FORTALECIMENTO DA APRENDIZAGEM

Seduc promove formação para implementação de ensino em tempo integral em escolas municipais

Articuladores pedagógicos municipais, prefeitos e secretários municipais de Educação de 40 municípios maranhenses foram convidados para participar, nesta segunda-feira (29),… [ ]

30 de novembro de 2021

Articuladores pedagógicos municipais, prefeitos e secretários municipais de Educação de 40 municípios maranhenses foram convidados para participar, nesta segunda-feira (29), da abertura da 1ª Formação Inicial de Imersão no Modelo Pedagógico e no Modelo de Gestão Escolar do Programa Mais Integral, idealizado pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

O Mais Integral tem o intuito de fortalecer o Regime de Colaboração entre Estado e Municípios, por meio da concessão de apoio técnico-financeiro às cidades aderentes ao Programa, para implantação de escolas de tempo integral no âmbito do Ensino Fundamental.

Cerca de 100 Prefeituras Municipais já aderiram ao Programa Mais Integral e, durante a abertura da 1ª Formação, o vice-governador do Estado, Carlos Brandão, ratificou a importância de parcerias como essa para garantir a melhora dos índices educacionais do Maranhão.

“Essa é mais uma parceria do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Educação, com as secretarias municipais. Uma parceria para fortalecer as escolas de tempo integral. Quando assumimos, não tínhamos nenhuma escola de tempo integral; hoje já são cerca de 80. E essas escolas de tempo integral têm nos demonstrado claramente que são os melhores resultados do IDEB e por isso a gente tem mesmo que fazer essa parceria, também com os municípios, para que os alunos do Ensino Fundamental venham preparados para o Ensino Médio com condições de uma boa estrutura e boa educação. E no começo do ano vamos ampliar para mais municípios. Esse é um marco, e quem ganha é a nossa educação, que vai melhorar o nosso IDEB”, afirmou Brandão.

Com o Mais Integral, o Governo do Maranhão garante suporte para melhorias e adequações estruturais das escolas municipais, e consultoria pedagógica, colaborando para a reestruturação da proposta didático-metodológica de escolas da rede pública municipal que atendam aos Anos Finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano), adotando um modelo educacional focado na formação integral dos estudantes e, com isso, promovendo a melhoria do fluxo escolar e a elevação dos indicadores educacionais em todo território maranhense.

“Um Regime de Colaboração efetivo do Governo do Estado com as prefeituras municipais. O Estado entra com apoio na formação dos profissionais, com a tecnologia para as escolas em tempo integral e, também, com auxílio financeiro. Em contrapartida, as prefeituras entram com a obrigação de implantar em suas redes as escolas de tempo integral. Com isso, queremos garantir escolas de tempo integral em todos os municípios do estado do Maranhão, complementando o modelo de ensino já existente na Rede Pública Estadual, onde saímos de zero para quase 100 escolas de tempo integral”, complementou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

Formação reúne cerca de 120 multiplicadores municipais

A coordenadora Pedagógica do Programa Mais Integral, Lilia Mendes, explica que a 1ª Formação Inicial de Imersão no Modelo Pedagógico e no Modelo de Gestão Escolar do Programa Mais Integral é de responsabilidade da Equipe Técnica do Mais Integral e tem como objetivo formar as equipes de Articuladores Municipais, com base nos pressupostos e princípios do Modelo Pedagógico e do Modelo de Gestão Escolar do Programa, para atuar nas novas Unidades Mais Integral no Maranhão, que atenderão aos estudantes do 6º ao 9º anos, anos finais do Ensino Fundamental.

Cerca de 100 Prefeituras Municipais já aderiram ao Programa e a formação é destinada a 120 membros das Equipes de Articuladores, entre técnicos das Secretarias Municipais de Educação e secretários municipais de Educação, de 40 municípios maranhenses convidados para essa primeira etapa de formações.

“Já temos uma adesão muito boa das prefeituras municipais ao Programa Mais Integral. Hoje estamos aqui para realizar a nossa primeira formação. São 40 cidades participantes desse primeiro momento, recebemos hoje uma média de 120 participantes entre articuladores pedagógicos, prefeitos e secretários municipais de educação. Aqui estamos marcando esse processo formativo e vamos dar continuidade com formações de aprimoramento durante todo o período de implantação do Programa Mais Integral”, contou Lilia Mendes.

A 1ª Formação Inicial de Imersão no Modelo Pedagógico e no Modelo de Gestão Escolar tem duração de três dias, momentos em que os articuladores pedagógicos municipais terão contato com todas as metodologias, práticas e modelos necessários para a implementação das escolas de tempo integral em suas redes municipais de educação.

Para o secretário municipal de Humberto de Campos, Prof. Josué, essa é uma oportunidade para dar uma aprendizagem melhor aos estudantes. “O Mais Integral é uma política educacional implementada pelo Governo do Estado e com excelente adesão pelo nosso prefeito, que irá melhorar a educação de Humberto de Campos. E com essa parceria entre Estado e Município vamos desenvolver um trabalho de excelência. Um trabalho que a sociedade está aguardando, com educação em primeiro lugar. Educação de qualidade”, afirmou o secretário municipal Prof. Josué.

A ação também foi reverenciada pelo prefeito de Apicum-Açu, Zequinha Ribeiro. “Era um sonho nosso levar o ensino integral à Apicum-Açu e o Governo do Maranhão está de parabéns por mais essa iniciativa”, concluiu o prefeito.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!