SAÚDE

Campanha de Vacinação contra o Sarampo é prorrogada até 31 de outubro

A Campanha de Vacinação contra o Sarampo foi prorrogada pelo Ministério da Saúde até 31 de outubro. No Maranhão, a… [ ]

30 de agosto de 2020

A Campanha de Vacinação contra o Sarampo foi prorrogada pelo Ministério da Saúde até 31 de outubro. No Maranhão, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) segue com a mobilização para vacinar o máximo de pessoas do público-alvo, formado por jovens e adultos, entre 20 a 49 anos. Até o momento, 477.459 mil pessoas foram vacinadas. É importante destacar que todos da faixa etária do público-alvo, mesmo que já tenham tomado a vacina, devem procurar os postos de saúde.

“Convocamos a população maranhense a se proteger contra o sarampo. A vacina é a única forma de estar imune à doença, por isso contamos com a participação de todos que estão na faixa etária do público-alvo para que juntos possamos combater a doença em nosso estado”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

A mobilização contra o sarampo foi iniciada em março deste ano, entretanto, devido a prevalência da circulação do vírus em 21 unidades federativas do país, optou-se por prolongar o prazo de imunização. Em todo o Brasil, apenas 5,8% do público-alvo foi vacinado, o correspondente a 5,29 milhões de pessoas da faixa etária. No Maranhão, a meta é proteger aproximadamente 2 milhões e 800 mil pessoas.

De acordo com a chefe do Departamento de Controle e das Doenças Imunopreveníveis da SES, Halice Figueiredo, a vacina tríplice viral (Sarampo + Caxumba + Rubéola) deverá ser administrada em todos os adultos da faixa etária preconizada, mesmo os que já tomaram a vacina em outra ocasião. “A vacina deve ser aplicada independentemente da situação vacinal apresentada pelo usuário do SUS. Isto é, mesmo que tenham o seu esquema completo de vacinação devidamente comprovado, estes deverão receber outra dose contra a doença”, orienta.

A dose imunizante é disponibilizada de forma gratuita nos postos de saúde. Para ser vacinado, o usuário do SUS deve ter em mãos documento com foto e a carteira de vacinação. Em caso da pessoa não saber se tomou ou não a vacina, o recomendado é que ela seja administrada da mesma maneira como forma de bloqueio.

O sarampo

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, viral e altamente contagiosa. A única maneira de se proteger é a vacina. A transmissão acontece por via aérea, tosse, espirro, fala e até mesmo respirar próximo ao infectado. O tempo de difusão da doença ocorre entre 4 dias antes ou após o aparecimento das manchas vermelhas pelo corpo.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!