HOMENAGEM

Em São Luís, 1º de maio é celebrado com a ação social “Dia T do Trabalhador”

Em celebração ao Dia Internacional do Trabalho, comemorado neste domingo, dia 1º de maio, o Governo do Maranhão, por meio… [ ]

2 de maio de 2022

Em celebração ao Dia Internacional do Trabalho, comemorado neste domingo, dia 1º de maio, o Governo do Maranhão, por meio a Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária (Setres), promoveu a ação social “Dia T do Trabalhador – Promovendo Cidadania e Garantia de Direitos”.

Na ação, foram oferecidos serviços como cadastro de emprego, habilitação no Seguro Desemprego, oferta de vagas de emprego, adesão à Carteira de Trabalho Digital (CTPS), além de agendamentos para atendimentos no Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA) e no Shopping da Criança.

A programação especial aconteceu no Centro de Iniciação ao Trabalho (CIT), no bairro Fé em Deus, em São Luís.

Representando o governador Carlos Brandão, o secretário-chefe da Casa Civil, Sebastião Madeira, enfatizou que o dia é homenagear os trabalhadores com a oferta de serviços essenciais à população.

“Essa é uma homenagem aos trabalhadores, aqueles mais vulneráveis, trazendo uma gama de serviços de muitos órgãos do governo para facilitar a vida dos trabalhadores, justamente no seu dia”, ressaltou Madeira.

Para a secretária de Estado de Trabalho e Economia Solidária, Lília Raquel, além da homenagem, a ação garante mais cidadania e direitos aos trabalhadores.

“Hoje, nesse 1º de maio, o governo do Maranhão resolveu criar um espaço para fazer atendimentos gratuitos para os nossos trabalhadores, que promovem dignidade, cidadania e garantia de direitos aos nossos trabalhadores”, destacou a secretária de Trabalho e Economia Solidária, Lília Raquel.

Pró-Catador

A ação social também contou com a Feira da Economia Solidária e Agricultura Familiar, bem como com a entrega das carteiras do Programa Pró-Catador aos trabalhadores catadores da capital maranhense.

76 catadores de São Luís receberam a carteirinha, que tem por finalidade identificar os catadores de materiais recicláveis e reutilizáveis, bem como garantir-lhes acesso livre a eventos culturais, esportivos e religiosos, realizados no Estado para fins de coleta dos resíduos sólidos.

A catadora Rosilene Silva foi beneficiada com a carteirinha do programa Pró-Catador e parabenizou a iniciativa. “Eu acho que vai trazer alguns benefícios que até então a gente não tinha e é uma forma que o governo tem de reconhecer a importância dos trabalhadores”, elogiou a catadora Rosilene Silva.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!