Número de viaturas da PM cresce 86% em pouco mais de 3 anos no Maranhão

Entre as mais de mil novas viaturas entregues desde 2015 para a Segurança Pública do Maranhão, 825 foram para a Polícia Militar. Isso representa um salto de 86% na frota da corporação em pouco mais de três anos.

Até 2014, o Maranhão tinha 960 carros e motocicletas para os policiais militares. Hoje são 1.785. Contando também as viaturas da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros, o total chega a quase 2.700 unidades.

Os novos carros entregues desde 2015 são equipados com tecnologia de monitoramento, comunicação e tração, adequados para uso nas áreas de litoral e de difícil acesso.

Isso permitiu que a distribuição dos veículos fosse realizada de forma estratégica para garantir a eficácia do uso e para que todos os grandes comandos espalhados pelo Estado recebessem viaturas.

De acordo com o Comando da PM, a estratégia de distribuição considerou, entre outras vertentes, o tipo de policiamento, a natureza do terreno e a população atendida.

“Esse investimento duplo, material e pessoal, que o governador tem feito no sistema de Segurança possibilita uma atuação forte em todos os campos, tanto na parte operacional, na de inteligência, quanto na de investigações”, diz o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela.

O comandante geral da Polícia Militar, Jorge Luongo, diz que desde que entrou para a corporação, há 25 anos, nunca viu um momento como este em relação ao cuidado com a Segurança Pública. “Este governo vem investindo fortemente, teremos a entrada de novos PMs, a capacitação está sendo um marco para a polícia.”

“E também temos investimentos em viaturas e armamentos. Temos realmente viaturas em todo o Maranhão, não apenas carros pintados de viaturas”, acrescenta o comandante da PM.

Prefeitura capacita Agentes de Trânsito para condução de viaturas em situação de emergência

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), dando seguimento à política implementada pelo prefeito Edivaldo que visa garantir mais segurança ao trânsito da cidade, promoveu o II Curso de Condução Avançada em Operações de Segurança (II CAOS). O intuito foi aperfeiçoar as operações de trânsito que envolvem a utilização de viaturas nas avenidas e ruas da capital. O curso, que começou na última segunda-feira (12) e foi encerrado nesta quarta-feira (14), terá a cerimônia de certificação sexta-feira (16). A capacitação foi ministrada pela Escola de Governo e Gestão Municipal (EGGEM) e envolveu 80 agentes de trânsito, além de profissionais de instituições de segurança pública.

Com as aulas, o agente condutor de viatura (automóveis e motocicletas) aperfeiçoou suas ações em situações de emergência, urgência ou perigo, preparando-o para desgastes físicos e psicológicos e aprimorou os conhecimentos sobre o funcionamento do veículo, assim como, noções de operações de escolta e batedores. Entre as disciplinas que integraram a grade curricular do curso estão História do automóvel; Mecânica básica de veículos automotores; Direção defensiva, ofensiva e evasiva; Escolta e batedores; Direção sob estresse; e Prática veicular (manobras em ambiente controlado).

Indispensável ao trabalho dos agentes de trânsito, as viaturas são usadas nas diligências e no deslocamento para o atendimento de demandas diversas no trânsito de São Luís. Chegar rápido para desobstruir ou mesmo orientar e pode resultar no perfeito funcionamento do trânsito. Por isso a necessidade de condução com agilidade e segurança para garantir a fluidez.

SEGURANÇA

Para o coordenador de fiscalização de trânsito da SMTT, Adriano Medeiros, a capacitação vai melhorar as operações de fiscalização do trânsito. “A direção de uma viatura não é a direção comum de um veículo de passeio normal, exige muito mais habilidade do agente, muito mais controle emocional, por que o agente de trânsito tem que chegar muito mais rápido no local e para isso tem que ter técnica de pilotagem avançada que são aplicadas no dia a dia, onde ele vai desenvolver maior velocidade com maior segurança, não só pra os agentes de trânsito, mas para todos usuários da via”.

O curso foi ministrado no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), localizado na BR 135, Tiribi, em São Luís. O agente de trânsito Jackcydenes Lindoso está participando do curso pela primeira vez. “A capacitação tem sido de grande aprendizado individual e coletivo para benefício da sociedade. Atividades de deslocamento de viaturas em locais de difícil acesso, embarque e desembarque em situações de emergência e práticas de deslocamentos de viaturas com obstáculos na via com tempo estipulado, são ações que nos deparamos diariamente”, diz.

“Nosso estado é reconhecido nacionalmente como o 2º no país que mais investiu em segurança”, destaca Flávio Dino

O governador Flávio Dino entregou nesta segunda-feira (5), no Palácio dos Leões, mais uma remessa de veículos para auxiliar nas ações de policiamento no interior do estado, um importante reforço para o combate ao crime e fortalecimento das ações de segurança no Maranhão.

As 20 novas viaturas, que serão distribuídas em bases da Polícia Militar do Maranhão (PMMA), são equipadas com tecnologia adequada para o trabalho de monitoramento e comunicação, fazendo com que o Governo chegue a marca de mais de 900 veículos entregues para o sistema de segurança pública.

“Hoje o jornal Folha de São Paulo mostra o grande investimento de Segurança Pública que nós estamos fazendo. Enquanto grande parte dos estados diminuiu os investimentos, nosso estado é reconhecido nacionalmente como segundo no país que mais investiu em segurança no período de 2015 a 2017”, destaca o governador Flávio Dino.

Os novos carros são totalmente adaptados com modernos equipamentos e tecnologias resistentes, com potência e tração nas quatro rodas podendo adentrar todos os tipos de áreas. São adequados para uso por policiais nos serviços operacionais e também na transferência de presos no compartimento apropriado.

“Com essa entrega, mostramos na prática esse investimento. São mais policiais, mais viaturas, mais inteligência policial, mais equipamentos, armamentos e munições. Nós mostramos nacionalmente qual é o caminho com o crescimento de 26% nos investimentos de segurança pública e essa é a principal razão pela qual, diferente de outras partes do país, nós termos estatísticas declinantes de criminalidade”, completa Flávio Dino.

Para a nova entrega, o governo estadual investiu aproximadamente R$ 2,5 milhões. Um novo aporte para o programa de reestruturação da Segurança Pública, promovido desde o início da gestão Flávio Dino.

Municípios Contemplados

Receberam as novas viaturas, as cidades de Açailândia (duas viaturas), Bernardo do Mearim, Brejo de Areia, Buriticupu, Carutapera, Icatu, Junco do Maranhão, Magalhães de Almeida, Milagres do Maranhão, Primeira Cruz, Santa Luzia, Santana do Maranhão, São Félix de Balsas, São João do Paraíso, Vitória do Mearim. Outras quatro viaturas foram entregues aos grupos de Força Especial da PM, o Comando de Operações e Sobrevivência em Áreas Rurais (Cosar) e Comando de Ações Táticas Especiais (CATE).

O prefeito de Carutapera, André Dourado, destaca a importância de receber o novo equipamento de segurança. “É muito importante receber essa viatura porque somos uma cidade de divisa e portuária. Então a segurança precisava ser reforçada e foi o que o governador Flávio Dino fez quando dobrou o contingente de policiais no município, quando autorizou a instalação de uma Unidade Tática das Cidades, quando comprou mais armamentos e agora com a entrega dessa nova viatura”, conta André Dourado.

Estratégia

O mapa de distribuição das novas viaturas segue a política estratégica de combate à criminalidade estabelecida pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), que vem gerando resultados positivos como a redução dos registros de criminalidade, como explica o secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela.

“Nós temos uma escala decrescente no conjunto de crimes no estado no Maranhão. Notadamente, em fevereiro, com relação a 2014, nós temos 60% de redução de homicídios e já ultrapassamos em três vezes a meta estabelecida pelo governo federal para os 4 anos no crime de homicídio”, conta o secretário de Segurança.

“Esse investimento duplo, material e pessoal, que o governador tem feito no sistema de segurança possibilita uma atuação forte em todos os campos, tanto na parte operacional, na de inteligência, quanto na de investigações”, finaliza Jefferson.

Reconhecimento Nacional

O Maranhão é segundo Estado em todo o Brasil que mais aumentou os investimentos em Segurança Pública, de acordo com reportagem publicada no jornal Folha de São Paulo.

A publicação destaca que entre 2015 e 2017, o Governo do Maranhão ampliou em 26% os investimentos na área, atrás apenas do Piauí. Em números absolutos, foram mais de R$ 1,5 bilhão investidos pelo Maranhão no combate à violência em 2017.

Governo entrega 22 novas viaturas para o Sistema Penitenciário

O Governo do Estado entregou mais 22 novas viaturas, totalmente equipadas, e aparelhos de segurança, sob gestão da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap). Com essa nova frota, chega a 115 o total de veículos adquiridos, pela nova gestão, para dinamizar os trabalhos de logística no âmbito prisional.

Entre os automóveis estão: duas caminhonetes Ford Ranger para o Grupo Especial de Operações Penitenciárias (Geop), uma do mesmo modelo para o Núcleo de Escolta e Custódia (NEC); e 19 furgões para demais atividades de translado da pasta. “Nesse momento de fim de ano devemos comemorar os êxitos e avanços alcançados pela gestão prisional, apesar de termos herdado, lá no início dos trabalhos, um sistema prisional falido”, destacou o governador Flávio Dino no ato de entrega dos veículos.

O governador ainda completou ressaltando que todo apoio tem sido dado para melhorar, cada vez mais, o Sistema Penitenciário do Maranhão e agradeceu o recurso de R$ 44 milhões do Departamento Penitenciário Nacional ao sistema prisional do estado, “dos quais R$ 33 milhões estão sendo para obras e 11 para aquisição de equipamentos”, disse ele.

Os novos carros correspondem ao pacote de investimentos no sistema carcerário maranhense que, através do compromisso do Executivo, foi retirado do topo do ranking que mede a violência nos presídios do país e, hoje, sem registro de homicídios, se mantém entre os últimos, nesse quesito.

A entrega das chaves das novas viaturas ocorreu no auditório do Palácio dos Leões, por volta das 10h. Os 22 novos carros, que estavam enfileirados no pátio, são equipados com giroflex, sirene, e plotagem operacional.

Essa é a segunda frota de carros entregue pelo governador Flávio Dino, em pouco mais de um ano. A primeira, quando foram entregues 30 novos automóveis, ocorreu em outubro de 2016. Além da logística, a gestão estadual tem investido fortemente em segurança, e, também em humanização, outros dois pilares do sistema prisional maranhense.

Em segurança, por exemplo, houve a entrega de equipamentos para aparelhamento do sistema prisional do Maranhão. Ao todo foram 250 armas, tais como espingardas, carabinas, pistolas e munições compatíveis; 199 kits anti-tumulto para utilização nas ações repressivas, quando necessário; 500 algemas de pulso e de tornozelo, um aparelho bloqueador de celular instalado no Complexo Penitenciário São Luís, 275 espargidores de agente lacrimogênio e 625 espargidores de pimenta.

Nessa lista de investimentos na segurança prisional entra, também, a capacitação contínua dos agentes, aquisição de materiais de revista como, por exemplo, pórticos, banquetas e raquetes, e a instalação da Portaria Unificada (PU) no Complexo Penitenciário São Luís. Já no quesito humanização, a proposta consiste em inciativas de inclusão de presos nas ações de trabalho e educação. Atualmente, o sistema prisional conta com mil detentos devidamente matriculados nas salas de aula e 2.500 internos inseridos em 170 oficinas de trabalho.

“Nesse três anos conseguimos diminuir, consideravelmente, as taxas negativas como morte, fugas e outras, e, com isso, aumentar as taxas positivas como a quantidade de presos inseridos em ações de estudo e trabalho. Estaremos iniciando, também, entre outras ações, o processo de construção de presídios no método de Parceria Público Privado, tudo isso graças a todo o planejamento de trabalho coordenado pelo governador Flávio Dino”, concluiu o secretário de Estado de Administração Penitenciária, Murilo Andrade de Oliveira.

Governador Flávio Dino entrega mais viaturas e reforça combate ao crime

O governador Flávio Dino entrega mais uma remessa de veículos para servir nas ações de policiamento, um importante reforço para o combate ao crime. As novas viaturas, que serão distribuídas em bases da Polícia Militar do Maranhão (PMMA), são equipadas com tecnologia adequada para o trabalho de monitoramento e comunicação. São 50 veículos que serão entregues em solenidade com a presença do governador Flávio Dino, nesta quarta-feira (13), às 14h, no Palácio Henrique de La Rocque, no bairro do Calhau, em São Luís. Com essa remessa, somam 670 as novas viaturas entregues pelo Governo do Estado às polícias do Maranhão.

“O Governo mantém sua meta de equipar adequadamente a segurança pública, investindo em veículos, em armamentos e no efetivo. Medidas que melhoram o desempenho policial, estimulam o trabalho e valorizam as equipes”, avaliou o subcomandante de Polícia Militar, Jorge Luongo. Ele enfatizou que equipar a polícia é um dos passos importantes para reformulação da frota das polícias. “A viatura multiplica a ação policial pela sua ostensividade e mobilidade”.

As viaturas serão distribuídas para cobertura policial em cidades do interior do Maranhão que ainda não foram contempladas com reforço na frota. Os novos carros são totalmente adaptados com modernos equipamentos e tecnologias resistentes, com potência e tração nas quatro rodas podendo adentrar todos os tipos de áreas. São adequados para uso por policiais nos serviços operacionais de também na transferência de presos no compartimento apropriado.

O pacote de entrega de novas viaturas faz parte do programa de reestruturação da Segurança Pública, promovido pelo Governo, desde o início da gestão Flávio Dino. O mapa de distribuição das novas viaturas segue a política estratégica de combate à criminalidade estabelecida pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), que vem gerando resultados positivos como a redução dos registros de criminalidade, a exemplo dos homicídios.

Flávio Dino entrega mais 52 novas viaturas nesta segunda (04)

Nesta segunda-feira (4), mais 52 viaturas serão entregues pelo governador Flávio Dino com fins a equipar as polícias do Maranhão. O reforço com o incremento dos novos veículos se soma às ações promovidas pela gestão na área da segurança pública.

A solenidade de entrega será realizada pelo governador Flávio Dino, a partir das 9h, no Palácio Henrique de La Roque, Calhau. Participam ainda representantes da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) e demais autoridades.

A aquisição dos veículos atende a demanda por estrutura no setor e acompanha as ações da política de Segurança na reestruturação das polícias As viaturas são do tipo Ranger, padrão, equipadas com giroflex, rádio comunicador e cela de isolamento.

Serão distribuídas para as Polícias Civil e Militar em 52 cidades maranhenses. A distribuição das viaturas é um reforço ao planejamento do governo que tem investido no reaparelhamento das forças de segurança. Com esta entrega já ultrapassam as 600 novas viaturas distribuídas pelo Governo do Estado, desde o início da gestão.

Municípios maranhenses já receberam 577 viaturas

Além de superar a marca de 12 mil policiais militares e civis pela primeira vez na história, o Maranhão também tem investido em equipamentos para o combate ao crime. Em pouco mais de dois anos, o governador Flávio Dino já entregou 577 viaturas à Polícia Militar, entre carros e motocicletas. Entre os anos de 2015 e 2017, 75 municípios foram beneficiados com veículos de quatro rodas e motos, o que permite mais agilidade no combate à criminalidade em localidades de difícil acesso.

“Estamos alcançando o nosso objetivo de até o final do nosso governo atender a todos os municípios maranhenses. Com essas viaturas todas as regiões do estado estão sendo atendidas, de norte a sul do Maranhão”, diz Flávio Dino.

Como são as viaturas?

Os novos veículos possuem sistema de transmissão e armazenamento de imagens, permitindo que o policial receba informações de suspeitos em qualquer lugar em que estiver. Também são equipados com sistema de rastreamento, tabletes para monitoramento das operações em tempo real, GPS e sistema de localização.Há ainda câmeras internas e externas, além de radiocomunicação compatível com o sistema digital da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP). As novas viaturas utilizam um programa específico para a transmissão de dados, diminuindo as interferências de outros sinais.

Mudança na prática

Este é um número recorde na história do Maranhão, o que impacta diretamente na ampliação da eficácia do sistema de segurança do estado. Foto: Gilson Teixeira/Secap

Maranhenses dizem sentir a mudança nas ruas. A auxiliar de enfermagem Dulce de Sousa, moradora do bairro Bequimão, em São Luís, afirma que havia muitos assaltos nas ruas do bairro. Mas, com a ronda das viaturas, os casos presenciados por ela e comentados pelos vizinhos diminuíram bastante.

“Vemos os carros da Polícia Militar passando constantemente pelas ruas. Isso aumenta a nossa sensação de segurança. Realmente temos visto menos casos de assalto acontecer por aqui”, diz a moradora.

Os policiais afirmam que o investimento, além de garantir mais segurança, é uma maneira de valorizar os profissionais. “A política de valorização do atual governo está sendo muito gratificante para os policiais. Os novos equipamentos só vêm a nos ajudar no nosso serviço diário de proteger a população ”, afirma o sargento Júnior, do 11º Batalhão de Polícia Militar, no município de Timon.

O secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, destaca que são muitos os investimentos da atual gestão para melhorar o sistema de segurança: “As novas viaturas e todos os equipamentos que o Governo do Estado tem adquirido para o trabalho diário da polícia vai possibilitar ampliarmos a contenção da violência”.