CORONAVÍRUS

Centro Histórico de São Luís recebe ação de prevenção à Covid-19

Com o objetivo de seguir fortalecendo as medidas de combate à Covid-19 e de assistência às pessoas em vulnerabilidade social,… [ ]

11 de junho de 2020

Com o objetivo de seguir fortalecendo as medidas de combate à Covid-19 e de assistência às pessoas em vulnerabilidade social, o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD Estadual) em parceria com a Delegacia de Costumes realizou, na manhã desta quarta-feira (10), mais uma ação resgate. Desta vez, a ação aconteceu na Praça Dom Pedro II, no Centro Histórico de São Luís.

De acordo com o diretor do CAPS AD, Marcelo Costa, esta é a terceira ação resgate no período da pandemia e a sétima neste ano. “Nosso foco hoje foram os guardadores de veículos, uma população que também se encontra exposta. Eles foram atingidos pela pandemia não só na questão física, por conta do vírus, mais também na questão social, mediante a perda de recurso, por conta da pouca movimentação nessa região”, explica Marcelo Costa.

Durante a ação, foram realizadas avaliações clínicas, testagem rápida para Covid-19, vacinação para H1N1, distribuição de máscaras e kits de higiene e doações de cestas básicas.

O delegado Joviano Furtado, titular da Delegacia de Costumes, explica que desde 2011 é desenvolvido um trabalho com esse público, eles foram cadastrados e orientados a fazerem seus registros junto ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

“Hoje nós temos cerca de 2.100 guardadores de veículos registrados no Ministério do Trabalho e Emprego e eles também estão passando por dificuldades durante a pandemia. Por isso trouxemos essa ação para eles, com o objetivo de dar esse apoio e orientar no sentido da prevenção para evitar o contágio pela Covid-19”, afirma o delegado Joviano Furtado.

Francisco Silva é guardador de veículos nas imediações da Igreja da Sé e ressalta a importância da ação. “Eu trabalho na rua, lidando com pessoas, suscetível a qualquer tipo de coisa, por isso agradeço pelo serviço prestado durante esta ação. Fui vacinado, fiz teste, recebi máscara, orientações e doação de alimentos”, disse.

Resgate

Durante a ação desta quarta-feira (10) foi iniciada a assistência para o tratamento de quatro usuários de drogas.

“Dois serão internados na nossa Unidade de Acolhimento da Cohab e dois serão encaminhados através da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) para o abrigo do Castelão, onde receberão também a nossa assistência médica. É importante lembrar que foram feitos todos os testes para que eles possam ser encaminhados para as unidades sem risco de transmissão de doenças, ninguém foi positivado”, destaca o diretor do CAPS AD, Marcelo Costa.

Ivan Pinheiro está desempregado e atualmente encontra-se em situação de rua, ele é uma das pessoas que será encaminhada para tratamento no CAPS AD. “Com fé em Deus eu vou fazer esse tratamento e me recuperar. Botar a minha cabeça no lugar e me tornar uma nova pessoa”, conta.

A próxima ação está prevista para o dia 26 de junho, na Praça Deodoro e será alusiva à Semana Nacional de Políticas Sobre Drogas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!