SAÚDE

Com leitos de UTI e serviço de neurocirurgia, Hospital Regional de Barreirinhas agora é referência em alta complexidade

O ano de 2021 começou com uma importante obra de ampliação que beneficia usuários do Sistema Único de Saúde (SUS)… [ ]

4 de janeiro de 2021

O ano de 2021 começou com uma importante obra de ampliação que beneficia usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) da Região dos Lençóis Maranhenses, a ampliação do Hospital Regional de Barreirinhas, que desde o último sábado (2) passou a operar com 12 novos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), sendo dois de isolamento. Agora, o hospital também conta com o serviço de neurocirurgia para assistência de emergência ao paciente trauma craniano.

A ampliação do Hospital Regional de Barreirinhas beneficiou casos como o da família da Dona Maria de Fátima Medeiros da Silva, de 35 anos. Ela é moradora do município de Primeira Cruz e está com a filha Maria Elisa, de 1 ano e 2 meses, internada na unidade por conta de uma grave crise respiratória. A criança, que antes ocupava um leito de UCI, foi a primeira paciente a ser transferida para a nova UTI.

“Essa é a segunda vez que a minha filha tem uma crise como essa, se não fosse o serviço oferecido por este hospital, há meses já teria perdido ela. Agora, como a entrega desses leitos de UTI, tenho certeza que o tratamento dela será melhor ainda e se Deus quiser logo estaremos novamente em casa”, afirma Maria de Fátima.

O titular da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Carlos Lula, destacou que o Governo do Maranhão investe na expansão de leitos de UTI para atendimento de casos de maior complexidade, destinados a pacientes graves.

“Hoje temos leitos de UTI no Maranhão inteiro, e agora também em Barreirinhas, que ainda ganhou um outro serviço essencial para o turismo na região, que é o serviço de neurocirurgia. Nos casos de traumas nas regiões de dunas, o paciente tinha que ser deslocado muitas vezes por via aérea para a capital e agora com esse serviço podemos resolver esses casos no próprio Hospital Regional de Barreirinhas. Além disso, os novos leitos podem servir ainda para um possível novo surto de Covid-19”, destaca o secretário Carlos Lula.

Para o diretor administrativo do Hospital Regional de Barreirinhas, Adler Gomes, a inauguração das UTIs e o funcionamento do serviço de neurocirurgia fará com que o número de transferências de pacientes da Região dos Lençóis para outras unidades de saúde diminua consideravelmente. “Nós vamos conseguir dar mais soluções aos casos graves na nossa própria unidade, vamos ter uma melhor resolutividade das ações da saúde e com isso quem ganha é a população”, ressalta o diretor.

Opinião compartilhada também pelo fisioterapeuta da UTI, Gerson Almeida. “Antes possuíamos apenas a parte de estabilização que era a Unidade de Cuidados Intensivos (UCI), agora dispomos de uma UTI muito bem equipada, com monitores e respiradores mecânicos, o que nos possibilita tratar do paciente grave dentro da nossa própria unidade”, pontua.

Assistência em saúde
A ampliação da unidade, que compõe a rede estadual atendendo urgência e emergência, reforça a assistência em saúde nas Regionais de Rosário e Chapadinha, contemplando 22 municípios: Barreirinhas, Chapadinha, São Bernardo, Araioses, Água Doce do Maranhão, Axixá, Anapurus, Belágua, Bacabeira, Cachoeira Grande, Humberto de Campos, Icatu, Morros, Primeira Cruz, Paulino Neves, Presidente Juscelino, Rosário, Santo Amaro do Maranhão, Santa Quitéria do Maranhão, Santana do Maranhão, Tutóia e Urbano Santos.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!