‘Matar ou Morrer’ é destaque no Cine Praia Grande

Entre os dias 3 e 9 de agosto, o Cine Praia Grande terá vários filmes em exibição. Entre eles, estão… [ ]

3 de agosto de 2017

Entre os dias 3 e 9 de agosto, o Cine Praia Grande terá vários filmes em exibição. Entre eles, estão Matar ou Morrer, Um Maranhense chamado José Ribamar: a arte existe porque a vida não basta e Frankenweenie. Os ingressos variam de R$ 6 a R$ 16 (inteira).

Entre os destaques, está “Matar ou Morrer”. Com direçāo de Fred Zinnemann e roteiro de John W. Cunningham e Carl Foreman, ‘Matar ou Morrer’ (High Noon) conta a história de Will Kane (Gary Cooper), um xerife que fica sabendo na hora de seu casamento que ao meio-dia chegará um trem trazendo Frank Miller (Ian MacDonald), um criminoso que mandou para a cadeia e planeja se vingar. Apesar de Amy (Grace Kelly), sua noiva quaker, argumentar que devem ir embora, ele acha que fugirá para sempre se não enfrentar a situação. A população (com raras exceções) se refugia sem ajudá-lo, apesar dele pedir aos cidadãos para enfrentarem o pistoleiro e seus cúmplices.

O longa, que tem a duraçāo de 84 minutos, será exibido neste sábado às 15h00.

Outro filme que estará em cartaz, e que fica como opçāo para a sua agenda, é “Um Maranhense chamado José Ribamar: a arte existe porque a vida não basta” dos cineastas Zelito Viana e Gabriela Gastal. O documentário que será exibido todos os dias (exceto sábado e domingo) se apresenta como um grande tributo à contribuição de Ferreira Gullar ao mundo das artes.

Frankenweenie também está em cartaz. Na história, Victor (Charlie Tahan) adora fazer filmes caseiros de terror, quase sempre estrelados por seu cachorro Sparky. Quando o cão morre atropelado, Victor fica triste e inconformado. Inspirado por uma aula de ciências que teve na escola, onde um professor mostra ser possível estimular os movimentos através da eletricidade, ele constrói uma máquina que permita reviver Sparky. O experimento dá certo, mas o que Victor não esperava era que seu melhor amigo voltasse com hábitos um pouco diferentes.

 

De Volts

0 Comentários

Deixe o seu comentário!