Major da PM e outros nove suspeitos de milícia são presos no Maranhão

Uma operação em conjunto das Polícias Militar e Civil, comandada pelo secretário de Estado de Segurança Pública e pelo Comandante da PMMA Coronel Pereira, cumpre mandados de prisão, na manhã desta quinta-feira (22), contra policiais acusados de formação de milícia.

Teriam sido presos até o momento dois soldados e um major da PM, além de apreensão de armamentos: escopetas, pistolas, revólveres.

A operação foi deflagrada na comunidade Arraial, no bairro do Quebra Pote, na zona rural de São Luís.

[Atualização]

Foram presas 10 pessoas, entre elas, um major da PM. Todos serão autuados em flagrante na Secor – Superintendência de Combate à Corrupção.

A operação apreendeu também uma caminhonete, duas carretas, um veículo de passeio, cigarros e uísque. No sítio,  havia ainda um porto clandestino para embarque e desembarque dos produtos roubados pela organização criminosa.

Homem é preso com 150 kg de maconha em São Luís

Um operação da Polícia Civil por intermédio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais – SEIC prendeu em flagrante delito no bairro Panaquatira, o nacional Flávio da Paz Sousa (22), integrante de uma facção criminosa, ocasião na qual foram apreendidos cerca de 150kg do entorpecente popularmente conhecido como maconha.

Investigações do Departamento de Combate ao Crime Organizado da SEIC, identificaram FLÁVIO como um dos responsáveis pela guarda de entorpecentes pertencentes à facção criminosa e, após a realização de varias diligências, os policiais conseguiram localizar o local onde este se encontrava na posse da droga, sendo um imóvel no bairro Panaquatira.

Flávio da Paz Sousa estava utilizando tornozeleira eletrônica e possuí antecedentes criminais por tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma de fogo. Após analise técnico-jurídica do fato pelo Delegado de Polícia, o homem foi autuado em flagrante delito como incurso nos delitos de tráfico de drogas e de integrar organização criminosa, sendo encaminhado ao Centro de Triagem de Observação Criminológica de São Luís, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Marambaia é campeã do Carnaval de São Luís

O título de campeã do carnaval maranhense de 2018 foi para a escola Marambaia do Samba, sua estreia no primeiro lugar, em 63 anos de história

No enredo vencedor, uma homenagem ao nordeste. A conquista, no entanto, veio com uma votação acirrada, nesta Quarta-feira de Cinzas, no Teatro Alcione Nazaré.

1º – Marambaia: 180 pontos
2º – Flor do Samba: 179,5 pontos
3º – Favela do Samba: 179,4 pontos
4º – Turma da Mangueira: 179,4 pontos
5º – Turma do Quinto: 178,8 pontos
6º – Império Serrano: 177,5 pontos
7º – Túnel do Sacavem: 169 pontos
8º – Mocidade Independente: 168,2 pontos
9º – Unidos de Fátima: 165,4 pontos
10º – Terrestre do Samba: 165,1 pontos
11º – Unidos de Ribamar: 163,5 pontos

Durante a apuração, cinco escolas foram punidas por ter um número inferior de alas e de baianas.

Unidos de Ribamar: – 5 pontos
Mocidade independente da ilha: -5 pontos
Terrestre do samba: -10 pontos
Unidos de fatima: -5 pontos
Tunel do Sacavém: – 5 pontos

Com o seu “Nordeste Brasileiro”, a escola de samba do Bairro de Fátima, levou Lampião e Maira Bonita para a passarela.

E para 2019 a Marambaia já anunciou sua aposta: um enredo sobre a história do cinema.

De Redação.

Posto avançado do Detran-MA começa a funcionar na BR 135 na quinta feira, 15

O Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) colocará em funcionamento, a partir de quinta-feira (15), mais um posto avançado para atendimento aos usuários. Vai funcionar no km 3, na BR-135, no bairro do Tibiri, em São Luís.

O diretor Operacional do Detran-MA, David Ximenes explica que o novo posto vai oferecer principalmente os serviços de vistoria e cadastro. Vai priorizar o atendimento a veículos de grande porte, entre os quais ônibus, micro-ônibus e vans.

“Nós vamos oferecer uma estrutura voltada especialmente para veículos pesados, com mais espaço e mais conforto para quem tem esse tipo de transporte. Carros pequenos, também, serão atendidos, mas a prioridade será para caminhões, carretas, ônibus e vans”, explica David Ximenes.

O posto funcionará, das 8h30 às 15h30, de segunda a sexta-feira, com 14 funcionários incluindo vistoriadores e atendentes de veículos e habilitação e terá como coordenador Geral, o analista de trânsito Anderson Boás.

Polícia intensifica abordagens em entradas e saídas de São Luís

Em virtude do carnaval, a Polícia Militar do Maranhão (PMMA), por meio do Comando de Policiamento de Área Metropolitano 3 (CPAM-3), reforçou as ações de fiscalizações e patrulhamento nas entradas e saídas de São Luís. Guarnições da PMMA estão distribuídas no Terminal da Ponta Espera, barreira da Estiva e em toda zona rural de São Luís a fim de impedir que armas e drogas entrem ou saiam da cidade.

Desde o início desta semana, as abordagens na barreira da Estiva foram intensificadas pelas equipes do 21º Batalhão de Polícia Militar (BPM) por conta do grande fluxo de veículos que deixam a cidade com destino ao interior do estado.

“Estamos acompanhado as abordagens e incursões, principalmente, nestes pontos da cidade visto que não vamos permitir que nem armas e nem drogas entrem em São Luís ou que sejam levadas para as festas no interior do estado. Além disso, a Polícia Militar está atenta aos motoristas que decidem ingerir bebida alcoólica e pegar a estrada”, explicou o comandante geral da PMMA, coronel Frederico Pereira.

Já no Terminal da Ponta da Espera (ferry boat), as equipes do 1º BPM fiscalizavam a documentação dos veículos a fim de impedir que carros irregulares ou roubados utilizassem como ponto de fuga o ferry. Os militares revistam, também, os veículos e passageiros no intuito de apreender armas e drogas.

“Montamos um planejamento a fim de que o folião que decidir brincar o carnaval fora da capital possa sair da cidade com total tranquilidade. As ações, também, vão garantir segurança para os turistas que entram em São Luís. Além de armas e drogas, estamos saturando todos os pontos de entradas e saídas a fim de impedir que criminosos utilizem estas áreas como forma de fugir da fiscalização da polícia”, pontuou o comandante do CPAM 3, coronel Edivaldo Mesquita.

O oficial informou que o planejamento conta com uma tropa de reação, que está de prontidão caso haja necessidade de algum tipo de perseguição, com a utilização de armas longas e veículo apropriado. Integram ainda o planejamento, o Grupo Tático Móvel (GTM) e equipes de motocicletas.

Mais ações

Nas principais avenidas da capital, viaturas da Malha Metropolitana realizam barreiras policiais para a abordagem de pessoas, veículos e coletivos, com o intuito de apreender armas, munições e drogas. Além dessa ação, os policiais também realizam incursões nos bairros para inibir a ação de bandidos e garantir um carnaval tranquilo.

O que funciona e o que está fechado em São Luís durante o Carnaval

Durante os quatro dias de festa do Carnaval 2018 alguns serviços funcionam mas outros tiram folga em São Luís. Confira o que abre e fecha nesta folia:

Justiça

Durante o período de Carnaval, a Comarca da Ilha de São Luís funcionará sob regime de plantão judiciário, para atendimento das demandas urgentes. De sexta até domingo,11, respondem pelos plantões cível e criminal, respectivamente, os juízes Cícero Dias de Sousa Filho (4ª Vara da Fazenda Pública) e Antônio Luiz de Almeida e Silva (1ª Vara de Entorpecentes).

De segunda de Carnaval (12) até Quarta-feira de Cinzas (14), os magistrados Maricélia Costa Gonçalves (juíza auxiliar) e Reinaldo de Jesus Araújo (9ª Vara Criminal). O contato com as equipes pode ser feito pelos telefones celulares (98) 98811-2153 (Cível) e (98)98802-7484 (Criminal).

Governo do Estado 

Não haverá expediente nos órgãos da Administração Estadual, incluindo as Autarquias e Fundações Públicas, nos dias 12, 13 e 14 de fevereiro, respectivamente segunda e terça de carnaval e quarta-feira de cinzas.

Agências Bancárias

Os bancos ficam fechados para atendimento ao público na segunda-feira, 12 e na terça-feira, 13. Já na Quarta-feira de Cinzas os bancos abrirão ao meio-dia.

Shoppings

 

Rio Anil Shopping
Sábado – 10/02
Funcionamento normal (10h-22h), exceto a academia, que funcionará das 9h às 13
Domingo – 11/02
Quiosques, lojas e lotérica fecham.
Supermercado Mateus e Lojas Americanas abertos das 10h às 14h.
Praça de alimentação e cinema abertos das 10h às 22h.
Segunda-feira – 12/02
Quiosques, lojas e lotérica fecham.

Academia funciona das 9h às 13h.
Supermercado Mateus funciona das 10h às 22h.
Lojas Americanas, praça de alimentação e cinema abertos das 12h às 20h.
Terça-feira – 13/02
Quiosques, lojas, academia e lotérica fecham.
Supermercado Mateus funciona das 10h às 22h.
Lojas Americanas, praça de alimentação e cinema abertos das 12h às 20h.
Quarta-feira de cinzas – 14/02
Praça de alimentação, cinema e Supermercado Mateus abrem às 12h.
Lojas Americanas abre às 13h.
Academia, lojas, quiosques e lotéricas abrem às 14h.
A partir do horário de abertura, o funcionamento volta ao normal, até as 22h.

Shopping da Ilha

Golden Shopping.

Confira o horário de funcionamento do Golden durante o carnaval! #goldenshoppingcalhau #carnaval #feriado #slz

Uma publicação compartilhada por Golden Shopping Calhau (@goldenshoppingcalhau) em

Shopping Passeio

Horários de funcionamento no feriado de Carnaval do Shopping Passeio.

Uma publicação compartilhada por Shopping Passeio (@shoppingpasseio) em

Pátio Norte Shopping

Unidade de Pronto Atendimento (UPA)

As unidades de pronto-atendimento (UPAs) da capital abrirão normalmente.

Cidade Operária
Endereço: Av. Principal Cidade Operária,

Vinhais
Endereço: Rua 105, Vinhais. Próximo ao Viva do Vinhais
Telefone: (98) 32368953

Vila Luizão
Endereço: R. São Paulo, s/n – Vila Luizão,
Telefone: (98) 32330665

Itaqui- Bacanga
Endereço: Av. dos Portugueses, S/N – Vila Bacanga
Telefone: (98) 32720346

Araçagi
Endereço: Avenida dos Holandeses. S/n – Bairro: Araçagy- São José de Ribamar
Telefone: (98) 32369700

Com informações de O Imparcial.

Sebrae e Fiema encerram projeto de inovação para MPEs em São Luís

As 18 empresas que concluíram o Projeto de Gestão e Inovação para Micro e Pequenas Empresas Industriais provaram que fazer inovação de produtos ou processos não é coisa apenas para grandes empresas. O projeto é resultado de um convênio nacional assinado entre o Sebrae Nacional e a Confederação Nacional da Indústria (CNI), executado por meio do Sebrae no Maranhão e da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema).

As empresas foram atendidas por meio de consultorias realizadas pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL), graças aos subsídios concedidos pelos apoiadores locais do projeto Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF) e Governo do Estado do Maranhão, por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc).

Nesta quarta-feira (07), 10 das 18 MPEs participantes em São Luís foram premiadas em uma solenidade no escritório da Gerência de Descarga de Minério do Porto de Ponta da Maneira, operado pela mineradora Vale, onde foi implantado um projeto de inovação na preparação de um ambiente de trabalho descontraído que funcionasse como um laboratório para soluções de problemas, estimulando a cultura inovadora.

Durante a certificação, o vice-presidente da Fiema e conselheiro do Sebrae no Maranhão, Celso Gonçalo, destacou que as empresas que buscam inovação têm mais espaço no mercado e se tornam mais competitivas.

“Projetos como esse são prioridade para nós, porque sabemos da importância das micro e pequenas empresas em nosso Estado, e é nosso papel apoiá-las, para que cresçam e sejam inovadoras, e para estimular que todos os atores, gestores públicos e privados, não comprem mais de empresas de fora e sim, valorizem nossas empresas, para que elas se fortaleçam e tragam desenvolvimento ao Maranhão”, afirmou.

PARADIGMA

Para a representante do Sebrae no Maranhão, Giovana Figueiredo, gerente da Unidade de Articulações e Interlocuções (Unasi) do Sebrae, o projeto quebrou paradigmas no mercado local. “O que este projeto está fazendo é desmistificar a inovação nas micro e pequenas empresas. Não é porque o empresário é Microempreendedora Individual ou de uma Micro Empresa que está distante da inovação, que é instigadora e traz resultado para o negócio”, disse.

Um dos empresários que participou do Programa de Gestão e Inovação para Micro e Pequenas Empresas Industriais foi André Stocco, proprietário da Oficina do Bolo, especializada na produção de bolos, que hoje tem duas unidades no Anil e no Renascença.

“Este projeto trouxe melhorias para o negócio. Tínhamos deficiências em alguns segmentos de gestão que foram identificados e sanados. Depois lançamos um produto novo que está nos trazendo um bom resultado de marketing e divulgação da marca”, disse.

COMPETITVIDADE

Para o gerente de relacionamento institucional da Vale, Dorgival Pereira, que falou em nome do PDF, o projeto Gestão e Inovação para Micro e Pequenas Empresas Industriais recebeu apoio pela sua proposta de atuação.

“Desde o seu nascimento, o PDF prepara as empresas locais para fornecer produtos e serviços para as grandes empresas que atuam no Maranhão. Assim, entre 2000 e 2016, o PDF já proporcionou condições para que empresas como Vale, Alumar, Cemar e Eneva, a adquirissem cerca de R$ 27 bilhões de empresas maranhenses, principalmente MPEs. Este projeto de inovação permite ampliar este volume”, comentou Pereira.

Estiveram presentes ao evento o superintendente da Fiema, Albertino Leal de Barros Filho, a coordenadora Técnica-Executiva da Fiema, Roberta Tanus, o coordenador do PDF/Fiema, Carlos Jorge Taborda, o gestor do projeto pela Fiema, Gilberto Matos, e o gerente de Relações Institucionais da Eneva, Marco Tulio Rodrigues.

PROJETO COMEÇOU EM 2017 COM 30 MPEs

Ao todo, o Projeto de Gestão e Inovação para Micro e Pequenas Empresas Industriais beneficiou 30 empresas maranhenses dos segmentos de alimentação e bebidas, metalmecânica, movelaria e construção civil em São Luís e Imperatriz.

As empresas participantes receberam 140h de consultoria em gestão e inovação empresarial com foco em produtos, processos, marketing, entre outras áreas, com um subsídio de R$ 22 mil disponibilizados pelos parceiros do projeto com para a consultoria e investindo, com recursos próprios, num investimento de R$ 1 mil.

O projeto começou em fevereiro de 2017, com a fase de diagnóstico das empresas participantes, onde foram identificados os pontos de melhoria em gestão, processos, produtos e marketing que cada empresa apresentava. Em seguida, foi montado um plano de ação com as soluções possíveis para cada ponto apresentado.

Entre as empresas participantes do projeto está a engarrafadora de água mineral Água Puríssima, que usou a experiência para lançar um novo produto com maior valor agregado focado no mercado local. A administradora Christiane Scaglioni Ribeiro, que toca a empresa junto com o marido, contou que inovar foi a coisa certa a fazer, ao perceber um mercado em crise, a concorrência cada vez maior e o preço de seu produto despencando no mercado.

“A partir do diagnóstico feito no projeto, hoje temos um plano de negócios, um novo produto no mercado, que são as garrafinhas de água de 300 ml e 500 ml, além do garrafão de 20 litros com o qual já trabalhávamos, e estimulamos a inovação entre nossos funcionários e clientes. Apesar de termos iniciado o negócio pela parte prática, sem muito planejamento, confirmamos a viabilidade do nosso projeto e a consultoria nos fez vislumbrar novas oportunidades. Esse foi o pontapé inicial. Queremos participar de novos projetos como esse”, contou a empresária.

Iniciado o recadastramento de servidores da Câmara Municipal de São Luís

Começa nesta segunda-feira (5) o recadastramento dos servidores da Câmara Municipal de São Luís. A ação havia sido anunciada no dia 19 de janeiro pelo vereador Astro de Ogum, presidente do legislativo municipal.

O recadastramento é fruto de um acordo firmado entre a Câmara e a Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, que estabeleceu também a implantação de um ponto eletrônico e adequação do Portal da Transparência.

A decisão assinada pelo titular da vara, Douglas de Melo Martins, foi uma resposta à Ação Civil movida pelo Ministério Público Estadual contra o Município de São Luís.

Os servidores não estáveis tem até o dia 9 de fevereiro para se recadastras, apresentando os seguintes documentos em original e xerox: CPF, PIS\PASEP, comprovante de residência, termo de posse e de lotação e comprovante de escolaridade.

Já os servidores estáveis serão recadastradps entre os dias 15 e 19 de fevereiro, e terão de aparesentar também original e xerox dos seguintes documentos: CPF, PIS\PASEP, comprovante de residência, termo de posse e de lotação e comprovante de escolaridade.

Aposentados e pensionistas da Casa deverão também fazer o recadastramento, entre os dias 20 e 23 de fevereiro, apresentando os mesmos documentos das demais categorias, além do título de aposento e da certidão do óbito, respectivamente.

Entre os dias 26 e 28 será a vez dos servidores comissionados, apresentando portaria de nomeação, lotação, comprovante de residência e CPF.

Os enquadrados na Verba de Gabinete, terão os dias primeiro até 6 de março para o recadastramento, com a mesma documentação.

Hotéis comemoram ocupação de até 100% durante o Réveillon em São Luís

Investimentos do Governo do Maranhão em infraestrutura, segurança pública, incremento de programação cultural e estímulo aos polos receptivos estão entre os fatores que garantiram a São Luís grande movimentação turística no Réveillon 2018. Vários hotéis tiveram ocupação máxima no período.

Saulo Bezerra, gerente geral de um hotel próximo à orla ludovicense, celebra os resultados: “Temos uma tradição de alta movimentação no período do Réveillon, mas este ano o hotel ficou lotado, assim como a cidade de modo geral. Para nós, a movimentação foi excelente se comparada ao mesmo período dos anos anteriores”.

Segundo levantamento da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), a movimentação de desembarques no Aeroporto Internacional Cunha Machado, em São Luís, apresentou em 2017 crescimento de desembarques em relação ao ano anterior. Foram mais de 812 mil passageiros na cidade, alta de 2,3% em relação a 2016. O crescimento é significativo, sobretudo, em função do momento de crise econômica no país.

A boa movimentação turística em São Luís durante 2017 marcou altas taxas de visitantes nas principais datas comemorativas da cidade, com destaque para o mês de junho e julho, quando a ocupação hoteleira na capital maranhense registrou o melhor resultado dos últimos cinco anos, com índice de 69%.

Para o presidente da Associação Brasileira de Hotéis (ABIH), Antônio Barros Filho, os bons resultados do setor na cidade estão relacionados aos investimentos públicos em ações que influenciam o turismo.

“O Réveillon foi excelente para o setor hoteleiro, a exemplo do período junino. Ações consolidadas do poder público, principalmente em segurança pública e nos eventos para dar visibilidade dos potenciais turísticos, são muito importantes para retomada do setor na capital”, explica.

Levantamento preliminar da ABIH mostra que houve ocupação de 72% das vagas de hotel em São Luís no período. “Esse é um levantamento prévio. O que observamos na prática junto aos colegas do setor é que foi o melhor movimento do período em relação a outros anos”, diz Barros Filho.

O secretário adjunto de Cultura do Maranhão, Hugo Veiga, afirma que “2017 foi um ano muito bom para o turismo maranhense. Os dados da ABIH e da Infraero mostram isso. Investimos tanto no público final quanto no público intermediário do setor, os agentes e operadores com nossa participação em grandes eventos e feiras nacionais e internacionais, com excelentes resultados”.

Mais Asfalto, Mais Turismo

“Nós tivemos ocupação de 100% dos nossos quartos no Réveillon. A maioria absoluta dos hóspedes – vindos de Belém, Teresina, Palmas e do interior do Estado – chegou por via terrestre, porque infelizmente o valor alto das passagens aéreas para cá ainda é um dos maiores gargalos do nosso turismo. Felizmente, os turistas conseguem chegar por carro”, afirma Dagoberto Silva, diretor de uma rede de hotéis com negócios em São Luís, Recife e Fortaleza.

Nos últimos três anos, o Governo do Maranhão investiu R$ 2 bilhões na requalificação, construção e reforma de rodovias, avenidas e ruas em todas as regiões do estado, com o Programa Mais Asfalto.

O programa garante ampliação da mobilidade urbana beneficiando o escoamento da produção, diminuindo o isolamento das cidades e povoados. E também é um estímulo ao turismo.

Dagoberto Silva também destaca a divulgação do destino Maranhão. “Nós tivemos uma taxa de ocupação de 85% no São João, por exemplo. Para nós, esse é um resultado visível das ações do Governo, que fez um esforço para divulgar nosso estado em outras capitais, estamos muito satisfeitos”.

SMTT implanta novo sistema de monitoramento do trânsito na capital

Um novo sistema de monitoramento do trânsito na cidade está sendo implantado pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT). O modelo, que permite o controle e a observação em tempo real do trânsito nas vias, foi apresentado nesta quinta-feira (1º). O monitoramento será realizado por 36 câmeras fixas e 32 de alta rotação e resolução, que serão observadas pelo Centro de Controle de Operações do Trânsito e Transporte da capital (CCO).

O sistema, que está em fase de testes e passará a operar em caráter definitivo a partir do dia 19 de fevereiro.

O secretário municipal de Trânsito e Transporte, Canindé Barros, explicou a importância e a funcionalidade do centro. ” O CCO é mais uma ferramenta que estamos implementando para garantir mais controle do trânsito da cidade, torná-lo mais seguro, moderno e organizado”, afirmou Canindé Barros. A divulgação do trabalho executado pelo CCO tem como finalidade informar a população sobre a implantação sistema e o início da operacionalização do serviço, para que os condutores tenham conhecimento prévio do moderno sistema de controle do trânsito que passará a funcionar na cidade.

Instalado na sede da SMTT, o Centro de Controle de Operações do Trânsito é composto por um painel de nove telas, por meio do qual é observada toda a movimentação do trânsito, captada por 36 câmeras fixas instaladas em pontos estratégicos dos principais corredores urbanos da cidade e mais 32 câmeras com rotação de 360 graus e de longo alcance. “A alta capacidade de angulação desses equipamentos permite a captação de imagens em um raio de até um quilômetro de distância, possibilitando maior observação e visibilidade das infrações cometidas pelo condutor”, explicou Canindé Barros.

O sistema de monitoramento do CCO é composto ainda pela Central de Multas, que recebe a imagem da infração em tempo real; e a Central de Rádio, para controle e repasse de informações aos agentes de trânsito em trabalho nas ruas da cidade, garantindo maior agilidade ao atendimento nas ocorrências de colisões, congestionamentos e outras abordagens de competência da SMTT.

Das câmeras com maior capacidade de observação, cinco já foram implantadas nas avenidas Holandeses, Guajajaras, Marechal Castelo Branco, Jerônimo de Albuquerque e no Bacanga. Outras cinco câmeras serão instaladas em vias da região central da cidade, entre elas a Beira Mar, Guaxenduba, Magalhães de Almeida, Carlos Cunha e outra na Forquilha. Outros 10 equipamentos de igual capacidade de captação de imagens serão instalados, também, nas regiões da Cidade Operária, Anjo da Guarda e São Cristóvão.

O sistema, além de permitir a autuação de infrações como uso do celular, vai fiscalizar infrações como a formação de filas duplas, estacionamento e conversões irregulares, uso das faixas exclusivas de transportes, atalhos por cima de canteiros, avanços de sinal vermelho, entre outras situações.