Bolsonaro chama manifestantes de “idiotas” e “imbecis”

Em declaração sobre o que achava dos manifestantes que saíram às ruas do país nesta quarta-feira (15), o presidente Jair… [ ]

15 de maio de 2019

Em declaração sobre o que achava dos manifestantes que saíram às ruas do país nesta quarta-feira (15), o presidente Jair Bolsonaro, disse que são “uns idiotas”, “uns imbecis” e “massa de manobra”. O presidente disse, ainda, que não gostaria de contingenciar verbas, em especial da educação, mas que o bloqueio é necessário.

Bolsonaro está em Dallas, no estado norte-americano do Texas, onde receberá uma homenagem e terá um encontro com o ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush. Ao sair do hotel em que está hospedado, alguns apoiadores e a imprensa estavam na porta e questionaram o presidente sobre o bloqueio de recursos. Veja abaixo o posicionamento de Bolsonaro.

 

“É natural, é natural. Agora… a maioria ali é militante. É militante. Não tem nada na cabeça. Se perguntar 7 x 8 não sabe. Se perguntar a fórmula da água, não sabe. Não sabe nada. São uns idiotas úteis, uns imbecis que estão sendo utilizados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo de muitas universidades federais do Brasil”, afirmou Bolsonaro.

 

“Agora educação também está deixando muito a desejar no Brasil. Você pega as provas do Pisa, que eu peguei agora, de três em três anos, de 2000 pra cá, cada vez mais ladeira abaixo. A garotada com 15 anos de idade, da nona série, 70% não sabe a regra de três simples.” disse ainda, o presidente.

Durante protestos ocorridos durante o dia no Brasil inteiro, vários manifestantes carregaram cartazes com frases de repúdio à declaração do presidente.

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!