SÃO LUÍS

Obras de construção do Hospital da Ilha estão em fase de finalização

Mais um equipamento de saúde em breve vai será entregue ao povo maranhense. O Hospital da Ilha, localizado em São… [ ]

8 de dezembro de 2021

Mais um equipamento de saúde em breve vai será entregue ao povo maranhense. O Hospital da Ilha, localizado em São Luís, terá 258 leitos para atender a região metropolitana.

Da avenida, a construção da fachada e terraplenagem do terreno para receber o asfaltamento e a ligação com o prédio de saúde já são visíveis. Na primeira parte da frente da obra, onde estão alojados os blocos A, B e C, que vão funcionar os serviços de urgência e emergência adulto e pediátrico, as equipes estão concentradas na execução da fiação elétrica e redes de incêndio, na instalação dos pisos cerâmicos e forro, além da última mão de pintura.

Na parte de trás, onde os blocos D, E, F e G estão alocados, as salas da cirurgia e internação, juntamente com as Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) e de Queimados (UTQ), estão em finalização os serviços de execução das redes de gases medicinais e rede de água gelada para dar seguimento ao emassamento de paredes, revestimento cerâmicos e pinturas.

O secretário Clayton Noleto destacou a importância dessa obra para todos os maranhenses. “O Hospital da Ilha é mais um equipamento de saúde que o Governo vai entregar ao povo. Uma obra gigantesca que vai impactar diretamente o nosso sistema de atendimento médico ao longo dos próximos anos. Trabalhamos com compromisso para deixar um legado de bens e serviços aos maranhenses”, comentou o secretário.

Saiba mais sobre o Hospital

Construído no leito da Avenida São Luís Rei de França, próximo à Faculdade Edufor, o Hospital da Ilha trará aumento no atendimento de saúde pública em todo o estado do Maranhão.

Com 59 leitos de enfermaria, 36 leitos de Tratamento Intensivo (UTI), 19 leitos de Tratamento de Queimado (UTQ) e mais 33 leitos transitórios entregues na primeira etapa, a unidade hospitalar vai atender urgência e emergência na capital, além de contar com serviços de cirurgia, consultas e acompanhamento médico. Serão mais de 1.000 profissionais de diferentes atuações trabalhando juntos pela saúde do Maranhão.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!