REVITALIZAÇÃO

Governador Flávio Dino inaugura obras do programa Nosso Centro no Centro Histórico

Igrejas históricas de São Luís receberam ações de revitalização, integrando o programa Nosso Centro. Neste domingo (21), o governador Flávio… [ ]

21 de março de 2022

Igrejas históricas de São Luís receberam ações de revitalização, integrando o programa Nosso Centro. Neste domingo (21), o governador Flávio Dino visitou o bairro Centro Histórico e inaugurou nas obras que recuperaram as igrejas do Desterro, São Pantaleão e Nossa Senhora dos Remédios. Na ocasião, o governador destacou que mais obras da iniciativa estão programadas.

Em visita à Igreja do Desterro, Flávio Dino falou sobre a importância em revitalizar os espaços religiosos do Maranhão. “O Governo do Estado não tem religião, mas o estado é a favor das religiões, de todas elas e por isso, apoiamos a todas. Neste caso, a Igreja do Desterro integra esse conjunto arquitetônico, além de ser uma referência a esta comunidade, à cidade e a todos que nos visitam. Restauramos esta e mais a Igreja de Nossa Senhora dos Remédios e São Pantaleão, e já fizemos ações em outras igrejas”, frisou.

A Igreja do Desterro fica em uma área de tombamento do Governo Federal, mas o Governo do Maranhão realizou as obras de restauração predial completa. Os serviços incluíram restauro da fachada e laterais, das janelas, torres e porta central. Foi feita, ainda, a restauração das esquadrias e troca de todo o piso interno, dos sistemas elétricos e hidráulicos e da cobertura, entre outros serviços.

Abrindo a programação, a Banda do Bom Menino se apresentou no largo da Igreja do Desterro. Houve ainda apresentação de tambor de crioula e missa de benção. Flávio Dino lembrou a vertente cultural do bairro Desterro. “Minha gratidão aos grupos culturais aqui da região do Desterro, porque aqui, de fato, é uma região viva de cultura e apoiamos a cultura”, enfatizou. A Igreja do Desterro é considerada a mais antiga de São Luís e a única no Brasil a ainda ter traços da arquitetura bizantina. Sua construção data de 1618.

O arcebispo de São Luís, dom Gilberto Pestana, ressaltou que o momento é uma continuidade da história e da religiosidade do povo. “É nesta igreja onde a comunidade realiza suas celebrações e ela estava bastante deteriorada. Sendo uma igreja que integra o patrimônio histórico, é muito importante a iniciativa do Governo do Estado em reestruturar, não só esta do Desterro, mas também a de São Pantaleão e a de Nossa Senhora dos Remédios. São obras de fundamental importância para a religiosidade do povo de São Luís e do Maranhão, resgatando assim toda a história eclesial desse estado, onde a participação da igreja tem sido fundamental”, pontuou.

Na Igreja de São Pantaleão, o grupo folclórico Os Foliões animou o momento de entrega da revitalização do prédio. Esta igreja começou a ser construída ainda no século 18 e demorou 100 anos para ser entregue à comunidade. A restauração incluiu reformas na fachada, pintura, melhorias em sistemas hidráulicos e elétricos, além de manutenções na estrutura.

Na Igreja Nossa Senhora do Remédios o projeto de restauração do Governo contemplou serviços de manutenção, recuperação da fachada da frente e da parte lateral externa, instalação de iluminação externa e pintura. A igreja fica localizada na praça Gonçalves Dias, no Centro. O local é conhecido como largo dos namorados ou largo dos amores. É umas das mais importantes e referenciais da cidade.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!