Aplicativo para o turismo de São Luís será apresentado nesta terça

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), promove nesta terça-feira (12), às 8h30, no Costa Atlântico Hotel, mais uma edição do projeto “Café com Trade”. O evento reunirá empresários e instituições ligadas ao setor turístico na capital maranhense. Na ocasião, será lançado o aplicativo Turismo São Luís, que reunirá os principais temas da capital e pontos turísticos, que poderão ser acessados de qualquer lugar do mundo.

De acordo com a secretária de Turismo, Socorro Araújo, o momento também é um espaço para diálogo dos empresários com o poder público municipal. “O prefeito Edivaldo estabeleceu como uma das marcas da gestão o diálogo com os integrantes do setor. Neste evento, eles podem apresentar ideias para a melhoria do turismo na cidade. Também é um momento fortuito para o estreitamento de laços do poder público com o trade turístico”, disse ela.

O “Café com Trade” é realizado em parceria com os hotéis, que oferecem o espaço e o café da manhã, para incentivar o debate em relação a atividade turística na capital maranhense.

Além de dialogar com os empresários e representantes de entidades ligadas ao turismo, o encontro desta terça-feira também servirá como um balanço das ações deste ano e auxiliará o planejamento das ações direcionadas à área.

De Agência São Luís.

Prefeitura de São Luís e Iphan vão reformar Praça Dom Pedro II

A Praça Dom Pedro II, no Centro Histórico, um dos mais significativos espaços públicos da capital, vai ser reformada. A área é referência por concentrar as sedes dos três poderes administrativos – municipal, estadual e judiciário -, além da Igreja da Sé, sendo um atrativo turístico.

O Termo de Compromisso para a realização das obras foi assinado entre a Prefeitura de São Luís e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), na tarde desta quinta-feira (7). As obras iniciam no primeiro semestre do próximo ano e contemplam ainda a fonte e a escultura Mãe d’Água, de autoria do escultor maranhense Newton Sá, que serão restauradas.

Durante a assinatura do Termo de Compromisso, o prefeito Edivaldo ressaltou a relevância do projeto de recuperação.

“Essa obra é importante para o turismo e história da cidade. Tem um grande significado para a população, por ser um espaço de referência do nosso patrimônio arquitetônico e um dos mais visitados pelos maranhenses e turistas. É o retorno à sociedade que ansiava pela recuperação deste espaço e pela visibilidade mundial que confere à nossa cidade”, pontuou o prefeito.

Os monumentos que agrega e o poder que concentra, faz da área um espaço de referência e preciosidade histórica e arquitetônica da capital, avaliou a presidente do Iphan Nacional, Kátia Bogéa.

“Com essa obra ampla a praça vai recuperar toda sua grandiosidade como elemento artístico desse espaço tão importante para a compreensão da evolução urbana de São Luís, que é Patrimônio Mundial. E ainda, com todos os demais elementos arquitetônicos significativos como a Igreja da Sé, Museu de Arte Sacra, Praça Benedito Leite e os palácios La Ravarière e Leões, o turista vai encontrar a área fundacional da cidade totalmente recuperada”, ressaltou.

“Havia um clamor popular pela revitalização dessa praça e retorno da escultura. Com essa parceria será restaurado e requalificado todo aquele espaço, devolvendo o equipamento urbano a São Luís”, destacou o superintendente do Iphan-MA, Maurício Itapary.

O espaço terá modificado os canteiros, no trecho da fonte e em toda a praça, incluindo as áreas dos palácios do Governo e Município; colocação de novos bancos de concreto e outros de madeira com encosto; melhoras no calçamento; e ações de acessibilidade com faixa de pedestre elevada de acesso à Igreja da Sé; novo revestimento da fonte; e restauração da Pedra Portuguesa. A área vai receber ainda melhorias no sistema de iluminação pública com a troca de lâmpadas e instalação de luminárias artísticas na fonte.

A secretária municipal de Turismo (Setur), Socorro Araújo, expressou sua satisfação pelo compromisso firmado.

“É um presente para o turismo da nossa cidade, sobretudo neste momento em que comemoramos duas décadas do título de Patrimônio Mundial. Esta medida reforça o trabalho que a Prefeitura vem promovendo na revitalização dos espaços históricos. Temos trabalhado muito em projetos de atração do turista e nada melhor que apresentar espaços preservados e cuidados”, enfatizou a gestora.

Participaram ainda da solenidade de assinatura a primeira-dama, Camila Holanda; o presidente do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Estado do Maranhão (Sinduscon-MA), Fábio Nahuz; e representantes da empresa que vai realizar a obra estrutural.

SAIBA MAIS

A escultura Mãe d’Água ficava no meio do chafariz, na Praça Dom Pedro II. À noite, os refletores eram ligados com luzes de diferentes coloridos, instaladas no entorno da fonte, embelezando o local e atraindo turistas. Por ser alvo de vandalismo, a escultura foi retirada do local.

A obra é do artista Newton Sá, um dos mais destacados escultores maranhenses. O trabalho recebeu premiação no Salão de Artes do Rio de Janeiro. A escultura está atualmente guardada no prédio do Museu Histórico e Artístico do Maranhão (MHAM), na Rua da Paz.

Última parcela do IPTU-2017 vence nesta quinta-feira (7)

O prazo para pagamento da última parcela do IPTU-2017 de São Luís vence amanhã, 7 de dezembro. O boleto pode ser retirado no portal da Semfaz.

Contribuintes que deixarem de efetuar o pagamento poderão ainda atualizar o débito com juros e multa de até 10% sobre o valor da parcela.

O imposto pode ser pago ainda pelo carnê enviado aos contribuintes no começo do ano.

Prefeitura entrega à população Ecoponto Cidade Operária, o oitavo em funcionamento em São Luís

A Prefeitura de São Luís entregou, nesta segunda-feira (4), o Ecoponto Cidade Operária. Localizado na Avenida Este 203, próximo do Campo do Real, este é o oitavo equipamento do tipo entregue pela Prefeitura de São Luís à população. O bairro, que já é atendido pelo Ecoponto Jardim América, agora tem um espaço próprio para o descarte de material reciclável, restos de construção civil e capina. Na ocasião, crianças atendidas por um projeto de educação ambiental do bairro participaram de um plantio de mudas de árvores.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela, destaca que a entrega do Ecoponto Cidade Operária faz parte das ações de fortalecimento das políticas públicas na região colocadas em prática na gestão do prefeito Edivaldo. “A área já tem o Ecoponto Jardim América, que recebe uma grande demanda diária de resíduos sólidos descartados. Agora, parte desta demanda vai ser concentrada no Ecoponto Cidade Operária. Para 2018, planejamos o Ecoponto Cidade Olímpica. Em função do grande contingente populacional, a região gera grande quantidade de resíduos sólidos descartados irregularmente. Com os Ecopontos vamos melhorar a limpeza urbana na área”, afirma Carolina Moraes Estrela.

Desde o início das obras, a comunidade da Cidade Operária começou a ser mobilizada por meio de reuniões para apresentar o projeto dos Ecopontos, informar sobre sua finalidade, o porquê da escolha da área entre outras informações. Também foram feitas ações porta a porta em parceria com entidades do bairro.

LIMPEZA

Durante a abertura do espaço, as crianças receberam diversas informações sobre o sistema de limpeza urbana, reciclagem, coleta seletiva e sustentabilidade. Eles também conheceram as instalações e o funcionamento do Ecoponto. “Eu acho o Ecoponto importante porque evita o desperdício de material que pode ser reciclado, como as garrafas de plástico e o local também ajuda a proteger o meio ambiente”, disse Caíque Martins, 9 anos.

Após a visita guiada pelo Ecoponto, as crianças participaram de uma ação de plantio de mudas no entorno do equipamento. Entre as espécies plantadas estavam ipês e pau-brasil. Antes do plantio, as crianças aprenderam como tratar o solo, como regar as mudas, que nutrientes são necessários para o desenvolvimento de uma árvore frondosa e a importância de se arborizar a cidade, que ganha mais áreas com sombras, o solo fica mais protegido da erosão e animais como pássaros têm mais árvores onde se abrigar e fazer seus ninhos. Durante a atividade as crianças ficaram muito animadas e quiseram participar de todo o processo do plantio.

ECOPONTO CIDADE OPERÁRIA

A estrutura do Ecoponto Cidade Operária segue o modelo dos demais já em funcionamento. Cada Ecoponto conta com instalações sanitárias, estacionamento, setores de recebimento e acondicionamento temporário dos materiais e área de manobra de equipamentos e veículos, além da parte administrativa. O espaço conta ainda com quatro baias de alvenaria cobertas e sinalizadas, para a deposição do material coletado. As placas de identificação seguem os padrões definidos de coleta seletiva: amarelo para metal, azul para papel, vermelho para plástico e verde para vidro.

O projeto de criação dos Ecopontos foi uma determinação do prefeito Edivaldo e foi desenvolvido para atender os geradores e transportadores de pequena quantidade de resíduos, com volumes inferiores a 2m³, transportados por veículos como pick-up, carrinhos de mão ou carroças. Os condutores de veículos de tração animal são os grandes usuários destas unidades, pois têm como principal atividade o transporte de resíduos.

Na medida em que oferecem alternativas ao descarte irregular, esses equipamentos também contribuem para a diminuição dos criadouros do mosquito Aaedes aegypti e, por consequência, das doenças causadas pelo inseto, como o zika vírus, chikungunya e a dengue.

SAIBA MAIS

Onde já tem Ecopontos?
 Ecoponto da Avenida dos Africanos
Avenida dos Africanos, s/nº, Bairro de Fátima, entrada do Parque Amazonas;
– Ecoponto do Angelim
Rua 27, s/nº (antes do Makro, próximo ao Restaurante Chico Noca);
– Ecoponto do Bequimão
Avenida 1, s/nº, Bequimão;
– EcopontoTuru
Travessa G, s/nº, Habitacional Turu;
– Ecoponto Jardim América
Avenida 03, s/nº, Jardim América (Ao lado da União de Moradores)
– Ecoponto Jardim Renascença
Rua Netuno, próximo à Paróquia de São Paulo Apóstolo
-Ecoponto Residencial Esperança
Rua Doutor Ribeiro, s/nº, Residencial Esperança
– Ecoponto Cidade Operária
Avenida Este 203, s/nº, próximo ao Campo do Real

Que materiais são recebidos nos Ecopontos?
ELETRÔNICOS: televisão, monitores, celular, impressoras, mouses, teclados, etc – até três unidades
ENTULHO: resíduos de construção civil, como tijolos, telhas, gessos etc – até 2m³ (volume de uma caixa d’água de 2 mil litros)
MADEIRAS: até 2m³ (volume de uma caixa d’água de 2 mil litros)
ÓLEO DE COZINHA: até 5 litros
PNEUS: até 4 unidades
PODAS DE ÁRVORE E RESTO DE CAPINA: até 2m³ (volume de uma caixa d’água de 2 mil litros)
RECICLÁVEIS: plástico, papel, isopor, metais, vidros, etc (até 300 litros – 3 sacos grandes)
VOLUMOSOS: móveis, sofás, colchão etc (até dois volumes)

Que materiais os Ecopontos não recebem?
Lixo doméstico
Animais mortos
Resíduos hospitalares
Resíduos perigosos/contaminados: pilhas, baterias, lâmpadas, cartuchos/tonner etc

Qual o horário de funcionamento dos Ecopontos?
Segunda-feira à Sábado, das 7h às 19h

Informações:
Central de Atendimento do Comitê Gestor de Limpeza Urbana: 0800 098 1636.

Show de música, teatro, ballet e efeitos especiais no primeiro fim de semana do Natal de Todos

A programação do primeiro fim de semana do Natal de Todos em São Luís ofereceu ao público um espetáculo de magia e encanto em diversos espaços da cidade. Quem esteve no Palácio dos Leões (Centro Histórico), Praça da Lagoa, Parque do Itapiracó e Espigão Costeiro pode conferir um espetáculo de luzes, cores, música, teatro, dança, tudo isso aliado às belezas históricas e naturais dos espaços.

Palácio dos Leões
O aparecimento do Papai Noel na sacada do Palácio dos Leões foi um dos momentos emocionantes da festa de abertura da programação natalina em São Luís na sexta-feira (1º). Parte de uma singela encenação onde uma menina envia sua carta dentro de um balão, Papai Noel fez da sua presença um presente para todas as crianças que correram para abraçá-lo.

O destaque do primeiro dia ficou por conta dos efeitos especiais projetados na fachada do Palácio dos Leões, na cerimônia de abertura do Natal de Todos, que emocionou o público com as cores, música e imagens representando o natal, a cultura e as belezas do Maranhão.

Outras apresentações da abertura foram do Coral Infantil Amor e Vida, formado por crianças da Cidade Operária, e do musical ‘Natalina da Paixão’, da Cia. Barrica, que encantou o público com seus cânticos e ladainhas que celebram os festejos de Natal e da Quaresma.

Parque do Itapiracó
Uma das novidades do Natal de Todos deste ano foi a inclusão da programação natalina na Reserva Ambiental do Itapiracó. O lugar foi um dos pontos da cidade que passou por investimentos de recuperação e revitalização realizados pelo Governo.

Na noite de sábado (2), no Itapiracó, a chegada do Papai Noel fez a festa da criançada que fez fila para as fotos e entrega de balões e saquinhos de bala, distribuídos gratuitamente.

Ana Gabriela, 9 anos, estava lá e falou da importância do Natal. “Para mim é importante porque representa o nascimento de Jesus, e hoje eu fiquei também muito feliz porque conheci o Papai Noel, ganhei presentes e foi uma noite bem legal”, comemorou.

Outra participante da festa foi Marina Oliveira, mãe dos pequenos Ana Laura, de 3 anos, e João Victor, de 2 anos. “Eu moro no bairro do Turu e como a programação é perto da minha casa, trouxe meus filhos para conhecer o Papai Noel e se divertirem nesse clima natalino. Ver a felicidade nos olhinhos deles, faz meu coração vibrar de alegria”, contou.

Além de proporcionar momentos em família, o Natal de Todos também favorece a criação de centenas de postos de trabalho a cada dia de programação. Para o vendedor ambulante José Clementino, de 53 anos, a noite de sábado foi boa. “Hoje consegui vender muito bem. Essa programação de Natal aqui na Reversa do Itapiracó vai me ajudar a ter um dinheirinho a mais nas festas de fim de ano”, disse.

Praça da Lagoa
A Praça da Lagoa da Jansen ficou lotada no sábado (2), com famílias, jovens e crianças. Um momento marcante foi a apresentação do espetáculo teatral ‘Mariazinha e seu sonho de Natal’, da Cia Cambalhotas. As crianças invadiram o palco e se divertiram com os atores.

Outro destaque da noite foi o Ballet Olinda Saul: ‘Suíte de Coppelia’, do projeto dança criança, e, também, o boneco do Papai Noel gigante que deu as boas-vindas aos visitantes da noite.

A aposentada Odette Saraiva, avó de Maria Clara de apenas 3 anos, disse ter ficado encantada com tudo, desde a decoração da Pracinha da Lagoa até os espetáculos apresentados.
“Trouxe a Maria Clara para brincar, eu sabia da programação só que não imaginei que fosse ser tão mágico. As renas, o Papai Noel, as luzes, o ballet, o teatro estavam tudo muito lindo. Pelo que eu estou vendo, o Natal do nosso estado não perde em nada em relação aos das outras cidades”, disse a aposentada.

A Geovanna, de 6 anos, disse que a sua parte favorita da noite foi a chegada do Papai Noel, pois nunca o tinha visto pessoalmente, a menina ainda aproveitou para entregar a sua cartinha para pedir o seu sonhado presente.

“Eu entreguei a minha cartinha para o Papai Noel e pedi uma bicicleta da Frozen. Não sei como ele vai entrar na minha casa para deixar o meu presente, na minha casa não tem chaminé, mas ele é o Papai Noel, então vai dá um jeito ou pedir para algum duende”, falou a pequena Geovanna.

Forte de Santo Antônio
No domingo (3), outro espaço da cidade foi palco da programação do Natal de Todos, o Forte Santo Antônio, que contou com apresentação do Coral Infantil Uirapuru e do espetáculo ‘Natalina da Paixão’.

A chegada do Papai Noel também foi outro momento emocionante e que encantou as crianças que se encontravam no espaço.

A projeção do vídeo mapping na fachada do Forte marcou a noite com efeitos que emocionaram além da beleza do lugar. O Forte integra o complexo do Espigão da Ponta d’Areia, orla turística da cidade, com vista para a baía de São Marcos.

Segurança
Policiais e bombeiros ficaram de prontidão nos lugares de programação. Os policiais fizeram rondas e o Corpo de Bombeiros realizou investidas de fiscalização e prevenção, com o posto de atendimento preparado para atender qualquer tipo de emergência.

O secretário de Estado de Cultura e Turismo, Diego Galdino, destacou a disposição do Governo em realizar uma festa cada vez mais bonita para as pessoas. “É um momento de alegria e por isso preparamos uma programação diversificada até o fim do mês, estendemos a programação para novas áreas, instalamos um boneco de Papai Noel de cinco metros e meio na Praça da Lagoa, e durante todo os dias do mês de dezembro as pessoas poderão ver na fachada do Palácio dos Leões a projeção de vídeo mapping, uma das mais modernas do mundo”.

Órgãos do Governo do Estado, em São Luís, não terão expediente no dia 8 de dezembro

O Governo do Maranhão informa que, no dia 8 de dezembro, não haverá expediente nos órgãos estaduais que funcionam em São Luís, com exceção daqueles que prestam serviços considerados de natureza essencial. Neste dia é feriado municipal na capital maranhense, data em que se comemora o Dia de Nossa Senhora da Conceição.

O calendário de Feriados e Pontos Facultativos é estabelecido por meio do Decreto de nº 32.554 de 19 de dezembro de 2016. Os feriados declarados em leis municipais serão observados pela administração do Estado, em suas respectivas localidades de funcionamento, conforme instituído no artigo 3º deste decreto.

Oito de dezembro é feriado municipal em São Luís, conforme estabelecido na Lei Municipal nº 3.432, de 6 de fevereiro de 1996.

Operação Resgate realiza ação com dependentes químicos no João Paulo

Gilson Ferreira/JP

Uma força tarefa integrada pela Polícia Civil, o Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas (Caps-AD) e a Coordenação de Abordagens da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), realizou, nesta terça (28), a 11ª edição da Operação Resgate, na região do bairro conhecida como “cracolândia”.

Durante a operação, foram realizados testes de saúde, concentrados na Av. Projetada, em uma tenda montada nas primeiras horas da manhã, próximo à feira do bairro.

Das 10 pessoas atendidas, uma foi encaminhada para o Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas, no Monte Castelo. Esta foi a segunda operação em 15 dias.

Somente este ano 16 pessoas em situação de rua foram mortas nas ruas de bairros centrais de São Luís.

De Redação, com informações de Jornal Pequeno.

Equipes trabalharão sem pausa para trocar adutora de Italuís e pôr fim a cortes de água na capital

A operação para instalar a nova adutora do Sistema Italuís vai ser feita de modo incessante, sem pausas. Três equipes de cerca de 30 profissionais da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) vão se revezar para garantir o resultado dos trabalhos. A nova estrutura de 19 quilômetros de extensão será colocada entre as 6h do dia 6 de dezembro (quarta-feira) até as 6h do dia 9 de dezembro (sábado).

A troca vai aumentar em 30% o abastecimento de água para 600 mil pessoas em São Luís, além de colocar fim aos frequentes cortes de água provocados pela precária estrutura da antiga adutora, que não recebeu os investimentos que deveriam ter sido feitos nas últimas décadas.

Durante as 72 horas em que será instalada a nova adutora, 159 bairros da capital ficarão sem abastecimento de água. A interrupção é essencial para fazer a substituição da extensa estrutura.

Esses mesmos 159 bairros da capital terão, depois da troca, melhora significativa no abastecimento de água.

Como será

A água que chega a São Luís é captada no Rio Itapecuru, logo após a cidade de Bacabeira. Depois, ela é tratada em estação própria. Em seguida, percorre a adutora, que fica às margens da BR-135, até a câmara de transição situada no bairro do Tirirical.

A instalação da nova adutora vai começar com o esvaziamento do trecho de 19 quilômetros que será substituído. Isso deve levar de seis a oito horas. Em seguida, com a estrutura seca, serão feitos dois cortes correspondentes às extremidades destes 19 quilômetros.

Na região do Campo de Perizes, perto de onde a água é captada, uma estrutura em Y de 15 metros vai fazer a ligação com a nova adutora. O outro braço dessa estrutura em Y vai ser ligado à antiga adutora. Na região já dentro da Ilha, na outra extremidade da nova adutora, outra estrutura em Y, de 4 metros, fará a ligação das adutoras nova e antiga com a parte mais próxima à distribuição da água.

A antiga vai deixar de operar, mas ainda vai existir. “A Caema teve a decisão de manter a antiga porque, se futuramente precisar fazer manutenção da nova, a gente desvia a água para a antiga”, diz Antonio Pereira Sales Júnior, coordenador de Projetos e Obras da companhia.

A adutora antiga não aguenta a mesma pressão da nova, por isso, nesse caso citado por Sales Júnior, haveria redução da vazão. “Mas já não faltaria mais água”, acrescenta. Depois de colocadas as duas estruturas em Y, é hora de encher a nova adutora. Em seguida, o abastecimento de água volta com muita mais força e eficiência.

Campanha

A Caema fará campanha para informar amplamente os moradores sobre a parada de 72 horas entre os dias 6 e 9 de dezembro.

A recomendação é que os moradores desses 159 bairros economizem e armazenem água para esse período de três dias sem abastecimento.

Prefeitura entrega equipamentos agrícolas e incentiva produção rural em São Luís

Produtores da capital estão sendo beneficiados com equipamentos agrícolas, que permitem o aperfeiçoamento de suas atividades diárias. Na manhã desta quinta-feira (23), o prefeito Edivaldo entregou, em solenidade realizada na sede da Semapa, equipamentos para auxiliar os trabalhadores desde o plantio até a comercialização dos produtos. A ação, coordenada pela Secretaria Municipal de Pesca e Abastecimento (Semapa), integra o trabalho realizado pela gestão municipal para o fortalecimento da agricultura familiar em São Luís.

Entre os equipamentos, adquiridos com recursos federais – via Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – e contrapartida da Prefeitura, estão uma pick up 4×4, três caminhões 3×4 e três freezers, além de equipamentos periféricos para trator. “Nosso trabalho consiste em nos esforçar, mesmo em tempos de crise, para tornar a cidade um lugar cada vez melhor para se viver. Com ações como essa, temos investido não só na produção agrícola como na comercialização de produtos de qualidade e no desenvolvimento econômico de nossa cidade. Assim, vamos juntos avançando para uma São Luís melhor, onde os produtores contam com o apoio do poder público para desempenhar o seu trabalho”, ressaltou o prefeito Edivaldo.

Além dos veículos, a Prefeitura entregou ainda equipamentos periféricos dos tratores, como dois pulverizadores, duas enxadas rotativas, uma retroescavadeira agrícola, duas grades armadoras, duas roçadeiras de arrasto, duas semeadoras de 400L e uma plaina dianteira 350. Os instrumentos ficarão à disposição dos produtores e de suas associações e serão disponibilizados pela Semapa mediante solicitação.

Ao lado do prefeito Edivaldo, o vice-prefeito Julio Pinheiro reforçou a importância do apoio da gestão municipal e das parcerias para o desenvolvimento econômico da cidade. “São Luís é uma das poucas capitais brasileiras que contam com uma produção agrícola expressiva. Estamos considerando esse dado de forma vantajosa ao investir na aquisição de instrumentos importantes como esses, que facilitam o trabalho dos produtores. Dessa forma, valorizamos ainda mais a atividade e os profissionais, contribuindo para um aumento considerável na produção”, disse.

O secretário municipal de Pesca e Abastecimento, Ivaldo Rodrigues, reforçou o objetivo do investimento. “Estamos, juntos, construindo uma política de desenvolvimento agrário para a nossa cidade, que é uma das poucas do Brasil com produção rural na capital. Através de parcerias, estamos driblando a crise e investindo em ações como essas. Assim, vamos avançando no fortalecimento dessa política e beneficiando cada vez mais os produtores”, destacou o secretário.

IRRIGAÇÃO

Em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura Familiar (SAF), os produtores também passam a contar com dois kits de irrigação, que contribuem para aumento da produção e variedade de alimentos. “O caminho para o desenvolvimento do município certamente passa pelo fortalecimento da agricultura familiar. Esse investimento do município é muito acertado, por isso apoiamos essa iniciativa oferecendo, inclusive, apoio técnico às famílias”, reforçou o secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, representando o governador Flávio Dino durante a solenidade.

Os equipamentos beneficiarão cerca de 400 produtores rurais assistidos pela Semapa, representados na solenidade por associações e movimentos como a Associação de Moradores Ilha Pequena Jacamin, a Associação de Produtores Rurais e Cidadania da Terra do Rumo, a Associação do Parque da Juçara, a Associação de Produtores e Feirantes das Feiras Livres de São Luís e o Grupo de Damas da Roça.

O presidente da Associação de Produtores e Feirantes das Feiras Livres de São Luís, Reginaldo Cantanhede, contou como os equipamentos favorecem os trabalhadores. “Vai ajudar não só na produção, mas também no transporte para a comercialização. Grande parte dos feirantes são produtores também e o caminhão, por exemplo, servirá para o transporte dos produtos, que é uma dificuldade de muitos deles”, disse.

A representante do grupo de mulheres Damas da Roça, Maria Máxima Pires, também avaliou positivamente a iniciativa do poder público municipal. “Esse trabalho na área da agricultura sustentável, realizado pelos produtores de São Luís, fortalece o mercado e, com ações assim, vem sendo realizado de forma mais planejada e bem equipada. Percebemos que há uma preocupação da gestão do prefeito Edivaldo em dar ao trabalhador a oportunidade e a possibilidade de, além de produzir, comercializar seus produtos”, acrescentou.

MAIS AÇÕES

A Prefeitura de São Luís tem investido fortemente em políticas públicas com o objetivo de garantir a autonomia dos agricultores do Agropolo de São Luís. A aquisição dos equipamentos soma-se a outras iniciativas já implementadas pelo município com esse objetivo, como a entrega de aproximadamente uma tonelada de sementes de milho e 13 toneladas de sementes diversas à cerca de duas mil famílias de agricultores.

Também já foram entregues quatro toneladas de ração para peixe, tratores agrícolas, patrulhas rurais, cinco mil mudas de juçara precoce, kits de irrigação e caminhão refrigerador, entre outras ações.

Confira a agenda cultura para este fim de semana em São Luís

Filme maranhense “Vento Menino” é exibido no Cine Teatro da Cidade

Baseado em uma história real, ocorrida no interior do Maranhão, na cidade de Primeira Cruz, o filme ‘Vento Menino’ será exibido no Cine Teatro da Cidade na sexta-feira (24), às 19h. O curta-metragem de ficção foi contemplado no II Edital de Audiovisual do Maranhão e conta, de forma sutil e poética, a história de Piaba, uma criança de uma sensibilidade tamanha, que é capaz de “enxergar” e entender o vento. Tendo como mote uma história real, o filme se passa numa vila de pescadores e navega na misteriosa e profunda imensidão, quase esquecida, do mundo audível. O Cine Teatro fica localizado na Rua do Egito, 244 – Centro.

Cine Teatro exibe programação da XII Semana do Teatro no Maranhão

O Cine Teatro da Cidade recebe programação da XII Semana do Teatro no Maranhão na terça-feira (28), às 19h, com a “Mostra Estrelinha – O Golpe do Baú”. O evento é promovido pelo Teatro Arthur Azevedo e tem caráter itinerante, levando espetáculos para diversos espaços da cidade, entre eles: Pequena Companhia de Teatro, Espaço GUT, Teatro Alcione Nazaré e Ballet Olinda Saul. O Cine Teatro fica localizado na Rua do Egito, 244 – Centro.

Espaço Amei

A programação do Espaço Cultural e Livraria Maranhense AMEI desta sexta-feira (24), das 14h às 22h, conta com o I Festival Maranhense de Filosofia, idealizado pelos professores Marco Rodrigues e André Luís Castro. O relançamento do livro “O gato que queria ser sapo”, de Cleo Rolim, acontece no sábado (25), das 17h às 18h30. Já na segunda-feira (27), das 19h às 20h30, tem a comemoração de cinco anos do Lançamento do livro “A Grande Música do Maranhão Imperial”, de Alberto Dantas Filho. A reunião do Centro de Mediação e Arbitragem do Grêmio Litero Recreativo Português vai ser na terça-feira (28), das 19h às 20h30.

Exposição com esculturas de Miguel Veiga é prorrogada na Galeria Trapiche

A exposição “Corpo Quântico De Unicidade” do artista plástico maranhense Miguel Veiga teve sua exibição prorrogada até o dia 1º de dezembro, na Galeria Trapiche Santo Ângelo, equipamento de cultura da Prefeitura de São Luís. A mostra, que reúne esculturas feitas a partir de formas copiadas no corpo do artista e desconstruídas, pode ser visitada das 14h às 19h.