22h de sexta-feira (29) e segue no sábado (30) até terminar as festividades.

No sentido bairro-centro, pela Avenida São Marçal, o trânsito será desviado na Jordoa, pela Rua 5 de Janeiro, seguindo até o Elevado Alcione Nazaré. No trecho centro-bairro, serão feitas duas interdições: a primeira na Avenida Kennedy, onde o trânsito será desviado para a Rua Armando Vieira da Silva (em frente ao Colégio Gonçalves Dias), seguindo em direção à Avenida Getúlio Vargas; e a outra, na Avenida Getúlio Vargas, sentido centro-bairro, próximo ao Curso Wellington, com desvio em direção à Avenida dos Franceses. Também serão interditadas as ruas transversais que dão acesso à Avenida São Marçal, no trecho compreendido entre a feira do João Paulo e a Rotatória São Marçal.

Os ônibus do Sistema de Transporte Coletivo de São Luis que trafegam pelo João Paulo terão seus itinerários modificados conforme desvios programados pela SMTT, até o fim das festividades na Avenida São Marçal. A SMTT pede a compreensão dos condutores para que evitem transitar nas respectivas avenidas a fim de diminuir transtornos e, consequentemente, maiores complicações ao trânsito no local.

Prefeitura atinge meta de imunização contra gripe, doses para o público-alvo continuam disponíveis

São Luís atingiu a meta de vacinação contra a gripe Influenza, estipulada pelo Ministério da Saúde, que era imunizar 90% das pessoas dos grupos mais suscetíveis à doença. Mesmo atingindo a meta da campanha, a Prefeitura dá prosseguimento a vacinação para que 100% do público-alvo possa se proteger da gripe. A vacinação continua disponível nos postos de saúde do município até o fim dos estoques e pode ser feita de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

A Prefeitura de São Luís vai manter a disponibilidade das doses para o público-alvo, em especial para crianças, que tiveram a idade limite estendida de cinco para até nove anos. Os idosos também tiveram a idade alterada. Antes podiam se vacinar idosos a partir de 60 anos, agora podem ser imunizadas pessoas a partir dos 50 anos de idade.

O secretário municipal de Saúde (Semus), Lula Fylho, reforçou que as ações da campanha realizadas pela Prefeitura de São Luís foram exitosas, mas é importante que pais e mães levem suas crianças para serem imunizadas. “Atingir a meta representa mais tranquilidade à população, mas, precisamos avançar na vacinação das crianças. Por isso, é importante que os responsáveis compareçam aos postos de saúde e garantam a proteção de seus filhos desta forma de gripe”, apela o gestor ressaltando que entre as ações realizadas pela gestão municipal destacam-se o Dia D de Vacinação Municipal e a busca ativa em escolas da rede pública.

Nesta nova fase integram o grupo prioritário para vacinação pessoas a partir de 50 anos; crianças de seis meses a nove anos; trabalhadores de saúde; professores das redes pública e privada; povos indígenas; gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto); pessoas privadas de liberdade, inclusive adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas; além dos funcionários do sistema prisional.

A superintendente de Vigilância Epidemiológica e Sanitária da Semus, Terezinha Lobo, enfatiza a necessidade de imunizar as crianças “e que as famílias precisam ter essa atenção e sensibilidade para não deixar de protegê-las da gripe”, diz

.

PROTEÇÃO

A vacina tem eficácia de seis a 12 meses e reduz as complicações que podem gerar casos mais graves da doença, como internações ou até mesmo óbitos. Protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano, no Hemisfério Sul, de acordo a Organização Mundial da Saúde (OMS): o A/H1N1; A/H3N2 e influenza B.

A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).