SAÚDE

Iniciada a vacinação de idosos em instituições de longa permanência em São Luís

Foi iniciada nesta quarta-feira (20), a vacinação contra a Covid-19 dos idosos acima de 60 anos residentes em instituições de… [ ]

21 de janeiro de 2021

Foi iniciada nesta quarta-feira (20), a vacinação contra a Covid-19 dos idosos acima de 60 anos residentes em instituições de longa permanência, em São Luís. Na capital, serão imunizados 142 idosos nos sete abrigo. Entre estes locais, está o Abrigo de Longa Permanência para Idosos (Lar Calábria para Idosos) mantido pela Prefeitura de São Luís, no bairro Olho D’água.

Os idosos fazem parte do público prioritário definido pelo Ministério da Saúde e a logística de imunização segue o previsto no Plano Municipal de Vacinação. A imunização nos abrigos é uma ação conjunta das secretarias municipais da Saúde (Semus), da Criança e Assistência Social (Semcas), e da Guarda Municipal, que faz a escolta das doses.

A primeira-dama, Graziela Braide, que é voluntária na Assistência Social de São Luís, acompanhou a vacinação no abrigo municipal. “Fiz questão de acompanhar o início desse atendimento porque se trata de uma ação muito importante. Os nossos idosos que aqui estão, são pacientes com risco maior e que necessitam de cuidados extras. Então, o Plano Municipal de Vacinação prevê o atendimento in loco para que eles sejam imunizados com mais segurança e conforto”, afirmou.

A previsão é que todos os idosos abrigados em instituições de longa permanência tomem a primeira dose da vacina até o fim desta semana. A segunda dose será aplicada após 21 dias, conforme protocolo da fabricante do imunizante.

Equipes de vacinação da Semus irão visitar as sete instituições do tipo em São Luís. Trata-se de dois abrigos públicos, sendo um mantido pela Prefeitura de São Luís e outro estadual, além de três unidades filantrópicas e duas privadas. São eles: Casa Happy São Luís, Recanto do Aconchego, Lar Bela Vida, ILPI Solar do Outono, Associação das Senhoras de Caridade de São Vicente de Paulo e o Asilo de Mendicidade de São Luís.

O Abrigo de Longa Permanência para Idosos (Lar Calábria para Idosos) tem 13 abrigados, sendo um deles acamado. Desde o início da pandemia não foi registrado nenhum caso ou suspeita de Covid-19 entre os abrigados.

A titular da Semcas, Rosângela Bertoldo, destacou a importância da priorização dos idosos abrigados. “Infelizmente, as estatísticas mundiais mostram que a maior letalidade de idosos pela Covid-19 está entre o público dos abrigos. Então, a decisão do prefeito Eduardo Braide em priorizar os abrigos neste primeiro lote da vacina foi muito acertada, pois garante mais cuidado e reforço à saúde dos nossos idosos abrigados”, informou a secretária.

Entre os abrigados da casa que foram imunizados está Ananias Beckman Cantanhede, 61 anos. “É muito importante para a nossa saúde ser vacinado. A Prefeitura está de parabéns pela campanha”, disse.Júlia Francisca da Conceição, 83 anos, também já está imunizada. “Eu achei muito bom. Queria mesmo me vacinar para ficar protegida”, comentou.

Nesta quarta-feira, também foram vacinados os acolhidos na Casa Happy, unidade privada localizada no Olho d’Água. A equipe de saúde de cada unidade ficará encarregada de observar os idosos para fazer o acompanhamento dos possíveis efeitos colaterais da vacina. E aqueles que tomaram alguma vacina do calendário básico só podem tomar a vacina contra a Covid-19 depois de 14 dias.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!