ESTADO

Volume do rio Tocantins reduz, mas bombeiros mantém operações na região

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão segue monitorando o nível do rio Tocantins, atualmente com tendência de diminuição do… [ ]

26 de janeiro de 2022

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão segue monitorando o nível do rio Tocantins, atualmente com tendência de diminuição do seu volume. Seu transbordamento colocou diversas cidades do estado em situação de emergência. Em Imperatriz, por exemplo, ele se encontra atualmente abaixo da “cota de inundação”. Ainda assim, os bombeiros continuam trabalhando na operação de auxílio às vítimas.

De acordo com o Major José Lisboa, a corporação realizou nesta segunda-feira (24) a entrega de 190 cestas básicas e 89 conjuntos de higiene pessoal nos bairros Beira Rio, Caema e Leandra.

“Nosso trabalho em Imperatriz está focado agora nestes bairros que foram bastante afetados pelo alagamento. Além das cestas básicas e material de higiene pessoal, estamos fazendo o levantamento e cadastro das vítimas que apresentaram maior prejuízo frente a esse desastre da inundação”, esclareceu.

Dezessete municípios já decretaram situação de emergência, são eles: Mirador, Grajaú, Barra do Corda, Jatobá, Paraibano, Formosa da Serra Negra, Imperatriz, Vila Nova dos Martírios, Fortuna, São Luís Gonzaga, Parnarama, Buriti Bravo, São Roberto, Lagoa Grande do Maranhão, São Pedro da Água Branca, Colinas e Santa Quitéria.

Outros 15 municípios são monitorados pela Defesa Civil. Ao todo, são contabilizadas 1.392 famílias desabrigas ou desalojadas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!