POLÍTICA

Governo destinou R$ 4 milhões para investimentos na ampliação da Política Estadual de Atenção à Mulher maranhense

A Secretaria de Estado da Mulher (SEMU), do Governo do Maranhão, destinou R$ 4 milhões para mais direitos para as… [ ]

20 de dezembro de 2021

A Secretaria de Estado da Mulher (SEMU), do Governo do Maranhão, destinou R$ 4 milhões para mais direitos para as maranhenses, no Plano “Mais IDH”, ampliando a Política Estadual de Atenção à Mulher.

Serão quatro editais para apoiar e garantir mais direitos, com capacitação, inovação tecnológica, produção científica, apoio técnico e financeiro que beneficiarão mais de 2 mil mulheres em todo o estado do Maranhão.

A secretária da Mulher do Maranhão, Ana do Gás, destacou o compromisso do Governo do Estado com as mulheres, que podem contar com serviços de saúde, educação, infraestrutura e desenvolvimento econômico e social, por meio de programas como o aluguel social, cheque gestante, distribuição de absorventes menstruais nas escolas, carreta da mulher, ônibus lilás, casa da mulher brasileira e casa da mulher maranhense, entre muitos outros:

“Queria agradecer ao vice-governador Carlos Brandão e o nosso Governador Flávio Dino, dividindo essa satisfação com o investimento de 4 milhões nesses editais para que possamos adotar essa política que, hoje, foi inserida como uma política de Estado”, observou.

Já o vice-governador Carlos Brandão ressaltou a importância da valorização das mulheres com a ampliação do investimento destinado. “Um momento histórico. Quatro milhões de reais num investimento de justiça social. São conquistas que o nosso Governo está alcançando, priorizando cada vez mais os direitos da mulher maranhense”, afirmou.

O lançamento do pacote de Editais ‘Mais Direitos para as Mulheres’ aconteceu na sexta (17), no Salão de Atos do Palácio dos Leões. Participaram, também, o presidente da Fapema, André Santos; além da equipe da Secretaria de Estado da Mulher (SEMU), representantes de movimentos sociais e do movimento feminista e de mulheres; do Conselho Estadual da Mulher e de outros órgãos governamentais e entidades da sociedade civil do Maranhão.

Sobre os editais

Edital 1 – ‘Mulheres Guardiãs’: serão selecionadas 375 mulheres moradoras dos bairros de maior vulnerabilidade social e de zonas rurais dos municípios do estado do Maranhão, receberão auxílio financeiro mensal, durante 12 meses, de R$400,00 (quatrocentos reais) e capacitações técnicas para disseminar conhecimento sobre os direitos das mulheres e ampliar a conscientização sobre o ciclo de violência a que estão submetidas as mulheres maranhenses.

Edital 2 – ‘Te Empodera, Mulher!’: serão selecionados 165 grupos produtivos liderados e compostos por mulheres existentes no estado que receberão um kit de equipamentos como fomento de suas produções no valor de até 10 mil reais e capacitações técnicas e de gestão direcionadas a sua atividade econômica e que tem por finalidade modificar a relação de desigualdade social da mulher por meio da inclusão produtiva e ampliar sua participação na economia maranhense.

Edital 3 – ‘Fia não se cale!’: contemplará 50 meninas, com premiação no valor R$: 35 mil reais quie, se selecionadas, participarão de Hackathon, para desenvolver projetos para a resolução de problemas das meninas maranhenses. Serão premiadas as 4 (quatro) equipes que apresentarem o projeto mais bem avaliado.

Edital 4 – ‘15 anos de Políticas Públicas voltadas para Mulheres no MA’: em parceria com a Fapema, destinará R$ 20 mil para dez artigos científicos originais, escritos por mulheres maranhenses, sobre igualdade de gênero, combate a violência à mulher e autonomia econômica. Cada artigo escolhido receberá um prêmio no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!