Encaminhado a penitenciária o ex-secretário de Saúde do Maranhão

Foi preso pela Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (18) o ex-secretário de Saúde do Maranhão Ricardo Murad, alvo de… [ ]

18 de outubro de 2018

Foi preso pela Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (18) o ex-secretário de Saúde do Maranhão Ricardo Murad, alvo de uma operação que apura desvios de recursos públicos. Agentes Polícia Federal (PF) foram até a casa dele, na manhã desta quinta-feira (18), para cumprir um mandado de prisão, mas não o encontraram. Segundo a assessoria da PF, Murad se apresentou, foi preso temporariamente e encaminhado ao Complexo Penitenciário de São Luís.

Em nota a assessoria da Polícia Federal informou que: “após os procedimentos legais, os presos serão encaminhados ao sistema penitenciário estadual, onde permanecerão à disposição da justiça federal.”

Além do ex-secretário,também foi decretada a prisão temporária de Emilio Borges, Flávia Georgia, Justino Oliveira Filho, Luciano Almeida, Maria da Conceição, Plinio Medeiros e Waldeney Francisco que estariam, segundo a Polícia Federal, envolvidos com os crimes

Murad é cunhado da ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney (MDB), e foi secretário estadual entre 2012 e 2014, durante o quarto mandato de Roseana no Maranhão. Sua prisão foi expedida pela 1ª Vara Criminal Federal da Seção Judiciária do Maranhão e compõe a sexta fase da Operação Sermão dos Peixes, chamada de Peixe de Tobias.

A PF apurou indícios de que, entre os anos de 2011 a 2013, aproximadamente R$ 2 milhões destinados ao sistema de saúde estadual foram desviados para uma empresa sediada na cidade de Imperatriz (MA). A polícia verificou ainda pagamentos mensais a blogueiros.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!