SEGURANÇA ALIMENTAR

Restaurante da Educação será inaugurado neste sábado (25)

O Governo do Estado entrega, neste sábado (25), o Restaurante da Educação, destinado para servidores e estudantes da educação básica… [ ]

23 de setembro de 2021

O Governo do Estado entrega, neste sábado (25), o Restaurante da Educação, destinado para servidores e estudantes da educação básica das redes Estadual e Federal, e do ensino superior público, de instituições localizadas na Unidade Regional de Educação de São Luís, que abrange os municípios de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Raposa e Alcântara. O restaurante está localizado na rua do Egito nº 272, Centro Histórico.

O Restaurante da Educação servirá 1 mil almoços e 500 jantares diariamente, a um custo de R$ 3 reais o almoço e R$ 1 real o jantar, com um cardápio rico em nutrientes, elaborado pela equipe de nutricionistas da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes).

De acordo com o secretário da Sedes, Márcio Honaiser, o Restaurante da Educação foi pensado pelo governador Flávio Dino para atender uma grande demanda da área da educação localizada na região do Centro de São Luís e adjacências. O restaurante tem um diferencial que é a o público alvo: estudantes do ensino médio e universitários, assim como também para os profissionais da educação pública.

“O governador Flávio Dino sempre preocupado com a segurança alimentar e nutricional, destinou um restaurante que atendesse essa categoria especificamente. O Restaurante da Educação soma-se aos 55 restaurantes populares existentes no Estado, o que coloca o Maranhão como o estado com a maior rede de restaurante populares, mostrando sempre o compromisso do Governo do Estado com a segurança alimentar”, explicou Márcio Honaiser.

Além do Restaurante da Educação, coordenado pela Sedes, no local irá funcionar o IEMA Gastronomia, de responsabilidade da Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Rede

O Maranhão possui a maior rede de restaurantes populares de todo o Brasil. Em 2015, o Estado contabilizava apenas 6 restaurantes populares, todos na capital. Com a entrega do Restaurante da Educação, este número chega a 56.

O Restaurante da Educação funcionará nos mesmos moldes dos Restaurantes Populares já existentes, ou seja, é mais um Equipamento Público de Alimentação e Nutrição que integrará a Rede Operacional do Sistema Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN). O objetivo é ir além da distribuição de alimentação e fazer toda uma linha de Educação Alimentar e Nutricional.

Para ter acesso ao Restaurante Popular da Educação, os usuários precisam se cadastrar através da Seduc pelo endereço eletrônico: www.restaurantedaeducação.ma.gov.br ou pelo APP Restaurante Popular. O horário de funcionamento será a partir das 11h até as 14h para almoço e a partir das 16h até as 19h para o jantar.

Edifício Bequimão

Construído em meados do século XX, o Edifício Bequimão passou por ampla reforma e modernização para abrigar o Restaurante da Educação e o IEMA Gastronomia.

A área construída de 935,97m² recebeu diversas intervenções, como reforço estrutural de todo o prédio, instalação de elevador, recuperação e restauro dos revestimentos de fachada, readequação da edificação, implantação e modernização das instalações prediais (elétrica, iluminação, hidráulica, sanitária, lógica, telefonia, sistema de proteção contra descargas atmosféricas, sistema de prevenção e combate a incêndio, drenagem, climatização), entre outras.

Com investimento de R$ 3.631.239,19, a obra foi planejada para acomodar o Restaurante da Educação em todo o piso térreo e a Unidade Vocacional do IEMA Gastronomia nos pavimentos superiores, visando conciliar o funcionamento integrado das instituições que possuem usos correlatos. A reforma foi coordenada pela Secretaria de Estado de Governo (Segov).

“Temos certeza de que essas melhorias irão garantir um espaço acolhedor para atender o público da educação, e mais do que isso, estamos zelando pelo patrimônio público, com mais essa obra que o Centro Histórico de São Luís vai receber”, destacou a secretária de Governo, Marcela Mendes.

Conhecido popularmente como “Edifício Bequimão”, o prédio abrigou primeiramente o Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Marítimos (IAPM) e, por último, sediou o Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria (FEPA) do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Maranhão (IPREV).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!