SAÚDE

Profissionais de saúde recebem assistência psicológica durante pandemia da Covid-19

A segunda onda da Covid-19 no Maranhão tem sobrecarregado ainda mais os profissionais de saúde que há mais de um… [ ]

12 de abril de 2021

A segunda onda da Covid-19 no Maranhão tem sobrecarregado ainda mais os profissionais de saúde que há mais de um ano atuam na linha de frente no combate ao novo coronavírus. Por esta razão, o Governo do Maranhão, através da Secretaria de Estado da Saúde (SES), segue dando assistência psicológica a esses profissionais, através de canais como o Disque Saúde Mental e o Projeto Florescer, iniciativas que têm o objetivo de minimizar os danos psicoemocionais e cuidar da vida de quem está cuidando de outras vidas.

Em funcionamento desde o início da pandemia, o Disque Saúde Mental, que inicialmente atendia os profissionais da linha de frente através de ligações telefônicas, agora passa a realizar as ações dentro das próprias unidades de saúde.

“Inicialmente, a proposta da ferramenta era ofertar suporte psicossocial através de telefone para colaboradores e profissionais da linha de frente do combate à Covid-19. Mas durante a segunda onda, notamos que os profissionais estão ainda mais sobrecarregados, inclusive para ligar e pedir ajuda. Dessa forma, estamos mudando a forma de atuar, indo pessoalmente às unidades de saúde”, diz a diretora Gabrielle Romanhol.

A partir de agora, o próprio gestor da unidade é quem liga e solicita a ida da equipe até a referida unidade de saúde. Após a ligação para o Disque Saúde Mental, o Florescer, que também é um projeto do Hospital Nina Rodrigues, irá até a unidade realizar atividades em saúde mental com os colaboradores que estão na linha de frente. O número de contato para agendamento das visitas é o (98) 99105-9704, que atende de segunda a sexta das 8h às 17h.

A primeira unidade a receber as ações do projeto foi o Hospital de Cuidados Intensivos (HCI). “Esse projeto é muito importante, pois conseguimos dar uma maior assistência à saúde mental e emocional dos nossos profissionais de saúde, para que dessa forma, eles também possam continuar tratando da saúde da população”, afirma o diretor clínico do HCI, Marcus Grangeiro.

Estão envolvidos na ação profissionais como educadores físicos, terapeutas ocupacionais e psicólogos que realizarão atividades específicas com os colaboradores pensando na prevenção com relação à saúde mental dessas pessoas.

Para a enfermeira supervisora de uma das UTIs do HCI, Vanessa Araújo, que está trabalhando na unidade desde o início da pandemia, cuidar da saúde mental nesse momento de alto estresse é muito importante. “Muitos profissionais da saúde estão apresentando a síndrome de Burnout, caracterizada por exaustão física, emocional ou mental que surgiu devido ao trabalho durante a pandemia. Por isso, esse projeto é tão importante para nós, pois precisamos estar bem para cuidar das outras pessoas”, afirma a supervisora.

Outro profissional que destaca a importância da campanha é o fisioterapeuta Herberth Gusmão. Ele conta que os trabalhadores da saúde já estão no limite do desgaste físico e emocional, e essa iniciativa é muito válida. “Tem muita gente já desgastada psicologicamente, eu mesmo já tive momentos de chegar em casa e chorar. Essas atividades renovam um pouco a nossa atividade mental, dá mais energia, mais força e ânimo para continuarmos lutando contra essa doença”, desabafa o supervisor de Fisioterapia do HCI, Herberth Gusmão.

Entre as atividades levadas pelo Florescer às unidades, destacam-se o grupo terapêutico, onde é realizada uma escuta em grupo, e diante disso são avaliados os casos que precisam continuar recebendo acompanhamento individual. Além disso, também é realizada a técnica de automassagem, ginástica laboral, Tai Chi Chuan, técnicas de respiração, Reiki e inserção de chás terapêuticos, orientada por nutricionistas. Todas as atividades são realizadas mantendo os protocolos sanitários, com o devido distanciamento.

O Disque Saúde Mental, assim como o Projeto Florescer, atua sob a perspectiva de prevenção, cuidado e promoção à saúde dos colaboradores. Ao serem cuidados, eles poderão cuidar de outros.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!